Política - PSDB - Notícias
« 1 ... 749 750 751 (752) 753 754 755 ... 767 »
Política : PSDB
Enviado por alexandre em 07/06/2010 18:29:23



Comitiva do PSDB recebida de Vale do Anari a Vilhena



Vale do Anari, Theobroma mais os distritos 5º BEC e Assentamento Palmares engrossam a lista de cidades com adesão à pré-candidatura de Expedito Júnior ao Governo do Estado pelo PSDB. No último sábado a comitiva percorreu essas localidades, mais a tradicional festa da Roima, onde foi recebido pelos organizadores da festa e populares, que lotaram o recinto.
Em Vale do Anari, ainda pela manhã, Expedito Júnior, juntamente com Agnaldo Muniz- pré-candidato ao Senado pelo PSC- e Hamilton Casara- presidente regional do PSDB e pré-candidato à Câmara Federal-, fez visitas a amigos de longa data e foi surpreendido também com a participação de mototaxistas e taxistas, que lhe agradeceram pela regulamentação do mototaxi e por ter conseguido aprovar projeto que transforma as placas de taxi em patrimônio de família. Sete vereadores da cidade também estiveram junto a Expedito nas reuniões, que serviu ainda para demonstrar o quanto o pré-candidato ao Governo tem aceitação em toda a região. Os vereadores são Carlos Santos (PSB), Celso Souza (PTB), João Correia (PR), Josimar Pacheco (PSB), Manoel Gomes (DEM), Manoel Pereira (PTN) e Reginaldo Andrade (PTN). Ainda junto com a comitiva estiveram o ex-prefeito de Theobroma, Adão Nink (PSDB) e Stela Mari Martoni, ex-prefeita de Jaru e pré-candidata à Assembleia Legislativa.
Outro grupo visitado em Vale do Anari foi o de pastores de evangélicos, que em todo Estado tem levado o nome de Expedito Júnior e Agnaldo Muniz. Nas visitas aos pastores a tônica foi mesmo críticas ao Plano Nacional de Direitos Humanos, instituído pelo governo federal que, na visão de Agnaldo Muniz, vai contra os princípios da família. O pré-candidato ao Senado pelo PSC criticou ainda a adesão de senadores rondonienses para a aprovação desse projeto, afirmando que fará de tudo para que não continue penalizando as famílias e o direito de posse, entre outros pontos.
Após as visitas em Vale do Anari a comitiva liderada por Expedito Júnior fez visitas aos distritos 5º BEC e Assentamento Palmares, onde a família Maltezo (Nil da Total Móveis, Angelo e Edmar) organizaram ainda uma tarde de filiações com forte participação da comunidade.
As visitas aos municípios rondonienses incluíram ainda no domingo Cacoal, onde houve grande festa de MotoCross, e Vilhena, que pela terceira vez conseguiu o título de campeão rondoniense de futebol.





Política : Tráfico
Enviado por alexandre em 07/06/2010 18:00:00



PF prende de Ouro Preto por tráfico

PF/RN apreende 40 quilos de crack com cinco pessoas de Ouro Preto do Oeste

A Polícia Federal no Rio Grande do Norte apreendeu 40 quilos de crack ontem (6), em Ceará-Mirim, na Grande Natal.
Os agentes interceptaram dois veículos com placas de Rondônia na madrugada do domingo, e chegaram a uma casa onde encontraram garrafas PET com a droga.


Em decorrência da apreensaão, foram presos sete suspeitos, cinco deles de Ouro Preto D'Oeste, em Rondônia, e dois naturais do Rio Grande do Norte.


A PF já fazia um levantamento em todo o Estado sobre o tráfico, e há cerca de um mês investigava suspeitas em Ceará-Mirim. A presença de cinco pessoas de Rondônia na cidade, hospedadas em uma pousada, e que circulavam com dois carros daquele Estado aumentaram as suspeitas dos agentes.

Os cinco andavam na companhia do irmão de um homem preso no ano passado por tráfico de drogas pela PF. A polícia continuou o monitoramento dos dois carros e à meia-noite de domingo fez a abordagem dos ocupantes do de um deles.


Diante da abordagem, os rapazes confessaram que a droga estava na casa de uma das pessoas do grupo, o rapaz de Ceará-Mirim que seria o guardião.


A droga provavelmente vinha da Bolívia, passava por Rondônia, e chegava em Ceará-Mirim para ser distribuida na Grande Natal. A estimativa do delegado da PF Sandro Luciano Carom é de que a quantidade da droga daria pra 80 mil pedras de crack.

A estimativa da PF é de que seria possível produzir 80 mil pedras com os 40 quilos de droga apreendidos. Negociadas ao valor de R$ 5, renderia R$ 400 mil. “Com a quantidade de droga acreditamos que seria possível abastecer toda Grande Natal”, afirmou o delegado e superintendente da PF/RN, Sandro Luciano Carom.

Droga estava dentro de garrafas pet

Das cinco pessoas que trouxeram a droga de Rondônia, uma delas se disse a responsável pelo transporte da droga e que havia chegado a Ceará-Mirim naquele dia. O crack havia sido transportado dentro de garrafas “pet” no tanque de combustível dos dois veículos.

“Um dos motivos, além da placa, que chamou a atenção dos policiais foi o fato de o Uno ter um forte cheiro de gasolina. Isso é um indício que o combustível foi retirado para a colocação da droga. Mas, é percebido apenas quando há certa experiência por parte dos investigadores. Mesmo se eles tivessem passado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), dificilmente seriam pegos, visto que os documentos dos veículos estavam todos legais e não levantariam suspeitas”, explicou o delegado.

De Rondônia para Natal são, aproximadamente, 5 mil quilômetros e a viagem, de carro, dura em média quatro dias. Como já é de praxe da PF, nenhum nome dos envolvidos pôde ser divulgado. Pelo menos, até que a investigação seja concluída. “Acreditamos que a quadrilha seja maior e esse foi apenas o início das investigações. Vamos tentar descobrir qual a rota utilizada para chegar até o Brasil porque, provavelmente, a droga veio da Bolívia”. Segundo o delegado Carom, os sete presos devem ser indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico.



A operação contou com a participação da Polícia Militar de Ceará-Mirim.



Em contato com exclusividade com a reportagem do sitio www.ouropretoonline.com a assessoria de comunicação social da PF/RN informou os nomes dos acusados sendo: Markon de Souza Vitor, André de Oliveira Silva, Ivair Pereira Filho, Wilson Santos da Silva, Josué Fernandes Ramos, Oseías Geraldo de Souza, Jailton João de Souza e Francilvanio Cabral Dantas os veículos aprendidos foram: Um Fiat Uno, cor branca com placas de Ouro Preto (não informada) e um Voyage modelo 2009, cor prata placas de Ji-Paraná.

O delegado da Polícia Federal Cristian Gomes que comandou a operação disse que outras pessoas estão sendo investigadas tanto no Rio Grande do norte como em Rondônia especialmente em Ouro Preto do Oeste de onde os traficantes tem residências, A PF informou ainda que vai disponibilizar as fotos dos envolvidos para imprensa.


Autor: Alexandre Araujo e Tribuna do Norte

Política : FUTEBOL
Enviado por alexandre em 07/06/2010 00:18:10



VEC é Tri-campeão!



O Lobo do Cerrado conquista campeonato rondoniense pela terceira vez. Num jogo não apto para cardíacos, o Vilhena Esporte Clube teve dificuldades para vencer e quase vê o título escorrer pelas suas mãos.




É a quinta vez consecutiva que o VEC disputa uma final no campeonato rondoniense sendo a terceira conquista lograda com suor e esforço. O mérito do VEC vai além dos gramados, pois nos bastidores sempre enfrentou dificuldades alheias ao âmbito esportivo.

Aos cinco minutos do primeiro tempo Augusto Cesar coloca a bola dentro das redes do gol do Ariquemes. A Torcida Organizada vibra no uníssono fazendo o estádio Portal da Amazônia estremecer de emoção.




Os jogadores de ambos os times jogavam de igual a igual, uma hora era o VEC outra era o Ariquemes. Aos 21 minutos Cesar Baiano, de pênalti, marca o primeiro gol do Ariquemes deixando num silêncio sepulcral o estádio.

Cesar Augusto tem um gol anulado devido a uma falta. Não demorou muito e o crack do VEC Edilson Pereira novamente vence a defesa do goleiro Ary deixando em vantagem o Lobo do Cerrado aos 30 minutos. Vec 2 x 1 Ariquemes.

Aos 35 minutos Souza no intuito de fazer gol, tira a bola para fora das redes do Ariquemes, se não tivesse tocado nela seria o terceiro gol do VEC.

No segundo tempo, bastou somente cinco minutos para que o goleador Souza marque seu 24° gol no campeonato rondoniense 2010. A Torcida Organizada se enche de euforia e o VEC vislumbrava o tri.

O técnico Ivair Cenci faz mudanças e aos 17 minutos entra Senegal e sai Edilson Pereira em meio a aplausos.

O bandeirinha anula um gol do Ariquemes aos 33 minutos e os jogadores quase armam uma confusão no jogo.

Aos 26 minutos o atacante Souza sai devido a uma lesão, a torcida aplaude e entra Jessé.

O atacante do Ariquemes , Batista, aproveitando sua estatura tenta fazer um gol com a mão, mas a bola pega na trave, nem o juiz e nem o bandeirinha viram a jogada.

O VEC se sentiu confiante com a vitória de 3 x 1 e começou a baixar o nível do jogo. Mas o Ariquemes mostrou que chegou à final porque eram bons mesmo.
Aos 35 minutos o camiseta número 11 Saulo chuta e a bola passa por meio das pernas do goleiro Rocha, fazendo o 3 x 2, diminuindo a vantagem do VEC.

Três minutos depois Tardeli, ex-jogador do VEC, fez o terceiro gol do Ariquemes. O gol do empate a escassos minutos do final deixou os vilhenenses com um gosto amargo, o que parecia tranqüilo tornou-se desespero. O Gaúcho do Milho passava a mão no rosto e reclamava de uma mudança mal feita pelo técnico Ivair Cenci.

A torcida do Ariquemes estava reduzida a umas quantas camisetas amarelas, torcedores fiéis que não levaram uma decepção e sim, uma demonstração de raça e determinação por parte dos seus atletas.
Finalmente após sete minutos de tensão o juiz apita, o Vilhena Esporte Clube é tri-campeão, a torcida vai ao delírio, os jogadores choram de alegria, nas arquibancadas as bandeiras e os gritos de alegria se confundiam.

O técnico Paulo Cezar foi para cima do juiz Almir Belarmino Caetano e tentou agredi-lo, sendo contido pela polícia militar, ele disse: “Esse título é seu!”

Compareceram ao estádio 2459 torcedores, entre eles 2009 pagantes e 450 não pagantes, obtendo uma arrecadação de R$32.680,00

Ficha Técnica
VEC 3 x 3 Ariquemes
Local: estádio Portal da Amazônia (em Vilhena);

Árbitro: Almir Belarmino Caetano;
Auxiliares: Edmar Rodrigues Araújo e Valdecir Ferreira da Silva;

Gols: Edilson Pereira aos 5’, Cezar Baiano aos 20’ e Edilson Pereira aos 39’ do 1º; Souza aos 6’, Andrade aos 36’ e Tardelli aos 39’ do 2º;

Cartões Amarelos: Souza (VEC); Batista e Cezar (Ariquemes);

VEC
Rocha; Jonatan, Edilson Pastor e Magrão; Luizinho, Sorbara, Kukau, Magrão, Marcelo Soares e Edilson Pereira (Senegal); Souza (Jessé) e Augusto César (Joel). Técnico: Ivair Cenci.

Ariquemes
Ari; Batista, Biro e Marcone (Kanu); Rafael (Andrade), Reginaldo, Cezar Baiano, Neno, Elzon (Tardelli) e André Diniz; Cezar e Saulo. Técnico: Paulo César Alencar.

Autor e fotos: Nano Labajos

Política : Uso indevido
Enviado por alexandre em 06/06/2010 11:11:34



Uso de carro oficial indevido dar prisão

Funcionários Públicos da prefeitura de Porto Velho são detidos por uso de veículo oficial fora do horário de trabalho.

Uma guarnição do setor de inteligência do 6º BPM compareceu no local, fez algumas fotos do ato ilícito e posteriormente, outra guarnição da PM compareceu no Porto Oficial.



A polícia militar foi acionada pela Promotora de Justiça, Dra. Luciana Nicolau, na manhã de ontem. Ela relatou aos policiais que o veículo marca FIAT PLACAS NED 0195 oficial pertencente a SEDES de Porto Velho, estava estacionado nas imediações do Porto Oficial. Seus ocupantes haviam ido fazer compras em Guayaramerin – Bolívia, fora do horário de trabalho, fazendo uso indevido do veículo oficial em benefício próprio.

Uma guarnição do setor de inteligência do 6º BPM compareceu no local, fez algumas fotos do ato ilícito e posteriormente, outra guarnição da PM compareceu no Porto Oficial. No momento em que os ocupantes do veículo chegaram da Bolívia receberam voz de prisão, os quais foram identificados como sendo os funcionários públicos: LEVI PASSOS RODRIGUES e PAULO DE TARSO WANDERLEY FERRO. Os dois foram conduzidos para a Delegacia de Polícia juntamente com o veículo oficial para o registro da ocorrência policial e providências que o caso requer. O veículo ficou apreendido no pátio da delegacia de Polícia.

Agora imagina a farra que muitos veículos pertencentes a órgãos públicos com representação no município de Ouro Preto do Oeste aprontam principalmente quando estão na capital Porto Velho.
E para não serem flagrados muitos chefes de departamento vão fazer compras e outras coisas estacionar os carros com placas brancas nas ruas próximas e para não deixar duvidas temos em nosso puder fotos que comprovam a denúncia e no momento oportuno vão publicá-las para que a sociedade saiba o que estão fazendo com o erário público, sabedor da austeridade com a coisa pública que o prefeito do município Alex Testoni (PTN) e do governador João Cahulla (PPS) acreditamos que ambos não saibam desta pouca vergonha que vem ocorrendo com os veículos oficiais.

Autor: Alexandre Araujo e guajaranoticias

Política : Copa do Mundo
Enviado por alexandre em 05/06/2010 15:22:41



Brasil: Maioria nasceu no eixo Rio-São Paulo.

Geografia da seleção mostra diferenças sociais no país da bola


Maioria nasceu no eixo Rio-São Paulo. Pernambucano Josué comenta

Um retrato das diferenças sócio-econômicas entre as cinco regiões do Brasil. A lista de convocados pelo técnico Dunga para representar o futebol brasileiro na Copa do Mundo da África do Sul prova que um jogador nascido no Norte ou no Nordeste do país sofre muito mais para conseguir reconhecimento e, consequentemente, chegar a vestir a camisa amarela.

Dos 23 eleitos, 15 nasceram no Sudeste, região mais desenvolvida do Brasil: sete em São Paulo, seis no Rio de Janeiro e dois em Minas Gerais. Outros quatro são do Sul (dois do Rio Grande do Sul e dois do Paraná). A região Nordeste tem apenas dois representantes (um baiano e outro pernambucano). Do Centro-Oeste, dois, ambos do Distrito Federal. Não há nenhum jogador do Norte.

- Além do dom, a pessoa tem de nascer com estrela. Se ela não brilhar, ninguém chega onde deseja – declarou Josué. Nascido em Vitória de Santo Antão, em Pernambuco, ele forma a dupla de nordestinos com o lateral-direito Daniel Alves. O jogador do Barcelona é natural de Juazeiro, na Bahia.

São Paulo, que detém uma fatia de 33,9% do PIB brasileiro, é o estado que mais formou jogadores: Doni, Luisão, Kaká, Elano, Robinho, Júlio Batista e Luis Fabiano. Rio de Janeiro, que tem em sua capital o principal ponto turístico do Brasil, tem seis atletas na Copa: Felipe Melo, Gilberto, Juan, Julio Cesar, Ramires e Thiago Silva.
Questionado sobre esse domínio do eixo Rio-São Paulo, reforçado por Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná, o pernambucano Josué concordou que a trajetória daquele que nasce em regiões mais pobres até o sucesso no futebol é mais tortuosa. Até porque nesses casos não basta apenas talento.

- É lógico que no Nordeste as dificuldades são maiores. No eixo sul e sudeste do país, as pessoas têm uma condição melhor. Lá, por ser uma região mais pobre, temos mais dificuldades financeiras – afirmou o volante da seleção brasileira.

Veja então como fica o time titular de Dunga por estado: Julio Cesar (RJ); Maicon (RS), Lucio (DF), Juan (RJ) e Michel Bastos (RS); Gilberto Silva (MG), Felipe Melo (RJ), Elano (SP) e Kaká (DF); Robinho (SP) e Luis Fabiano (SP).

« 1 ... 749 750 751 (752) 753 754 755 ... 767 »