Mais Notícias - 25 mil torcedores em coro: “Fora Beto Richa” - Notícias
« 1 ... 3 4 5 (6) 7 8 9 ... 8160 »
Mais Notícias : 25 mil torcedores em coro: “Fora Beto Richa”
Enviado por alexandre em 04/05/2015 09:39:09

25 mil torcedores em coro: “Fora Beto Richa”

O governador Beto Richa (PSDB) foi alvo nesta tarde de vaias e palavras de ordem no estádio Couto Pereira, em Curitiba, onde ocorre a final entre o Operário e Coritiba pelo Campeonato Paranaense.

"Fora Beto Richa", gritavam as duas torcidas em protesto ao massacre dos professores na quarta-feira, dia 29 de abril, na capital paranaense, quando mais de 200 educadores ficaram feridos por bombas e cães da PM.

Ontem à tarde, também em Curitiba, a torcida do Atlético não poupou o tucano. A Arena da Baixada entoou vários gritos de guerra anti-Richa.

“Ei Beto Richa vai tomar no cu…”, “Puta que pariu… o Beto Richa é a vergonha do Brasil”, “O professor é meu amigo, mexeu com ele mexeu comigo”.

Você acha que acabou as hostilidades, caro leitor? Ledo engano. Na quinta (30), o meia do Tubarão (Londrina) Rafael Bastos, ao comemorar o título do interior, sacou um cartaz com os seguintes dizeres: “Beto Richa tirano! Que vergonha bater em trabalhador! #Força professores!!!”.

Como se vê, o massacre dos professores chegou a todos os setores – da padaria ao estádio de futebol – para o azar do monstro Beto Richa e sorte da sociedade democrática.

Portanto, o povo tem razão: “Fora Beto Richa, renúncia já!”.  (Do blog do Eimael)

Mais Notícias : A força dos números
Enviado por alexandre em 04/05/2015 09:38:24

A força dos números

Pedro Pedrossian Neto, leitor desta coluna, fez algumas contas interessantíssimas sobre o tamanho da ladroeira do Petrolão. Os R$ 6,2 bilhões oficialmente desviados da Petrobras, em notas de R$ 100, enfileiradas, formariam uma trilha do Oiapoque ao Chuí, ida e volta.

Os R$ 21,6 bilhões de prejuízo da Petrobras em 2014 iriam de Ushuaia, na Patagônia, extremo Sul da América, até Anchorage, no Alasca, no extremo Norte, e voltariam; e, saindo mais uma vez de Ushuaia, chegariam à metade da distância até Anchorage. Isso ainda é pouco: os R$ 44,3 bilhões de baixa contábil (projetos que custaram caro e não deram certo) dariam uma volta e meia na Terra. (Carlos Brickmann)

Nossos governantes, claro, não sabiam de nada.

Mais Notícias : Vitória de Aécio: Minas já tirou a diferença
Enviado por alexandre em 04/05/2015 09:37:36

Vitória de Aécio: Minas já tirou a diferença

Já não existem os 3,4 milhões de votos que deram à Dilma Rousseff vitória sobre Aécio Neves no ano passado. Pelo menos na ótica do eleitor mineiro, estado onde o tucano sofreu a mais emblemática derrota na corrida ao Planalto.

Segundo pesquisa do Instituto Sensus concluída na terça-feira 28, se a disputa fosse hoje ele venceria com frente de 6,6 milhões de votos.

Foram 1 mil entrevistados em MG: Aécio faturou 79% dos votos (47,6% em 2014) e Dilma 21% (52,4%). Em seu berço político, o senador já pode dormir em paz.  (Ricardo Boechat - ISTOÉ)

Mais Notícias : Caminho da perdição de jovens carentes
Enviado por alexandre em 04/05/2015 09:36:59

Caminho da perdição de jovens carentes

Com o aval dos pais, 17 adolescentes que sonham com o sucesso no funk foram morar na residência do empresário Emerson Martins, de 42 anos. Erguido ao lado da Favela de Heliópolis, o casarão de três andares tem estúdios de gravação, piscina, salas para produção de clipes e um dormitório onde ficam algumas das estrelas em ascensão do gênero. Mas a “fábrica dos sonhos” do funk entrou na mira do Ministério Público do Trabalho e da Promotoria da Infância e da Juventude. Clipes erotizados e com alusão às drogas que “viralizaram” na internet, feitos dentro do casarão, “ferem a dignidade das crianças e dos adolescentes”, segundo os promotores.

Em vez de só analisar pareceres do Degase, elaborados por psicólogos, pedagogos e assistente sociais, a Justiça do Rio de Janeiro passou a ir às unidades de internação entrevistar adolescentes em conflito com a lei e responsáveis. Mas a mudança no sistema de reavaliações não agradou o Ministério Público estadual. É que a maior parte dos infratores analisados em abril recebeu progressão de regime ou extinção da pena, incluindo autores de delitos graves. De O Estdo de S.Paulo)

Mais Notícias : As mudanças no “Jornal Nacional” em números
Enviado por alexandre em 04/05/2015 09:36:22

As mudanças no “Jornal Nacional” em números

Mais espaço para interatividade

Mais espaço para interatividade

Um levantamento inédito feito pelo Controle da Concorrência esquadrinhou as mudanças que aconteceram no Jornal Nacional na semana passada.

O noticiário comandado por William Bonner agora tem um novo cenário onde os apresentadores chegam a ficar de pé em alguns momentos para interagir com um telão.

Na edição do dia 27, quando as novidades foram ao ar, o JN teve 53 minutos de duração. Do total, 8m37 foram dedicados ao estúdio do jornal, 19m35 para reportagens e 17m46 para o uso da interatividade no telão.

Na segunda-feira anterior, no dia 20, o tempo dedicado a reportagens era muito maior. O programa teve 7m45s de imagens no estúdio e 37m40s dedicados à reportagens.

Por Lauro Jardim

Campeã de propaganda

Bündchen é a preferida dos brasileiros para campanhas

Bündchen é a preferida dos brasileiros para campanhas

Gisele Bündchen é a personalidade brasileira com maior credibilidade para recomendar um produto em uma campanha publicitária. É o que revela uma pesquisa inédita feita pelo Ibope com 6 000 entrevistados entre 16 e 69 anos.

No sistema de pontuação criado pelo instituto, a modelo recém-aposentada das passarelas alcançou a nota 84,33, seguida de Neymar (82,45) e Silvio Santos (82,35).

Por Lauro Jardim

« 1 ... 3 4 5 (6) 7 8 9 ... 8160 »