Regionais - Na Paraíba cachorro é batizado com direito a discurso do prefeito - Notícias
(1) 2 3 4 ... 7717 »
Regionais : Na Paraíba cachorro é batizado com direito a discurso do prefeito
Enviado por alexandre em 19/11/2018 10:16:04

Em Mogeiro, cachorro é batizado com direito a discurso do prefeito
Parece o enredo do filme ‘Auto da Compadecida’, quando uma cachorra recebeu a extrema unção de um padre e bispo da cidade interiorana em troco de um alto valor em dinheiro, mas a cidade de Mogeiro, na Paraíba, atualiza a história de Ariano Suassuna com um batismo de um bichinho chamado Igor.

Assim como na estória, figuras públicas participaram da celebração religiosa, que contou com festa e toda a pompa que cabia à ocasião. O prefeito de Mogeiro, Alberto Ferreira (PR), fez um discurso no batizado do cão e afirmou admirar o amor da conterrânea com seu animal de estimação.

“Em nome da nossa trejetória política, esse é um momento histórico, um momento nunca vivido por mim, um momento em que se batiza um cachorro”, disse o prefeito.
Mogeiro, pequena cidade paraibana que fica entre Itabaiana e Ingá, viveu uma bela festa esta semana, com direito a comes e bebes e discursos proferidos pelas principais autoridades da cidade.

Aconteceu no batizado do cachorrinho Igor.

O prefeito Alberto Ferreira, do PR, estufou o peito e proferiu bela oração discursória, afirmando, abraçado à dona do homenageado, que “Em nome da nossa trajetória política, esse é um momento histórico, um momento nunca vivido por mim, um momento em que se batiza um cachorro”,

Ouça o discurso do alcaide:

http://www.polemicaparaiba.com.br/politica/copiando-o-auto-da-compadecida-prefeito-de-mogeiro-participa-de-batizado-de-cachorro-veja-video/

Regionais : Mulher de 24 mata marido de 78 de tanto fazer amor
Enviado por alexandre em 19/11/2018 10:09:08

Mulher disse que não queria matar o marido (Foto: Da Net)
Uma mulher de 24 anos foi presa por ter matado o marido, um fazendeiro de 78 anos, após uma maratona de relações regada a viagra, ela mentiu dizendo que estava apaixonada pelo idoso apenas para conseguir se casar e colocar seu plano em pratica interessada em seus bens.
Augusto Ribeiro era um dos maiores fazendeiros do estado do Amazonas. A neta do idoso de 13 anos conseguiu Hackear o celular da mulher e ter flagrado mensagens dela com outra amiga falando.

“Casei com este velho apenas para ficar com tudo que ele tem, quem gosta de velho é INSS e sindicato”.
Na delegacia a mulher disse: “ Eu não tive a intenção de matá-lo, estávamos apenas fazendo amor’.’
O delegado informou que além do assassinato a mulher também se enquadra no Artigo 215 do código penal, e apesar de pouco divulgado na imprensa é um crime bastante comum. Se casar com alguém ou praticar outro ato libidinoso com alguém, mediante fraude ou outro meio que impeça ou dificulte a livre manifestação de vontade da vítima.

Comete esse crime, por exemplo, a mulher que engana o marido ou namorado dizendo está apaixonada ou sentir um grande amor pela pessoa, de forma mentirosa apenas com interesse nos bens é um crime, afirmou o delegado.

A mulher presa admitiu ter dito que não amava o marido, porem disse que não queria matar o companheiro, e que ela era completamente apaixonada pelo velho, e que ela não sabia que mentir para se casar com um idoso fazendeiro rico também é crime.(Vavá da Luz)

Regionais : Golpe do auxílio-reclusão desvia milhões do INSS
Enviado por alexandre em 19/11/2018 09:49:12

Golpe do auxílio-reclusão desvia milhões do INSS

Uma investigação da Polícia Federal (PF) desmantelou a ação de quadrilhas de São Paulo, Rio de Grande do Sul e Sergipe que aplicavam o golpe do auxílio-reclusão. Os bandidos utilizavam-se de documentos falsos para desviar milhões de reais do INSS.

Como apurado pelo ‘Fantástico’, da ‘TV Globo’, as quadrilhas forjavam vínculos de empregos entre presidiários e empresas de fachada e falsificavam documentos, como o atestado de reclusão – necessário para solicitar o benefício junto ao INSS – ou até certidões de nascimento e casamento, para a criação de dependentes do preso.

A quadrilha usava documentos de pessoas que, em muitos casos, não sabiam que seus nomes estavam envolvidos na fraude.

De acordo com a reportagem, um servidor do INSS também fazia parte da quadrilha, facilitando a liberação do benefício. O funcionário e mais três suspeitos foram presos. Quatorze pessoas foram denunciadas.

O benefício

O auxílio-reclusão é um benefício pago pelo INSS aos dependentes (cônjuges, companheiros ou filhos com até 21 anos) de uma pessoa presa em regime fechado ou semiaberto, desde que ela trabalhe, contribua para a Previdência e seja de baixa renda (com salário de até R$ 1.319,18 mensais).

De janeiro a outubro de 2018, foram pagos pouco mais de R$ 510 milhões em auxílio-reclusão para as famílias de 47 mil presos.

Regionais : Gustavo Perrella, do helicóptero com cocaína, é nomeado para o Ministério do Esporte
Enviado por alexandre em 18/11/2018 16:47:49

Gustavo Perrella, do helicóptero com cocaína, é nomeado para o Ministério do Esporte


O ministro do Esporte Leonardo Picciani (PMDB) nomeou nesta sexta-feira o ex-deputado estadual em Minas Gustavo Perrella, que ficou famoso em todo País após um helicóptero de sua empresa ser apreendido pela Polícia Federal com 445 kg de cocaína em 2013, para o cargo de Secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor.

Na ocasião, o piloto do helicóptero, que foi detido em flagrante, era funcionário do gabinete de Gustavo Perrella na Assembleia de Minas e foi exonerado após o episódio. Além disso, o então deputado mineiro utilizou R$ 14 mil de sua verba indenizatória para abastecer a aeronave, que foi devolvida à empresa da família Perrella por decisão da Justiça Federal, em agosto de 2014.

Gustavo Perrella chegou a ser investigado pela Polícia Federal, que concluiu que ele não teve envolvimento com o tráfico de drogas, pois o piloto teria pego a aeronave sem o conhecimento da família. A apreensão do helicóptero foi parte de uma operação da PF que revelou uma organização criminosa comandada por empresários brasileiros era responsável pelo transporte de cocaína das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) da Venezuela para Honduras, onde toneladas da droga eram entregues aos cartéis mexicanos de Sinaloa e Los Zetas.

O grupo comprava códigos de identificação do controle aéreo venezuelano que, assim, deixava de abater o avião. Cada voo pagava até US$ 400 mil de propina a militares da Venezuela.

Gustavo Perrella é filho do senador Zezé Perrella (PDT-MG), um dos representantes da bancada da bola no Congresso. Com informações do Estado de S.Paulo.

Regionais : Em 6 meses, Lula recebeu 572 visitas na prisão
Enviado por alexandre em 18/11/2018 16:45:03

Em 6 meses, Lula recebeu 572 visitas na prisão

Em 6 meses, Lula recebe 572 visitas na prisão

Em seis meses de prisão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu 572 visitas em sua cela especial na Polícia Federal em Curitiba (PR). A maioria foi feita por advogados com procuração para defender o petista, entre eles, políticos como o candidato derrotado do PT à Presidência, Fernando Haddad – que, embora seja advogado, não atua nos processos contra o ex-presidente.

A nomeação de políticos aliados como defensores permitiu ao ex-presidente comandar o PT e a campanha de Haddad da prisão – onde cumpre pena de 12 anos e um mês desde o dia 7 de abril. A presidente do partido, Gleisi Hoffmann, o tesoureiro, Emídio de Souza, o deputado Wadih Damous e os ex-deputados Luiz Eduardo Greenhalgh e Luiz Sigmaringa Seixas também receberam procurações. Isso possibilitou visitas a Lula de segunda a sexta – direito previsto em lei para defensores de presos.

O período de maior movimento na cela de Lula foram os dias que antecederam e sucederam a cassação de sua candidatura pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Haddad visitou Lula nos dias 27 e 30 de agosto. Na semana seguinte, a cela – de cerca de 15 metros quadrados – ficou pequena para a maior reunião realizada por Lula, com 10 advogados no dia 3 de setembro.

Entre eles, Haddad, que voltou na tarde daquele mesmo dia. O ex-prefeito de São Paulo foi oficializado candidato na semana seguinte. Na véspera e no dia do registro, 11 de setembro, Haddad e Lula tiveram quatro encontros que duraram, ao todo, cerca de dez horas.

Haddad fez 21 visitas entre 17 de maio e 8 de outubro, um dia depois da votação em primeiro turno – foram cerca de 400 horas de conversas, segundo os registros da PF. No dia 9, a presidente do PT anunciou que Lula teria mandado um recado: “Manda o Haddad fazer campanha, não precisa vir mais aqui”. E assim foi feito.

Além dos políticos, 21 advogados – defensores que atuam nas áreas criminal, cível e eleitoral – se revezaram nas visitas diárias. Os mais presentes foram os paranaenses Manoel Caetano Ferreira e Luiz Carlos da Rocha, com mais de 100 visitas cada. O criminalista Cristiano Zanin Martins, dos processos da Lava Jato, fez pelo menos 31 visitas no período. A banca constituída por Lula inclui ainda o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Sepúlveda Pertence (três visitas), o ex-ministro da Justiça Eugênio Aragão (11), José Roberto Batochio (sete) e Roberto Teixeira (quatro).

Em seis meses de prisão, Lula recebeu 54 visitas “sociais”, entre elas, as da ex-presidente Dilma Rousseff (duas visitas), Jaques Wagner (três) e de celebridades como Chico Buarque, Martinho da Vila e o ator e ativista americano Denny Glover.

Os registros da PF mostram que o ex-presidente recebeu 116 visitas da família, a maioria dos filhos, sempre às quintas-feiras – os demais presos da carceragem da PF recebem familiares e amigos às quartas.

Na prisão, o ex-presidente petista também teve o direito de receber visitas “religiosas” às segundas-feiras. Foram 17. O mais assíduo é o pai de santo Antonio Caetano de Paula Júnior, o Caetano de Oxóssi (três visitas), da Cabana Pai Tobias de Guiné, conhecida como Terreiro Tulap. Com informações do Estadão Conteúdo.

(1) 2 3 4 ... 7717 »