Policial - Polícia Civil - Notícias
« 1 ... 148 149 150 (151) 152 153 154 ... 158 »
Policial : Polícia Civil
Enviado por alexandre em 26/07/2010 18:30:00



Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste prende elemento que matou padrasto por motivo fútil

O foragido do sistema prisional da Comarca de Ji-Paraná Carlos Barbosa de Souza, 28 anos foi preso em flagrante após praticar crime de morte contra seu próprio padrasto identificado como sendo Braz Ferreira, 44.

O crime de morte ocorreu na BR 364, lote 20 Gleba 06 zona rural de Ouro Preto do Oeste na madrugada do último sábado (24). Segundo relato do próprio homicida em depoimento ao delegado Cristiano Martins Mattos, Ele (homicida) estava em um forró na companhia do seu padrasto Braz Ferreira ingerindo bebida alcoólica e por volta da meia – noite resolveram retornar para a residência que fica localizada na fundiária do lote.

O homicida Carlos disse que ao chegarem próximo a uma ponte de madeira a vitima Braz, começou a discutir sem motivo algum e Ele (Carlos) de posse de um palanque (madeira para fazer cerca) desferiu dois golpes que atingiram o crânio da vitima que caiu ao solo agonizando.

Em seguida o homicida foi para casa dormir tranqüilamente como se nada tivesse acontecido e só se acordou com o relato da sua mãe chorando em razão de um vaqueiro ter encontrado o corpo de Braz em uma estrada vicinal sem vida.

A Polícia Militar foi acionada e compareceu juntamente com a Polícia Técnica que fizeram todos os procedimentos legais. Ao ser informado do crime de morte o delegado Cristiano Mattos com uma equipe da Sevic iniciaram as investigações e logo chegaram ao autor do homicídio que confessou a autoria sem demonstrar arrependimento.

O delegado Cristiano Mattos informou que o homicida Carlos Barbosa é foragido do Presídio Agenor de Carvalho de Ji-Paraná onde estava cumprindo pela por assalto a mão armada e a vitima Braz Ferreira era foragido da Justiça há três anos onde foi condenado há 18 anos de reclusão após matar um homem com mais de 20 facadas na cidade de Ji-Paraná.

Em contato com a reportagem o homicida Carlos Barbosa disse que não estava arrependido e que já algum tempo queria assassinar o seu padrasto, mas como não estava tendo oportunidade.

Após ser ouvido pelo delegado Cristiano Mattos o réu confesso Carlos Barbosa foi flagranteado no Art. 121 (homicídio) do Código Penal Brasileiro – CPB e caso seja condenado poderá pegar até 30 anos de prisão, o homicida foi recolhido a Casa de Detenção local e ficará a disposição da Justiça.


Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Paparazzo
Enviado por alexandre em 24/07/2010 14:08:48



Paparazzo tem Larissa Riquelme e porta-celular que marcou Copa da Africa

O Paparazzo publicou neste sábado o ensaio da musa Paraguaia

A modelo paraguaia Larissa Riquelme, musa da Copa do Mundo 2010, posou para o Paparazzo nesta sexta, 23, em uma mansão no Rio de Janeiro.

Veja o perfil da musa Paraguaia

Nome completo: Larissa Riquelme Frutos. Data de nascimento: 22/02/1984. Parte do corpo que mais gosta: Minha cintura. O que não tolera nos homens: Mentira. Homem mais bonito: Meu pai, Roman Riquelme, e o jogador Kaká. Mulher mais bonita: Minha mãe, Limpia, e a Xuxa. Música para ouvir entre quatro paredes: Qualquer uma bem romântica. Lugar mais estranho onde já fez amor: No Rio Paraguai. Filme: “Eclipse”. Comida: Paella à Marinera, com frutos do mar. Perfume: Ange ou Démon, de Givenchy. Viagem inesquecível: Quando fui à Disney e quando desfilei no carnaval carioca. Não consigo viver sem...: Minha mãe

CLIQUE NA FOTO E APRECIE O ENSAIO DA MUSA









Policial : De volta
Enviado por alexandre em 22/07/2010 01:45:20



Polícia Civil estoura boca de fumo que abastecia “riquinhos de Ouro Preto do Oeste”

Com um trabalho investigativo tendo a frente o delegado Cristiano Martins Mattos a Polícia Civil conseguiu estourar uma boca de fumo localizada na Rua Santa Catarina, bairro Novo Horizonte em Ouro Preto do Oeste.

Na operação a Polícia Civil prendeu o desocupado Júlio César (foto) que estava com uma moto Honda twister, cor azul placa IPL Estância Velha/RS produto de roubo conforme ficou constatado após checagem no sistema e vários equipamentos de pedreiro e marceneiro de procedência ilícita.

O delegado Cristiano Martins disse que o desocupado Júlio César que estava em liberdade condicional pela pratica de roubo vinha sendo monitorado por policiais civis em razão do mesmo não ter largado o mundo do crime.

O delegado informou que chegaram várias denúncias de que o desocupado era responsável por uma boca de fumo que abastecia jovens filhos de pessoas influentes na sociedade, sendo que o grande movimento da boca de fumo era depois da meia noite quando possantes carros paravam em frente a casa do desocupado e eram abastecidos de drogas.

Com a prisão do desocupado Júlio César o delegado acredita que outras bocas de fumo serão estouradas, os detalhes não foram revelados para não atrapalhar as investigações em curso sob a responsabilidade do delegado Mattos.

Foi encontrado em poder do desocupado um caderno de anotações com vários nomes de pessoas conhecidas na cidade que supostamente eram clientes do desocupado na compra de droga.

Após os procedimentos legais o desocupado Júlio César foi atuado em flagrante e recolhido a Casa de Detenção local onde ficará a disposição da Justiça.


Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Mundo Cão
Enviado por alexandre em 20/07/2010 21:16:44



A Justiça eleitoral se for acionada vai ter muito trabalho para coibir os crimes eleitorais que vem sendo praticados

Coluna Mundo Cão

Crime ambiental I

Com certeza o município de Ouro Preto do Oeste é seguramente onde a legislação ambiental é ignorada por aqueles que deveriam ter o dever de fazer valer o que preconiza a Lei. Apenas para refrescar a memória o crime que foi praticado no Morro da Embratel é coisa para o ou os responsáveis irem para cadeia tamanha foi a devastação em uma área de preservação ambiental esperamos que a Justiça seja feita.

Crime ambiental II

A prefeitura municipal não sei quem mandou, mas o fato é que o Igarapé próximo a garagem municipal foi represado para que caminhões pipas sejam abastecidos o que chama atenção nisso tudo é que a sensação de impunidade é reinante principalmente com os donos da verdade que habitam a prefeitura municipal.

Crime eleitoral a rodo

A Justiça eleitoral se for acionada vai ter muito trabalho para coibir os crimes eleitorais que vem sendo praticados neste inicio de campanha na região de Ouro Preto do Oeste. O fato é que praticamente todos os candidatos vêm passando por cima da Lei no qual se intitulam os intocáveis algo assim tenho dinheiro é o que importa o resto que no caso é o povo que vá plantar batatas em Marte.
Impressora americana

Tem uma determinada Câmara municipal da região central do estado que adquiriu uma potente impressora até ai um fato normal, caso o equipamento tivesse o seu manual escrito em inglês diante disso nos levar acreditar que a tal impressora foi adquirida no mercado paralelo para ser mais direto Bolívia ou Paraguai.




Traíras em cardume

Passadas as convenções partidárias, os candidatos a cargos eletivos vão se ocupar agora com a propaganda eleitoral, visitas aos eleitores, organização de comícios, passeatas, carreatas e o famoso corpo a corpo. Todas são atividades importantes, principalmente para os candidatos a cargos majoritários. Aconselha-se, contudo, que os candidatos evitem os traíras, que nesta época aparecem em cardumes prometendo rios de votos em troca de muito dinheiro. Geralmente são lideranças políticas que aproveitam o prestigio político que têm na região para faturar com os desavisados. Alguns traíras conseguem vender o mesmo curral eleitoral a mais de dois candidatos. Pior é que a vítima não pode se queixar contra o golpista, pois a compra de votos é ilegal e, por isso mesmo, realizada sem recibo. Ademais, político que faz esse tipo de transação merece mesmo ser enganado para aprender que o povo não é gado para ser vendido.

Sr. Arrogância

Prefeitos estariam entrando em contato com lideranças partidárias para reclamar de um candidato a reeleição a mandato no Congresso Nacional. Não direi o nome dele agora, nem sob tortura. Mas vamos aos fatos. Ele, o candidato, não estaria fazendo questão de ser simpático com o pessoal. Estaria telefonando para prefeitos e falando coisas do tipo "e aí, já lhe passaram a ordem para me apoiar?" Dessa forma, muita gente pode entrar na campanha desse “filho da mãe” sem muito gosto. O que será muito bem feito.

Tareco e caviar

Vocês viram como tem gente bem aquinhoada entre os candidatos a cargos eletivos? Há daqueles, inclusive, que nem declararam todo o possuído, provavelmente para não encabular os mortais eleitores. A diferença é que, enquanto o patrimônio de alguns lhes permite arrotar caviar, o de outros não dá nem para matar a fome com tareco e mariola. Que coisa!

Barbas de molho

Comenta-se nas rodas das fofocas políticas que a folha corrida de muitos candidatos não suporta um rápido olhar jurídico. É só os processos começarem a ser esmiuçados pelo Tribunal Regional Eleitoral para cair a casa de muita gente. Tem candidato com ficha sujíssima acreditando que, pelo fato de o partido já ter registrado seu nome na ata da convenção entregue ao TRE, escapou da provável impugnação. Ledo engano! No momento certo, muitas cabeças vão rolar. Seguramente, o exemplo de alguns ministros do TSE, que negaram registros a candidatos fichas sujas, será seguido aqui em Rondônia. É preciso expurgar do processo eleitoral aqueles que entraram na vida pública unicamente para se locupletar. A estes, aconselha-se colocar as barbas de molho enquanto esperam a hora de a onça beber água.

CRIME ELEITORAL

Foi lançada nacionalmente, a Cartilha Voto Não Tem Preço. Saúde É Seu Direito. A idéia é municiar o eleitor de informações referentes ao funcionamento do Sistema Único de Saúde (SUS) e informar sobre como e onde denunciar a corrupção. Elaborada pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, a cartilha cita as formas mais usuais de se cometer a corrupção na saúde, como a exigência de título de eleitor para receber atendimento médico. Tai um material que precisa ser distribuído com toda a população.

PROIBIÇÃO LEGAL

Até a posse dos candidatos que forem eleitos nas próximas eleições, agentes públicos não podem nomear, contratar ou admitir, demitir sem justa causa, transferir ou exonerar servidor público. Isso porque a legislação eleitoral restringe várias ações dos agentes públicos três meses antes e três meses depois das eleições. Também estão proibidas as transferências voluntárias de recursos da União aos estados e municípios e dos estados aos municípios. A proibição alcança ainda a autorização de publicidade institucional dos atos, programas, obras, serviços e campanhas.


Comprando e vendendo votos

Se você for candidato a algum cargo nas eleições deste ano e encontrar um outro candidato lhe abordando e pronunciando a frase “precisamos conversar”, acenda a luz vermelha, arregale bem os olhos, e passe a tomar muito cuidado, porque você acaba de falar com alguém muito esperto.


Se o interlocutor estiver concorrendo a um cargo mais alto do que o seu, as coisas até que não saem tão mal assim como se pensa, porque ele vai propor uma parceria política, poderá pedir para apagar um “incêndio político”, ou então traçar estratégias.


Se o sujeito que lhe abordou, estiver concorrendo a um cargo abaixo do seu, aí corra, porque a conversa vai terminar em cifras, número, “pica-pau”, “milho”, “óleo”, “bordado” e outras adjetivações populares para se definir coisas assim.


Se você estiver liso, desista. Porque a campanha de 2010 está ganhando contornos nunca vistos no mundo dos negócios. É muita gente querendo ganhar dinheiro com a campanha.


Se o sujeito tem um negócio e vende serviços, tubo bem. Toda campanha bem estruturada precisa de gente das mais variadas áreas trabalhando em muitas “frentes”.

Se o cidadão tenta lhe vender liderança pessoal em troca de dinheiro, aí quem deve entrar em campo são os homens da justiça, responsáveis pela lisura e igualdade do pleito. Se não houver fiscalização e zelo pela eleição, ela poderá ser “melada”.

Recado ao pastores

”Posso até apoiar algum e influenciar meu segmento, mas não vou usar o nome da igreja. Falar em nome das pessoas é covardia. O pastor que fala que a denominação vai votar em alguém está ludibriando o candidato. Eu digo na igreja: “Meus queridos, não vai ter anjo sentado na urna para dedurar seu voto ao pastor”, Silas Malafaia pastor da Assembléia de Deus em tempo é prudente que este recado sirva de lição para muitos pastores aqui em Rondônia.


Autor Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Ato obsceno
Enviado por alexandre em 19/07/2010 01:28:48



Cantor evangélico é preso se masturbando dentro de ônibus interestadual

O cantor evangélico Paulo Gontijo, 45, (foto) natural de Goiânia – GO foi preso pela Polícia Militar de Ouro Preto do Oeste acusado de estar se masturbando dentro de um ônibus interestadual.

De acordo com informação prestada pela Polícia Militar o acusado que é cantor evangélico e se encontra fazendo uma turnê no Estado nas Igrejas evangélicas embarcou no município de Cacoal na manhã de domingo (18) com destino a Ouro Preto do Oeste onde iria fazer uma apresentação a noite em uma Igreja evangélica no município de Urupá.

Segundo uma mulher (que não teve o seu nome revelado a imprensa) o cantor evangélico Paulo Gontijo sentou ao seu lado e no inicio da viagem pareceu uma pessoa confiável, mas próximo ao município de Ouro Preto do Oeste, o cantor teve uma atitude inusitada, abriu o zíper da calça e passou a se masturbar na maior cara de pau, fato este que deixou a mulher constrangida.

Ainda dentro do ônibus a mulher ligou no 190 e relatou o que estava ocorrendo, uma viatura policial composta pelos PMs Resende e Ronilson deslocaram até a Rodoviária e quando o acusado desembarcou foi dado voz de prisão ao mesmo que foi conduzido a DP local.

O cantor evangélico Paulo Gontijo que tem 17 anos de carreira e já gravou cinco CDs e congrega na Igreja Assembléia de Deus Madureira na cidade de Goiânia em contato com a nossa reportagem confirmou que estava se masturbando, mas que colocou um paletó durante o ato para ninguém presenciar o seu “sexo solitário”. O cantor demonstrou arrependimento e creditou as forças do mau o seu ato e acrescentou que está a vinte dias longe da esposa e das duas filhas menores de idade.

Paulo Gontijo assinou um Termo Circunstanciado – TC, mas vai responder o processo judicial com base no Art. 233 do Código Penal Brasileiro – CPB que diz praticar ato obsceno em público é crime punível com pena de três meses a um ano de prisão ou multa.


Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com


« 1 ... 148 149 150 (151) 152 153 154 ... 158 »