Portugal tem maior número de brasileiros presos na Europa. Total mundial sobe 39% - Regionais - Notícias
Regionais : Portugal tem maior número de brasileiros presos na Europa. Total mundial sobe 39%
Enviado por alexandre em 21/04/2021 20:12:38


Policiais portugueses checam passageiros de carros na fronteira com a Espanha

O Globo

Dados do Ministério das Relações Exteriores obtidos pelo Portugal Giro revelam: o número de brasileiros presos e detidos no exterior até o fim de 2019 – ano mais recente – subiu 39,2%. O total, segundo o Itamaraty, é de 4.982. Em 2018 eram 3.579.

Na Europa, são 1.616 (+10% em relação a 2018) e a maior quantidade está em Portugal: 524. Em dezembro de 2014, eram 285, um aumento de 83%.

Tráfico e porte de drogas são os motivos principais no geral (1.042 / 49,17%). Em Portugal, no primeiro semestre, 400 kg de cocaína foram apreendidos dentro de um contêiner vindo do Brasil. Em outubro, 170 kg da droga estavam escondidas em um jatinho. Já em fevereiro deste ano, outro jatinho rumo a Portugal foi apreendido em Salvador.

O sociólogo Antonio Pedro Dores, autor de livros sobre as prisões e a população carcerária de Portugal, diz que o perfil brasileiro é diverso.

– Fiz entrevistas com presos brasileiros e lembro de um homem que roubava bancos, tentou sair do mundo do crime do Brasil e acabou cumprindo pena em Portugal. Também lembro de mulheres que usaram a imigração para sair dos problemas familiares do Brasil, disse Dores.

O sociólogo relatou as condições das prisões portuguesas: Continue lendo


 Suspeitos foram levados para a Superintendência Regional de Policia Federal em Pernambuco e autuados pelo crime de estelionato majorado — Foto: TV Globo/Reprodução

Uma mulher e um homem foram presos pela Polícia Federal (PF) sob suspeita de sacar, de forma fraudulenta, dinheiro do auxílio reclusão, benefício concedido pelo governo federal a familiares de presos. Os dois foram flagrados ao retirar R$ 76 mil em um banco da rede privada, no Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife.

A PF foi acionada por funcionários da agência e prendeu, com o apoio da Polícia Civil, a mulher e um homem que a ajudava.

A prisão ocorreu na segunda (19) e foi divulgada nesta terça-feira (20). De acordo com a PF, as investigações apontam que foram usados documentos falsos para aumentar o valor do benefício.

“Identificamos, com o setor de inteligência e Força Tarefa Previdenciária, que esses dois suspeitos estariam para sacar um benefício previdenciário do tipo auxílio reclusão fraudulento. Nos deslocamos até o banco privado onde seria realizado esse saque e conseguimos prender os dois suspeitos logo após terem sacado o valor do benefício”, destacou o delegado de Polícia Federal Cláudio Farias. Continue lendo

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo