(1) 2 3 4 ... 59 »
Coluna Mulher : Lip tint natural: saiba como utilizar a beterraba como um item de beleza
Enviado por alexandre em 27/02/2024 09:44:25

Dê um toque natural a cor dos seus lábios

Uma alternativa natural e muito antiga, o lip tint natural feito com beterraba é uma ótima alternativa para quem deseja um produto de beleza sem aditivos químicos.

 

Veja aqui como você pode usar a beterraba como lip tint natural:

 

Veja também 

 

Químicas no cabelo: dermatologista fala sobre seu o uso excessivo

 

Aborto medicamentoso por telessaúde é seguro e eficaz, mostra estudo

INGREDIENTES

 

 

 

1 beterraba média


1 colher de sopa de óleo de coco ou azeite de oliva (opcional)


Recipiente pequeno para armazenamento

 

INSTRUÇÕES

 

 

 

Preparação da Beterraba: Lave bem a beterraba e descasque-a. Corte a beterraba em pedaços pequenos para facilitar o processamento.


Cozimento da Beterraba: Coloque os pedaços de beterraba em uma panela com água e leve para ferver. Reduza o fogo e deixe a beterraba cozinhar até que fique macia. Isso pode levar cerca de 20-30 minutos.


Esmagamento da Beterraba: Uma vez que a beterraba esteja macia, retire-a da panela e amasse-a até formar um purê suave. Você pode usar um garfo ou processador de alimentos para fazer isso.


Extração do Suco: Coloque o purê de beterraba em uma peneira fina sobre uma tigela para extrair o suco. Pressione o purê com uma colher para extrair o máximo de suco possível. O suco de beterraba será a base do seu lip tint.


Adição de Óleo (opcional): Se desejar um lip tint mais hidratante, você pode adicionar uma colher de sopa de óleo de coco ou azeite de oliva ao suco de beterraba. Misture bem.


Armazenamento: Transfira o lip tint natural para um recipiente pequeno e hermético para armazenamento. Você pode usar um potinho de vidro limpo ou um recipiente de plástico.

 

COMO APLICAR

 

 

Fotos: Reprodução/Google

 

Com os lábios limpos e secos, aplique uma camada fina do lip tint natural feito com beterraba nos lábios usando os dedos ou um pincel de maquiagem.Para intensificar a cor, aplique várias camadas até atingir o tom desejado.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

Deixe o lip tint secar completamente antes de comer ou beber, pois pode transferir um pouco.Este lip tint natural feito com beterraba proporcionará uma cor suave e natural aos seus lábios, além de oferecer os benefícios adicionais dos antioxidantes presentes na beterraba.

 

Fonte: Portal Nova Mulher

LEIA MAIS

Coluna Mulher : Químicas no cabelo: dermatologista fala sobre seu o uso excessivo
Enviado por alexandre em 26/02/2024 09:32:39

O médico dermatologista explica como ter um couro cabeludo saudável

O uso excessivo e recorrente de substâncias químicas no cabelo pode resultar em danos significativos e muitas vezes irreversíveis à estrutura do fio, reduzindo sua elasticidade e brilho, aumentando a quebra e a fragilidade capilar.

 

Segundo o Dr. Fraga Neto, Médico Dermatologista do Instituto Fraga de Dermatologia, Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Associação Brasileira de Cirurgia da Restauração Capilar (ABCRC), todos os tipos de substâncias químicas prejudicam de alguma forma a saúde capilar, porém as mais prejudiciais são as tinturas à base de amônia e peróxido de hidrogênio, e os alisamentos que contenham alisantes ácidos em seus ingredientes, como formaldeído(formol) e seus derivados.

 

"O uso excessivo de química no cabelo pode contribuir para a queda excessiva dos fios, principalmente pelo mecanismo de fratura/quebra da haste capilar, além de irritar e prejudicar a saúde do couro cabeludo, o que também pode acentuar a queda capilar. É importante também ressaltar os riscos de reações alérgicas graves no couro cabeludo e na face, além de problemas respiratórios relacionados ao uso de certas substâncias", explica Dr. Fraga Neto.

 

Veja também

 

Aborto medicamentoso por telessaúde é seguro e eficaz, mostra estudo

 

Câncer de colo do útero: pouco mudou em 25 anos

 

 

As principais causas do cabelo danificado incluem exposição solar intensa e sem proteção, uso frequente de ferramentas térmicas como secador de cabelo e chapinhas, falta de hidratação e, claro, o uso excessivo e recorrente de substâncias químicas. Algumas opções de químicas menos agressivas incluem colorações sem amônia e produtos de alisamento que não contenham formaldeído. Lembrando sempre que todas as químicas são, de alguma forma, prejudiciais à saúde dos fios.

 

O médico dermatologista explica que para ter um couro cabeludo saudável é crucial manter uma rotina de lavagem frequente, sempre escolhendo produtos adequados para o seu tipo de pele/cabelo. Além disso, é importante evitar banhos quentes e prolongados, o uso de secadores de cabelo próximo ao couro cabeludo, e a exposição solar sem a proteção adequada (protetor solar, chapéu/boné).

 

A recuperação dos fios danificados pode demorar muitos meses, e na maioria das vezes os danos são irreversíveis. Podem ser feitas hidratações intensivas e cortes regulares das pontas duplas, tentando-se minimizar os danos, até o crescimento completo do novo fio de cabelo saudável. Para minimizar os danos é essencial escolher produtos capilares adequados, se possível manter os fios sempre hidratados, e evitar a realização de alisamentos e tinturas de forma concomitante ou em intervalos próximos.

 

Fotos: Reprodução Google

 

É importante também ter certos cuidados com uso de ferramentas térmicas: utilizar protetores térmicos ao secar o cabelo e utilizar o secador na temperatura média, à uma distância mínima de 15-20 cm dos fios, além de sempre proteger o couro cabeludo e os fios de cabelo do sol.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

Dr. Fraga Neto | Médico Dermatologista, Membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Associação Brasileira de Cirurgia da Restauração Capilar (ABCRC)

 

Fonte: Terra 

LEIA MAIS

Coluna Mulher : Aborto medicamentoso por telessaúde é seguro e eficaz, mostra estudo
Enviado por alexandre em 24/02/2024 14:17:13

Técnica é a mais comum nos Estados Unidos e consiste em um método no qual alguém interrompe uma gravidez tomando comprimidos, sem precisar passar por cirurgia

O aborto medicamentoso feito via consulta de telessaúde é seguro e eficaz como àquele feito em consulta clínica (presencial), aponta um estudo publicado na semana passada na revista Nature Medicine.

 

O aborto medicamentoso é a forma mais comum de aborto nos Estados Unidos e consiste em um método no qual alguém interrompe uma gravidez tomando comprimidos, sem precisar passar por cirurgia.

 

A pesquisa avaliou que, salvo raras exceções, a telessaúde garantiu a segurança e a eficácia de abortos medicamentosos em consultas por mensagens de textos e também por videochamadas.Das pessoas que participaram do estudo, a maioria preferiram o atendimento por mensagens de texto.

 

Veja também

 

Câncer de colo do útero: pouco mudou em 25 anos

 

Guia para cuidar dos cabelos de acordo com o grau de porosidade


Aborto por telemedicina tem segurança e eficácia comprovadas por estudo e  pode ajudar a atender grande demanda nos EUA após proibição

 

O estudo analisou registros de 6.034 abortos medicamentosos realizados via telessaúde entre abril de 2021 e janeiro de 2022 em três clínicas virtuais que operam em 20 estados e no Distrito de Columbia.Dos 6.034 abortos no estudo, 99,8% não foram seguidos por eventos adversos graves.

 

“No total, 0,25% dos pacientes sofreram um evento adverso grave relacionado ao aborto; 0,16% foram tratados para uma gravidez ectópica e 1,3% dos abortos foram encaminhadas para a emergência”, diz o estudo.

 

A eficácia e a segurança do aborto medicamentoso fornecido por meio de consultas por vídeo e texto foram semelhantes aos números de outros estudos sobre aborto medicamentoso envolvendo atendimento presencial.

 

Assim como acontece nas consultas presenciais, os pacientes que optaram pela telessaúde não são obrigados a realizar nenhum teste ou exame físico.

 

Em vez disso, um trabalhador da saúde decide se vai receitar a medicação abortiva com base no histórico médico do paciente.

 

Procurador-geral da Califórnia processa empresas que prometem reversão de  abortos medicamentosos | CNN Brasil

 

O estudo também mostrou que o aborto medicamentoso foi altamente eficaz, pois 97,7% das participantes tiveram um aborto completo após tomarem os comprimidos, sem necessidade de qualquer intervenção posterior.

 

Entre aquelas cujo aborto não foi inicialmente completo, 0,56% tomaram mais medicamentos para completar o procedimento; 1,4% necessitaram de procedimento cirúrgico; e 0,94% tiveram gravidez continuada confirmada ou suspeita.

 

Os resultados foram semelhantes para os pacientes, independentemente da raça, etnia ou idade.

 

“O aborto medicamentoso por telessaúde é eficaz, seguro e comparável às taxas publicadas de atendimento presencial ao aborto medicamentoso”, concluíram os pesquisadores da Universidade da Califórnia, em São Francisco.

 

O novo estudo é útil para reforçar que a prática é segura e eficaz, disse a Dra. Pratima Gupta, uma prestadora de serviços de aborto em San Diego que não esteve envolvida na nova pesquisa.

 

“É ótimo ter dados de pesquisa para apoiar o que já sabíamos sobre a segurança do aborto medicamentoso”, disse ela.

 

As opções de telessaúde atendem às necessidades dos pacientes, disse ela, e isso pode ser mais importante do que nunca, com mais estados restringindo o acesso ao aborto desde que a Suprema Corte dos EUA revogou Roe v. Wade em 2022.

 

“Acho realmente maravilhoso podermos atender os pacientes onde eles estão. Portanto, seja qual for o seu método preferido de comunicação, seja por mensagens de texto, seja por telefone, seja por vídeo, podemos atender às suas necessidades com acessibilidade”, disse Gupta. “E proporciona-lhes a privacidade necessária para controlarem as suas vidas.”

 

Aborto na reprodução assistida - Art Fértil

Fotos: Reprodução Google

 

Nos EUA, os serviços de telessaúde oferecem atendimento para aborto medicamentoso em algum nível desde 2008, mas essa opção se tornou muito mais amplamente utilizada durante a pandemia de Covid-19.

 

Em 2021, a Administração de Alimentos e Drogas dos EUA (FDA na singla em inglês) disse que não exigiria mais consultas presenciais para que medicamentos fossem receitados.

 

Isso abriu caminho para mais consultas virtuais em estados onde o aborto e a telessaúde para o aborto não são proibidos.

 

O aborto medicamentoso é voltado para quem está até dez semanas após o início da última menstruação.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

O método não é recomendado para pessoas com determinados problemas de saúde e que tiveram gravidez ectópica (com óvulo fertilizado e implantado fora do útero). 

 

Fonte: CNN

LEIA MAIS

Coluna Mulher : Unhas brancas: a cor de esmalte que está em alta nesta temporada
Enviado por alexandre em 23/02/2024 15:04:26

Unhas brancas: É um tom elegante e nunca sai de moda. Não está mais restrito às noivas e pode ser usado de mil maneiras

Se você gosta de experimentar manicure e seguir as mais belas tendências de unhas de 2024, mas os designs mais malucos, como as unhas ‘Skittles’ – que viraram moda em 2021 – parecem ‘demais’ para você, temos que falar da manicure branca, uma opção de unhas que vai arrasar neste 2024.

 

Há alguns anos as unhas brancas não estavam na moda. Mas agora as coisas mudaram e o minimalismo nesta tonalidade enfrenta outras opções de manicure mais ousadas, como a manicure francesa dourada ou a manicure francesa pastel.

 

Acontece que essa cor de verão não está mais restrita às noivas, à tradicional manicure francesa. Quem mais entende de moda deixou claro para nós que é uma opção perfeita para elevar qualquer look tanto no inverno quanto no verão.

 

Veja também

 

Guia para cuidar dos cabelos de acordo com o grau de porosidade

 

Sobrancelha: saiba a diferença entre tintura, henna e micropigmentação

POR QUE AS UNHAS BRANCAS SE TORNARAM TÃO POPULARES?

 


O branco é uma cor que transmite paz, pureza e limpeza. É um sucesso porque realça o bronzeado e todo o dourado da pele bronzeada, e se destaca delicadamente na hora da praia e do sol. É uma das unhas mais desejadas porque combina com absolutamente qualquer estilo de moda e qualquer idade.

 

Quando se trata de pedicure branca, esta é a principal tendência do verão e a manicure branca também continua a ser a preferida das influencers. É algo que não nos surpreende, já que esta cor cria um forte contraste com a pele dourada, que realça tanto a manicure quanto o bronzeado.

 

Porém, as unhas brancas não são uma manicure exclusiva para o verão e por isso não importa se você tem pele escura ou não, ou se tem unhas curtas ou compridas, o branco sempre garante um acabamento muito neutro, bonito e elegante. Além disso, essa cor vai combinar maravilhosamente com tudo que você tem no armário, outro ponto positivo para optar pelas unhas brancas.

 

UNHAS BRANCAS: A TENDÊNCIA DO MOMENTO

 


Esta cor é muito procurada por ser tão versátil e por todas as opções para combiná-la: com ouro para um estilo original, com prata para um acabamento mais clássico e elegante, com aquarela para as mais ousadas e sempre na manicure francesa.

 

Se quiser, você pode brincar com mais cores para conseguir um design mais divertido e original. Agora, por exemplo, são muito procurados os tons pastéis e as cores frescas e charmosas que captam a essência desta época do ano.

 

Os mochas temperados criam um look profundo, ao mesmo tempo sensual e doce. Inspirados no chocolate, no cacau e nas cerejas pretas, esses tons criam uma sensação quente e aconchegante perfeita para os meses mais frios.

 

Por outro lado, existem os tons geleiras, frios tons que continuarão a ser tendência no inverno e onde se destacam os azuis suaves, os brancos mais puros e os lilases serenos.

 

UNHAS BRANCAS NO VERÃO E NO INVERNO

 

Fotos: Reprodução

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

Muitos pensam que o preto é para o inverno e o branco para o verão, mas a verdade é que não existe uma regra que confirme isso. Se antes víamos esta manicure apenas no modo ‘total white’, agora ela está reinventada e pode ser usada de mil maneiras. Você pode optar por outras variantes do branco (por exemplo, os mais ‘nude’, ‘bege’ ou rosa pastel), fazer alguns desenhos minimalistas, recorrer a uma manicure francesa diferente ou também optar por salpicar com glitter ou lantejoulas para um toque festivo. Tudo depende do acabamento que você deseja alcançar.

 

Fonte: We Fashion Trends 

LEIA MAIS

Coluna Mulher : 'Orgasmo é natural, não precisa de treinamento': veja esse e outros mitos sobre o prazer feminino
Enviado por alexandre em 22/02/2024 10:09:21

Desconstrução de ideias errôneas é essencial para vida sexual saudável e gratificante

A compreensão do prazer feminino e a desconstrução de ideias errôneas sobre ele são essenciais para uma vida sexual saudável e gratificante.

 

Neste texto, abordamos sete equívocos comuns a respeito do orgasmo feminino e apresentamos perspectivas esclarecedoras para cada um deles, visando uma maior compreensão e apreciação da diversidade e complexidade da sexualidade feminina.

 

O prazer feminino, seja individual (masturbação) ou compartilhado, é uma fonte de saúde e bem-estar.
Para explorar as vastas possibilidades de prazer, ferramentas como o mapa sexual oferecem insights sobre as diversas facetas da sexualidade que podem estar adormecidas, aguardando descoberta.

 

Veja também

 

Mulheres ganham mais anos de vida com exercício que homens, diz estudo

 

Unhas longas: descubra 3 técnicas e suas vantagens

 

MITO: MULHERES ATINGEM O ORGASMO DA MESMA MANEIRA


A experiência do orgasmo varia significativamente entre as mulheres. Algumas encontram prazer por meio da estimulação clitoriana, enquanto outras podem achar gratificação por meio da estimulação de outras áreas, como o ponto G. A experimentação e a comunicação são fundamentais para descobrir o que mais agrada cada mulher.

 

MITO: O ORGASMO VAGINAL É SUPERIOR AO ORGASMO CLITORIANO


Não existe uma hierarquia entre os orgasmos clitorianos e vaginais. O essencial é o prazer e a satisfação que cada experiência proporciona à mulher. É importante destacar que a mentalidade de competição entre os tipos de orgasmo é desnecessária e limitante.

 

MITO: AS MULHERES ATINGEM O ORGASMO EM TODAS AS RELAÇÕES SEXUAIS


A ideia de que o orgasmo deve ocorrer em todas as interações sexuais é um mito. A pressão para atingir o clímax pode, ironicamente, tornar o orgasmo mais difícil de alcançar. O foco deve estar no prazer mútuo e na conexão com o parceiro.

 

MITO: AS MULHERES NÃO TÊM ORGASMOS MÚLTIPLOS


As mulheres possuem a capacidade de experienciar orgasmos múltiplos, diferentemente dos homens, que geralmente necessitam de um período de recuperação. Essa habilidade varia e pode ser potencializada através de práticas como o pompoarismo.

 

MITO: ORGASMO SEM PENETRAÇÃO NÃO CONTA


O prazer sexual não se limita ao orgasmo e pode ser vivenciado de diversas formas. Momentos de intimidade que não envolvem penetração são igualmente válidos e podem ser profundamente satisfatórios.

 

MITO: ORGASMO É NATURAL, NÃO PRECISA DE TREINAMENTO


Contrariando a noção de que o orgasmo é meramente um resultado "natural", alcançá-lo pode exigir um entendimento profundo do próprio corpo e desbloqueio de barreiras mentais. Técnicas de autoconhecimento e estimulação podem ser cruciais para melhorar a experiência sexual. O treinamento da musculatura do assoalho pélvico (com pompoarismo) e o consequente aumento da sensibilidade podem ampliar a capacidade de orgasmos múltiplos.

 

MITO: EXISTE UMA FREQUÊNCIA IDEAL DE ORGASMO


Não existe um padrão universal para a frequência ideal de orgasmos. Cada pessoa deve encontrar seu próprio ritmo, que satisfará suas necessidades e desejos únicos.

 

Mas também é verdade que a falta de orgasmo pode fazer o corpo evitar o sexo (entenda melhor aqui). Isso se deve ao sistema de recompensa do corpo. Da mesma forma que ir num restaurante bom te deixará tentada a voltar, mas se for ruim, você não retorna.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram.

Entre no nosso Grupo de WhatAppCanal e Telegram

 

É por isso que entender o próprio corpo e suas reações ao prazer é chave para uma vida sexual plena.

Fonte: F5

LEIA MAIS

(1) 2 3 4 ... 59 »
Publicidade Notícia