Amor e Sexo - Populares e perigosas: conheça as posições sexuais mais arriscadas - Notícias
« 1 (2) 3 4 5 ... 61 »
Amor e Sexo : Populares e perigosas: conheça as posições sexuais mais arriscadas
Enviado por alexandre em 19/05/2018 16:37:19



Sexo tem o poder de abalar as nossas estruturas – às vezes, literalmente. E, embora empolgação, ânimo e vigor geralmente sejam características bem-vindas entre os praticantes, se você e sua(seu) parceira(o) não estiverem bem sincronizados, os resultados podem ser… dolorosos. Procurando conscientizar as pessoas dos riscos envolvidos em uma atividade tão prazerosa, um recente estudo publicado pelo Journal of Impotence Research revelou quais posições sexuais são as mais propensas a causar acidentes.

Mais sobre o assunto

Sexo e maternidade: os desafios de conciliar as duas mulheres em você
Sete em cada 10 brasileiros leem livros eróticos. Confira os favoritos

A principal responsável por lesões durante a prática sexual é também uma das posições mais populares: cerca de 41% das fraturas penianas acontecem durante o popular doggy style. Em segundo lugar, outra modalidade bastante comum: papai e mamãe, causadora de 25% das ocorrências médicas.

O estudo foi feito no Reino Unido, com 90 pacientes que haviam sido diagnosticados com fraturas penianas. Os participantes da pesquisa tinham, em média, 39 anos.

Em matéria publicada no New York Post, a especialista em sexo Samantha Evans abordou de forma mais detalhada alguns dos riscos envolvidos para homens e mulheres nas posições em que mais ocorrem lesões. Confira abaixo.

De quatro

Para ela: Dependendo da velocidade da penetração, a fricção pode causar dores. Além disso, caso muito peso seja apoiado em suas costas, há risco de contusão.

Para ele: Se a prática estiver acontecendo em alta velocidade e sobre uma superfície instável, o pênis pode escorregar para fora da vagina e ser fraturado.

Papai e mamãe

Para ela: Risco de dor nas costas caso não haja apoio apropriado. Além disso, dependendo do ângulo, a penetração pode causar desconforto.

Para ele: Conforme angulação, força e vigor da penetração, há risco de fratura peniana.

Cavalgada

Para ela: Dependendo da velocidade e da posição das pernas, contusões podem acontecer.

Para ele: Durante a movimentação, o pênis pode escorregar para fora da vagina, havendo risco de fratura de acordo com a velocidade e o peso que for de encontro a ele, exposto.


sexokama sutra

Amor e Sexo : Sexo oral provoca danos à saúde? Conheça alguns mitos e verdades
Enviado por alexandre em 12/05/2018 16:28:27

Sexo oral sem preservativo pode trazer graves consequências à saúde

Sem penetração e sem risco de gravidez, o sexo é seguro? De acordo com Mariano Roselló Gayá, do Instituto de Medicina Sexual de Madri, e Francisca Molero Rodríguez, do Instituto de Sexologia de Barcelona, ambas na Espanha, a resposta é não.

O sexo oral sem preservativo, apesar de apresentar menores riscos, pode sim trazer graves consequências à saúde, incluindo o risco de contrair doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Com informações da BBC Espanha, os especialistas desvendaram os mitos sobre o assunto e revelaram os possíveis riscos que envolvem o sexo oral desprotegido:

Não é possível contrair DSTs pela boca

Esse é considerado um dos maiores mitos sobre sexo oral. É possível sim contrair DSTs pela boca. Alguns dos exemplos são o vírus do papiloma humano (HPV), a herpes genital, a sífilis e a gonorreia. “É preciso educar principalmente a população jovem sobre esse aspecto. A prevenção em forma de educação sexual deve prevalecer”, afirmou Gayá.

É melhor não escovar os dentes antes do sexo oral

Há quem diga que escovar os dentes pode causar feridas, aumentando o contágio, portanto, seria melhor evitar a higiene bucal antes do sexo oral. Na verdade, não. “É importante manter uma boa saúde bucal, tanto visando o sexo oral como para a saúde em geral”, explicou Gayá. No entanto, é recomendado evitar esse tipo de sexo se houver feridas expostas, queimaduras ou sangramento na região da boca.

Não há necessidade de proteção

Segundo o especialista, essa crença é completamente errada e o uso da camisinha – tanto a masculina quanto a feminina – é necessário. Afinal, as mucosas são porta de entrada para infecções. “Se os parceiros não tiverem se submetido a um exame completo para descartar a presença de DSTs, sempre se deve tomar precauções de método de barreira, não apenas anticoncepcional.”

Se retirar o pênis antes da ejaculação, não há risco de contágio

Apesar de os riscos serem menores, o líquido pré-ejaculatório também tem potencial contagioso. “A prevenção contra DSTs deve ser através de métodos de barreira (camisinha ou diafragma) e da realização de exames médicos para descartar a eventual presença de DSTs que não tenham se manifestado”, explicou o médico.



Fonte: Veja

Amor e Sexo : Especialista dá dicas e passos para aumentar o desejo sexual da mulher e turbinar o sexo
Enviado por alexandre em 10/05/2018 00:29:18

O desejo sexual na mulher depende do seu bem estar físico e emocional. Um dos primeiros sinais da excitação na mulher é a lubrificação da vagina, que equivale à ereção no homem.

A mulher pode ter este desejo diminuído em períodos de tensão, cansaço, frustração, durante a menopausa, num momento de ira ou em caso de problemas conjugais. Então, para tratar este problema é preciso levar em conta todos esses fatores.

1. Praticar exercícios regularmente
Os exercícios físicos melhoram o condicionamento físico, a disposição e a auto estima da mulher sendo úteis para melhorar a lubrificação e a irrigação dos genitais.

2. Fazer exercícios de kegel
Estes exercícios de contrair e relaxar os músculos pélvicos, localizados no interior da vagina, aumentam a quantidade de sangue que chega a estes locais, melhora o tônus destes músculos, alonga o canal vaginal e deixam o colo do útero mais alto, fazendo com que o pênis não machuque tanto e possa estar em regiões mais profundas.

7 passos para aumentar o Desejo Sexual da Mulher
Além disso, existe também a técnica de Pompoarismo que melhora o prazer sexual, aumenta o apetite sexual e que previne o surgimento de problemas de incontinência urinária ou fecal. Saiba como praticar esta técnica usando bolinhas tailandesas clicando aqui.

3. Comer alimentos afrodisíacos
Alimentos como pimenta, açafrão, gengibre e ginseng favorecem a produção hormonal e melhoram a circulação sanguínea, favorecendo o contato íntimo. Estes devem ser consumidos diariamente, se possível em todas as refeições para que tenham o efeito esperado.

4. Aumentar a lubrificação íntima
Uma boa estratégia é colocar um pouquinho de um lubrificante íntimo à base de água na região genital antes ou durante o contato íntimo, para diminuir um pouco o atrito pele a pele, que pode incomodar alguns casais. Deve-se preferir os produtos à base de água e não é uma boa ideia ter relações dentro da banheira ou da piscina.

5. Se expor ao sol nas horas certas
A exposição solar no início da manhã e no final da tarde, após as 16h não traz riscos para saúde e aumenta a absorção de vitamina D, fortalecendo os ossos. No entanto, ela também traz benefícios para a saúde sexual feminina porque aumenta a produção hormonal e também a auto estima da mulher, favorecendo o contato íntimo.

6. Separar um tempo para estar com o parceiro
A maioria das mulheres fica mais excitada e tem maior interesse pelo contato sexual quando está feliz e satisfeita com o seu parceiro. Para algumas passar algum tempo juntos, vendo um filme ou série, sair para passear ou dançar ajuda a mulher a se sentir amada e valorizada, fazendo com que tenha mais inclinação para o sexo. Outras preferem receber carinho através do toque físico, enquanto outras se sentem amadas ao receber presentes ou palavras de afirmação que demostram o quanto ela se esforça e está no caminho certo.

Basta que o parceiro saiba identificar como a mulher se sente mais amada e também investir nessa estratégia para aumentar o número e a qualidade de relações sexuais mensais.

7. Conhecer seu próprio corpo
Tocar os genitais e até mesmo introduzir os dedos na vagina durante o banho, após as mãos e os genitais estarem devidamente limpos, ajuda a mulher a se conhecer, podendo identificar a largura e a profundidade da vagina e também onde está localizado o colo do útero. A localização do ponto G e do clitóris são muito importante para saber onde estimular para chegar ao orgasmo.

No entanto, é preciso ressaltar que a mulher é muito mais que uma vagina ou uma zona erógena e que se ela não estiver realmente interessada no contato íntimo, mesmo que o homem estimule o seu corpo, ela poderá não ficar excitada e não ficará satisfeita com o contato íntimo.

Fonte: https://www.tuasaude.com/desejo-sexual-na-mulher/

Amor e Sexo : Sexo ruim tem jeito? Veja 4 dicas para tentar melhorar e salvar sua relação
Enviado por alexandre em 03/05/2018 15:03:03

Nem sempre o sexo reflete a boa relação com seu parceiro. E não há por que sofrer calada com isso. Uma boa conversa e alguns cuidados podem te ajudar a conseguir uma transa incrível sem a necessidade de terminar o relacionamento. Veja a seguir algumas dicas para melhorar a relação sexual e coloque em prática.


Sexo com meu parceiro é ruim: o que fazer?


Converse abertamente


Apesar de fazer parte da vida do casal, nem sempre o sexo está na pauta das conversas a dois. E nada melhor do que falar sobre isso abertamente, sem tabus, para ter ainda mais prazer na cama. A sugestão é evitar o momento da transa e o quarto para essa conversa: escolha um momento não-sexual para isso, para evitar frustrações ou brigas.

Vale também ressaltar primeiro os pontos positivos e explicar aquilo que você acha que pode melhorar. Nessa hora, tom de cobrança ou reclamação devem ser evitados: o objetivo é que cada um entenda o lado do parceiro e atinjam um consenso sobre como a relação pode ser mais prazerosa para ambos.


Faça você mesma


Para muitos homens, não há nada mais empolgante do que ver a mulher se tocando. E, além de estimulá-lo, a cena pode ajudá-lo a entender o que te dá prazer. Por isso, masturbar-se na frente dele, como parte das preliminares, é uma dica que ajuda muito.

Dê sinais


Além da conversa, você pode deixar claro o que gosta ou não durante a transa. Coloque a mão dele onde você gostaria que estivesse, movimente seu corpo para chegar à velocidade que gostaria, etc. Esses sinais sutis podem te ajudar a ter muito mais prazer se você não se sente aberta a ponto de verbalizar.


Busque inovar


Que tal mostrar que você tem interesse em mudar algumas coisas apostando também em novidades na hora da relação sexual? Isso pode ajudar vocês a inovarem na relação sexual e até talvez ajudar a encontrar algo que te dê prazer.





Vix

Amor e Sexo : 5 posições sexuais para quem quer aproveitar o melhor do sexo oral
Enviado por alexandre em 03/05/2018 01:05:12

Pode acreditar: da mesma forma que dá pra variar as posições sexuais clássicas, também há diversas formas de se ajeitar melhor na cama para curtir o momento do sexo oral . E, diferentemente do que muitos acreditam (ou praticam), esse tipo de técnica não precisa ser utilizada apenas para o prazer masculino, ou seja, as mulheres também podem aproveitar — e muito!

Se você está se perguntando quais são essas posições sexuais diferentes que ajudam aproveitar o sexo oral, esse é seu momento de sorte. O Delas separou uma lista com algumas das poses que facilitam o momento de prazer tanto para os homens, quanto para as mulheres. Mas, antes de conferir, não se esqueça de que é importante usar camisinha para prevenir DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis), que também podem ser transmitidas pelo sexo oral!

1. Oral clássico
No oral clássico, ela fica ajoelhada ou agachada, enquanto o parceiro controla sua cabeça com uma das mãos
De acordo com Cátia Damasceno, especialista em sexualidade e criadora do projeto “Mulheres Bem Resolvidas”, o sexo oral é uma das práticas sexuais preferidas dos homens . Mesmo assim, apesar de ser algo bastante praticado entre os casais, muitas mulheres ainda têm dúvidas sobre qual é a melhor forma de posicionar.
Assim, a especialista explica que existem três formas diferentes: ela ajoelhada e ele de pé; ela deitada e ele de pé; ou ele deitado. A primeira costuma agradar mais os homens por criar uma dinâmica de dominação e submissão durante o sexo oral. Ele pode controlar o movimento com uma das mãos ou deixá-la com o poder de definir o ritmo de acordo com o que for mais confortável para ela. Uma boa ideia é colocar uma almofada embaixo dos joelhos para não machucar.

Já quando ela fica deitada de barriga para cima, o homem se posiciona de pé de frente para ela, alinhando a pelve com o rosto dela, ficando no domínio da situação. Segundo Cátia, é mais fácil de fazer a chamada “garganta profunda” quando se está nessa posição, sempre lembrando que, apesar de muitos homens sentirem mais prazer com a prática, é importante que a mulher esteja de acordo e confortável enquanto o faz.

Quando ele está deitado, é algo bem semelhante à primeira opção. Nesse caso, ela fica no controle da situação e ele pode aproveitar o momento. Para incrementar essa posição, dá para apostar nos estímulos visuais, já que ele pode apoiar a cabeça sobre um travesseiro e assistir o que você está fazendo.

2. Beijo do súdito
Ela ajoelha por cima e recebe um delicioso beijo molhado nas partes íntimas – e ainda usa as mãos para controlar tudo

Se você for o lado dominador da relação, pode experimentar a posição “beijo do súdito”. Nessa pose, o parceito fica deitado enquanto ela se ajoelha sobre o rosto dele. A parceira também é quem controla o ângulo e até a pressão da boca sobre a vulva, e essa posição é uma das melhores para estimular o clitóris — o que também facilita que ela chegue ao orgasmo com mais facilidade.

3. Desabrochar da orquídea
O “desabrochar da orquídea” também é uma das melhores posições para estimular o clítoris com o sexo oral
O “desabrochar da orquídea” também é uma das melhores posições para estimular o clítoris com o sexo oral. Nela, a mulher fica deitada de barriga para cima enquanto o parceiro estimula a região íntima dela usando a boca. Se quem está estimulando se cansar de ficar na posição, a mulher pode se deitar com o quadril próximo à beirada da cama, enquanto a outra pessoa se ajoelha no chão à frente dela.

4. Oral extremo
Na posição “oral extremo”, a mulher se deita para dar ao parceiro uma longa sessão de sexo oral
No “oral extremo”, o homem se coloca de pé em frente à cabeça da mulher enquanto ela, deitada, faz uma longa sessão de oral nele por baixo. Esta posição sexual foca completamente no prazer deles e é perfeita para aqueles dias em que você estiver com pouca disposição, mas com muita vontade de curtir com o parceiro.

Além disso, fazer um bom oral é uma ótima forma de demonstrar seu afeto e dedicação ao seu companheiro, principalmente porque depois pode te agradecer fazendo o mesmo em você. É importante lembrar que você não precisa ficar nessa posição até o seu parceiro atingir o orgasmo e a pose pode servir como uma preliminar para vocês continuarem a brincadeira de outras formas.

Vocês podem incrementar usando brinquedos eróticos que estimulem a próstada ou “transitar” por outras posições, como o clássico “69”, já que é só o parceiro se abaixar para fazer o sexo oral em você também.

5. 69
No “69”, os dois ficam deitados de lado e usam a boca para estimular o parceiro com uma longa sessão de sexo oral
Do “69” você já ouviu falar, certo? Nessa pose, as pessoas se deitam em direções opostas de modo que consigam fazer sexo oral uma na outra simultaneamente. Diferentemente de outras posições que focam apenas no homem ou na mulher, nessa os dois podem ter prazer ao mesmo tempo.

Assim como no “oral clássico”, também há diferentes formas de aproveitar essa posição. Um exemplo (e também o jeito mais conhecido) é um parceiro ficar por cima do outro. Apesar de ser uma forma popular de fazê-lo, é preciso cuidado, porque, quando o homem está por cima, a mulher pode ficar “sufocada” por não conseguir controlar o quanto o pênis entra em sua boca. Deixar ela por cima pode também pode parecer bem mais interessante, mas, nesse caso, é preciso que ela tenha força no corpo para manter a posição de prancha durante todo o ato.

Dessa forma, o melhor jeito de aproveitar posições sexuais como essa é quando os dois estão deitados de lado, um de frente para o outro. Assim, fica mais fácil para todos se movimentarem e as mãos ficam livres para incrementar os estímulos. O principal mesmo é que os dois parceiros estejam envolvidos e dispostos a se entregar ao ato sexual.

Fonte: http://delas.ig.com.br/amoresexo/2018-04-30/posicoes-sexuais-sexo-oral.html

« 1 (2) 3 4 5 ... 61 »