Amor e Sexo - O PRAZER - Notícias
« 1 (2) 3 4 5 ... 62 »
Amor e Sexo : O PRAZER
Enviado por alexandre em 09/07/2018 09:30:00

Mulheres entre 25 e 34 anos representam 24% do público consumidor de pornô

Consumidores de conteúdo pornô, noivado de Justin Bieber, lançamento do single de Janine Mathias e Bruce Willis são destaques da coluna Bastidores

A Globosat resolveu entender melhor como funciona a indudústria pornográfica no Brasil. Com a pesquisa intitulada O Prazer é seu, os dados são baseados em cima de entrevistas que revelam como, por quem e porquê o conteúdo pornô é consumido no País. Além disso, a pesquisa faz uma linha do tempo da pornografia, revelando como ela mudou ao longo do tempo dentro da indústria e na vida dos consumidores.

A procura por conteúdo pornô se modificou e tem se incorporado na vida dos consumidores de novas formas, sendo ele uma pessoa comprometida ou solteira. Hoje, realizar fantasias, descobrir e apimentar o relacionamento, aprender novas posições ou simplesmente eliminar as frustrações e decepções do cotidiano faz parte do dia a dia da vida de muitos homens e mulheres.

Segundo a pesquisa, o perfil que mais consome conteúdo produzido pela indústria pornográfica são homens de 25 a 34 anos. As mulheres representam 24% do consumo, sendo que tanto o público masculino ou feminino fica entre os 25 e 34 anos, com ensino médio completo, de classe B e são solteiros.

O acesso à internet e a popularização do uso de aparelhos celulares abriram as portas para o mundo da pornografia digital para o público. Quase cerca de 100% dos entrevistados da pesquisa revelaram que possuem celular e acesso à internet móvel.

Além disso, permitem que esses mesmos fatores possibilitem a criação dos seus próprios conteúdos pornográficos online. O famosos sex tapes “vazadas” são substituídos por vídeos amadores filmados com o celular e às "nudes" trocadas pelo prazer exibicionista.

Segundo o site TMZ, Justin Bieber e Hailey Baldiw voltaram com seu romance com tudo e com direito a pedido de casamento! O músico pediu a mão da amada em casamento durante viagem a Bahamas quando estavam em um restaurante.

Ainda de acordo com a nota, Bieber pediu para que todos que estavam presente no local guardarem seus telefones porque algo especial estava prestes a acontecer. O novo momento na vida do rapaz ficou ainda mais evidente após o seu pai fazer uma postagem momentos depois com a legenda:“Orgulho é eufemismo! Animado para o próximo capítulo”, escreveu.

Brasiliense radicada em Curitiba desde 2009, Janine Mathias tem o samba em seu DNA e prepara-se para a estreia do seu primeiro álbum completo, "Dendê", antecipando o single Bom Dia.

Escrita pela própria cantora com a colaboração de Eduardo Brechó, responsável, também, pela direção musical e com direção de Renato Parmi, Janine reuniu referências do afrohouse e afrofuturismo no seu novo álbum que tem lançamento oficial em julho.

Em seu carreira, a cantora já dividiu o palco com outras artistas e bandas como Karol Conká e Tássia Reis, Akua Naru, Jorge Dubman (IFÁ), As Bahias e a Cozinha Mineira, Aláfia, Karla da Silva e DJ Donna.

Bruce Willis e comediantes de longa data como Nikki Glaser, Lil Rel Howery, Sun Irrera, Edward Norton, Kevin Pollak, Jeff Ross e Cybill Shepherd irão se reunir junto com Joseph Gordon-Levitt no próximo dia 14 de julho para a gravação do "Comedy Central Roast de Bruce Willis", no Hollywood Palladium, em Los Angeles.

O programa será produzido por Joel Gallen da Tenth Planet Productions, que também foi produtor executivo e diretor do "Comedy Central Roast" com outros nomes como Rob Lowe, Justin Bieber, James Franco, Charlie Sheen e Donald Trump. Assim como também o de William Shatner, que foi indicado ao prêmio Emmy.

A pesquisa O Prazer é seu revelou, ainda, que a busca pela pornografia nasce da repressão de um desejo e permite a criação de um simulacro da experiência. Mergulhando no universo comportamental dos consumidores, foram revelados cinco perfis relacionados ao consumo de conteúdo, sendo eles atribuídos a diversos anseios como os clássicos do pornô, festa e orgia até ambientações românticas e exóticas ou ainda gozar na velocidade dos vídeos de curta duração em lugares comuns e inesperados.

Fonte: IG Gente

Amor e Sexo : Você sabe o que é beijo-grego?
Enviado por alexandre em 01/06/2018 22:01:59

O que para alguns é tido como prática proibida, para outros é uma alternativa interessante de obter prazer . Praticado numa região do corpo com muitas terminações nervosas, o beijo-grego é um estímulo poderoso ao orgasmo.

Mas mesmo com essa possibilidade de prazer, o beijo-grego ainda é um assunto delicado entre os casais. Primeiramente, afirmam os especialistas, por conta do local dos estímulos orais. Da mesma forma que o sexo anal enfrenta esse tipo de preconceito.

“É um tabu porque tudo o que é diferente gera uma ideia de proibição na sexualidade, um preconceito . Tudo o que está ligado ao ânus traz essa ideia do pervertido, que é ligado à prostituição, ao errado. O sexo vaginal, por exemplo, é tido como o sexo perfeito. Agora, o beijo e as demais brincadeiras ligadas ao ânus carregam uma conotação negativa”, explica Celso Marzano, urologista, sexólogo e terapeuta sexual, autor do livro “O Prazer Secreto” (Editora Éden).

Por outro lado, de acordo com o especialista, esse tipo de carícia estimula uma fantasia muito intensa entre os parceiros, justamente pela ideia da proibição. Em outras palavras: ninguém quer assumir que gosta de beijos e lambidas na região do ânus, mas na liberdade proporcionada por quatro paredes o que acontece é justamente isso.

O grande problema dessa abordagem hipócrita é que ela abre espaço para a desinformação sobre os cuidados necessários para um beijo-grego seguro para o casal. “O que a gente sempre indica é fazer a higienização cuidadosa do local, para ter o mínimo de resíduos, antes de começar qualquer carícia. Mas é importante lembrar que o ânus nunca vai ficar cem por cento limpo, já que é uma região com muitas bactérias”, pontua a sexóloga Elaine Pessini. “Alguns casais fazem lavagens com duchas higiênicas, que limpam bem a região, mas o uso frequente delas não é recomendado”, completa a especialista.

Mesmo livre de resíduos aparentes, o ânus vai continuar tendo secreções que podem causar algum tipo de infecção bacteriana. Segundo Marzano, quem aprecia esse tipo de carícia não está imune a algum tipo de DST, como herpes e HPV.

Como fazer?
Para evitar mais riscos, o beijo-grego deve ser praticado sempre antes da penetração anal e nunca depois. Diferentemente da língua, o pênis e os vibradores estimulam a liberação de secreções inadequadas para contato no sexo oral.

Existem algumas camisinhas específicas para o sexo oral. Porém, elas são mais difíceis de serem encontradas e também comprometem inegavelmente parte do prazer na hora do beijo-grego. Também não dá para fingir que alguém com receio em relação à limpeza da região vá ficar confortável e relaxado para desfrutar da prática. A saída aí é o casal procurar outro tipo de fantasia.

“É importante lembrar que as camisinhas só protegem a língua, e não a boca como um todo, então o perigo continua existindo. Com os devidos cuidados, é uma região que pode receber o oral sem problemas, tornando-se uma alternativa a mais para o casal”, explica Marzano.

Beijo-grego no homem
A prática pode trazer prazer não apenas para as mulheres. Os homens também podem receber a carícia no ânus, especialmente se forem libertos de estigmas. Vale lembrar que sentir atração por uma pessoa do mesmo sexo e gostar de beijo-grego são coisas completamente diferentes – e sem nenhum tipo de relação entre si.

Obviamente, a abordagem do tema com o parceiro deve ser delicada e com cuidado. Não dá para acariciar ou mesmo beijar o ânus alheio sem antes dar sinais de interesse em consumar o ato. Num primeiro momento, a sugestão de beijo-grego pode assustar o homem. Vá com calma.

“Tem que existir a confiança no outro. É importante saber com quem você está se relacionando, para saber se permitir e sentir prazer na hora da carícia. Senão, vira algo forçado e arriscado, principalmente se você não sabe das condições de saúde daquela pessoa”, alerta Elaine, ressaltando a importância da cumplicidade entre o casal.

No beijo-grego ou em qualquer outra prática na cama, o casal deve conversar sobre desejos , fantasias , receios e vontades sem qualquer tipo de julgamento. Para o bem do prazer e da saúde de ambos.

IG




Amor e Sexo : 8 duras realidades de ser viciado em sexo que não te disseram
Enviado por alexandre em 28/05/2018 19:33:18

Muitos de nós já deve ter ouvido falar sobre a compulsão sexual, que nada mais é do que o vício propriamente dito por sexo ou atos libidinosos.


Porém, pouco de nós sabe a fundo quais são os reais perigos e problemas que esse transtorno pode gerar. Um exemplo disso, é que a grande maioria sabe o que é uma ninfomania, ou seja, uma mulher que tem esse tipo de transtorno, por outro lado quase ninguém sabia que os homens que desenvolvem esse distúrbio também recebem um termo específico, que é a satiríase.


Ou seja, existe muita coisa ainda que a gente precisa entender, até para não sair pensando besteira por aí. A compulsão sexual é um distúrbio sério, que gera constrangimento a quem o possui, por isso é preciso compreender seus sintomas e até mesmo o seu lado mais obscuro, que é o que iremos fazer hoje aqui na Fatos, confira!


1- Você também sente abstinência



01


A abstinência sexual ocorre por sua vez, graças a ordem emocional e psicológica que se encontra o paciente. Mas funciona de maneira similar a qualquer outro tipo de abstinência, gerando sensação de mal estar, necessidade descontrolada de sexo, e maior tendencia a agir por impulso, de maneira associal e indiferente ao conceito de moral e senso comum.


2-Você sente sensação de falta de liberdade, controle ou escolha



03



Os impulsos sexuais e estímulos ocorrem para o viciado em sexo assim como ocorre para qualquer outra pessoa, a grande diferença é como o indivíduo lida com estes impulsos.


Em outras palavras, podemos afirmar que a tentação em si para essas pessoas, só são digeridos com o ato, por isso existe a sensação de falta de liberdade, controle ou escolha. Ou seja, até que ela consiga o êxtase sexual, ela sentirá fissura e possivelmente a abstinência que já citamos no item anterior.


3- Quanto mais você pratica atos sexuais, mais você sente a necessidade de repetir o ato



04



Segundo a psicóloga Egle Bellintani, que trabalha no Hospital Beneficência Portuguesa em São Paulo, em entrevista para a Uol:


-" Como um dependente químico, esse indivíduo vai precisando de doses cada vez maiores de dopamina, liberada pelo cérebro toda vez que há sensação de prazer. A diferença é que ele não precisa de um fator externo, como a droga ou o álcool, para que haja essa descarga hormonal".


Por esse motivo quanto mais esse indivíduo se masturbar ou praticar atos sexuais, mais ele desejará aquela sensação novamente.


4- Você perde o senso crítico e passa a agir por impulso



Charlotte Gainsbourg and Jamie Bell in the movie NYMPHOMANIAC: PART TWO - April 18, 2014 Directed by Lars von Trier Cast: Charlotte Gainsbourg, Stellan Skarsg?rd, Stacy Martin, Shia LaBeouf, Jamie Bell, Willem Dafoe, Mia Goth, Jean-Marc Barr Genre: Drama Specs: 130 Distributor: Magnolia Pictures Synopsis: NYMPHOMANIAC: PART TWO is the story of Joe (Charlotte Gainsbourg), a self-diagnosed nymphomaniac who is discovered badly beaten in an alley by an older bachelor, Seligman (Stellan Skarsg?rd), who takes her into his home. PART TWO picks up where PART ONE leaves off, with Joe recounting the dark and erotic exploits of her adulthood.


Para vocês terem uma noção da gravidade desse distúrbio, a diferença entre um viciado em sexo e alguém que aprecia muito a prática, é que o que aprecia até pode se sentir atraído por alguém na rua, e mentalizar e fantasiar aquilo consigo mesmo, já o viciado por sua vez, sente a atração e perde a noção de senso crítico, podendo abordar esse individuo por exemplo, em busca de sexo.


5- Você não sente mais prazer durante o sexo do que as demais pessoas



06



Na grande maioria dos casos, o paciente vítima do vício sexual, não narra sentir um prazer desproporcional ou acima do esperado pelos atos que pratica, a grande questão é como ele se sente sem escolha quanto a realizar o ato em si, e ir em busca disso, levando também em consideração a frequência, prioridade e descontrole.


6- O sexo se torna a coisa mais importante da sua vida, passando por cima do trabalho, financeiro, familiar, emocional e social



04



E por falar em prioridade, também é preciso entender como a compulsão aos poucos se torna capaz de desajustar a vida de um individuo por completo. No trabalho por exemplo, pode ser necessário realizar algumas pausas para praticar o ato ou se masturbar. A vida social também se torna algo complicado, principalmente se existe na vida dessa pessoa um parceiro fixo.


Durante a onda de desejo, nada se torna mais importante do que praticar atos sexuais, e só após a realização desse desejo, a vítima toma "ciência" daquilo que fez, por isso muitos se sentem culpados, inferiorizados e até mesmo chegam a se isolar socialmente, ação esta que é conhecida por "empobrecimento existencial".


7- Angústia, ansiedade, agitação e irritabilidade também são alguns de seus sintomas



03



Angústia, ansiedade, agitação e irritabilidade são sintomas considerados comuns, para quem sofre com o transtorno.


8- Problemas de saúde



06



Como já explicamos na introdução dessa matéria, apesar do termo ninfomaníaca ser mais popular, os homens (satiríase) ainda são maioria quando se trata de compulsão sexual, chegando a margem de 95% dos casos. Por outro lado, a questão da saúde da mulher pode ser um tanto quanto mais preocupante, visto que biologicamente elas estão mais suscetíveis a contrair doenças sexualmente transmissíveis, além da própria gravidez em si.


Os problemas de saúde não param por aí, visto que em função destes hábitos desregrados, o corpo tende a se tornar cada vez mais fraco, a imunidade cai, o individuo pode desenvolver uma série de doenças e pode até mesmo chegar a morte, caso tenha infecções ou demais problemas não tratados.


E então queridos leitores, vocês já tinham alguma noção do quão grave a compulsão sexual poderia ser? O que mais te impactou nesse artigo? Conta pra gente aqui em baixo pelos comentários.


Uol

Amor e Sexo : Populares e perigosas: conheça as posições sexuais mais arriscadas
Enviado por alexandre em 19/05/2018 16:37:19



Sexo tem o poder de abalar as nossas estruturas – às vezes, literalmente. E, embora empolgação, ânimo e vigor geralmente sejam características bem-vindas entre os praticantes, se você e sua(seu) parceira(o) não estiverem bem sincronizados, os resultados podem ser… dolorosos. Procurando conscientizar as pessoas dos riscos envolvidos em uma atividade tão prazerosa, um recente estudo publicado pelo Journal of Impotence Research revelou quais posições sexuais são as mais propensas a causar acidentes.

Mais sobre o assunto

Sexo e maternidade: os desafios de conciliar as duas mulheres em você
Sete em cada 10 brasileiros leem livros eróticos. Confira os favoritos

A principal responsável por lesões durante a prática sexual é também uma das posições mais populares: cerca de 41% das fraturas penianas acontecem durante o popular doggy style. Em segundo lugar, outra modalidade bastante comum: papai e mamãe, causadora de 25% das ocorrências médicas.

O estudo foi feito no Reino Unido, com 90 pacientes que haviam sido diagnosticados com fraturas penianas. Os participantes da pesquisa tinham, em média, 39 anos.

Em matéria publicada no New York Post, a especialista em sexo Samantha Evans abordou de forma mais detalhada alguns dos riscos envolvidos para homens e mulheres nas posições em que mais ocorrem lesões. Confira abaixo.

De quatro

Para ela: Dependendo da velocidade da penetração, a fricção pode causar dores. Além disso, caso muito peso seja apoiado em suas costas, há risco de contusão.

Para ele: Se a prática estiver acontecendo em alta velocidade e sobre uma superfície instável, o pênis pode escorregar para fora da vagina e ser fraturado.

Papai e mamãe

Para ela: Risco de dor nas costas caso não haja apoio apropriado. Além disso, dependendo do ângulo, a penetração pode causar desconforto.

Para ele: Conforme angulação, força e vigor da penetração, há risco de fratura peniana.

Cavalgada

Para ela: Dependendo da velocidade e da posição das pernas, contusões podem acontecer.

Para ele: Durante a movimentação, o pênis pode escorregar para fora da vagina, havendo risco de fratura de acordo com a velocidade e o peso que for de encontro a ele, exposto.


sexokama sutra

Amor e Sexo : Sexo oral provoca danos à saúde? Conheça alguns mitos e verdades
Enviado por alexandre em 12/05/2018 16:28:27

Sexo oral sem preservativo pode trazer graves consequências à saúde

Sem penetração e sem risco de gravidez, o sexo é seguro? De acordo com Mariano Roselló Gayá, do Instituto de Medicina Sexual de Madri, e Francisca Molero Rodríguez, do Instituto de Sexologia de Barcelona, ambas na Espanha, a resposta é não.

O sexo oral sem preservativo, apesar de apresentar menores riscos, pode sim trazer graves consequências à saúde, incluindo o risco de contrair doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Com informações da BBC Espanha, os especialistas desvendaram os mitos sobre o assunto e revelaram os possíveis riscos que envolvem o sexo oral desprotegido:

Não é possível contrair DSTs pela boca

Esse é considerado um dos maiores mitos sobre sexo oral. É possível sim contrair DSTs pela boca. Alguns dos exemplos são o vírus do papiloma humano (HPV), a herpes genital, a sífilis e a gonorreia. “É preciso educar principalmente a população jovem sobre esse aspecto. A prevenção em forma de educação sexual deve prevalecer”, afirmou Gayá.

É melhor não escovar os dentes antes do sexo oral

Há quem diga que escovar os dentes pode causar feridas, aumentando o contágio, portanto, seria melhor evitar a higiene bucal antes do sexo oral. Na verdade, não. “É importante manter uma boa saúde bucal, tanto visando o sexo oral como para a saúde em geral”, explicou Gayá. No entanto, é recomendado evitar esse tipo de sexo se houver feridas expostas, queimaduras ou sangramento na região da boca.

Não há necessidade de proteção

Segundo o especialista, essa crença é completamente errada e o uso da camisinha – tanto a masculina quanto a feminina – é necessário. Afinal, as mucosas são porta de entrada para infecções. “Se os parceiros não tiverem se submetido a um exame completo para descartar a presença de DSTs, sempre se deve tomar precauções de método de barreira, não apenas anticoncepcional.”

Se retirar o pênis antes da ejaculação, não há risco de contágio

Apesar de os riscos serem menores, o líquido pré-ejaculatório também tem potencial contagioso. “A prevenção contra DSTs deve ser através de métodos de barreira (camisinha ou diafragma) e da realização de exames médicos para descartar a eventual presença de DSTs que não tenham se manifestado”, explicou o médico.



Fonte: Veja

« 1 (2) 3 4 5 ... 62 »