Brasil - O show continua - Notícias
« 1 ... 657 658 659 (660) 661 662 663 ... 712 »
Brasil : O show continua
Enviado por alexandre em 26/01/2011 17:10:28



Fumaça 2012: A disputa já começou nos bastidores

Embora ainda estejamos a mais de um ano e meio de distância das eleições municipais de 2012, faltando, portanto, muita água a rolar sob a ponte, muita controvérsia de bastidor a aparecer e tantas novelas partidárias a se desenrolar, vários nomes já se apresentam ou são apresentados como candidatos a candidatos à prefeitura de Ouro Preto do Oeste.

Atualmente o inquilino Alex Testoni (PTN), já manifestou o desejo de não sair a reeleição, alegando desgaste político e que vai sair da vida pública para voltar a iniciativa privada, local onde conhece como poucos os caminhos das pedras.

Numa relação breve, podemos mencionar alguns:a atual vice-prefeita, Joselita Araújo (PMDB); o presidente da Câmara Municipal, Gilvanes Fernandes (PTN), os vereadores Rony da Farmácia (DEM), Dr. Deraldo (PT); o deputado estadual diplomado Marcelino Tenório (PRP), o secretario estadual de Desenvolvimento Econômico e Social Edson Luiz Vicente, o ex-quase deputado estadual professor Dantas “o deputado redação” que vai sair do PT e provavelmente entrar no PSB e o ex-deputado estadual Amarildo Almeida (PDT) que certamente vai ter a benção da família Gurgazc.


Ante o cenário atual e aos muitos nomes de agora, o que se pode conjecturar é que são fortes as possibilidades de se efetivarem as candidaturas de Guilherme Almeida, Daniella Ribeiro e Fernando Carvalho. Daniella e Guilherme podem, inclusive, firmar um pacto de apoio na hipótese de um dos dois passar para o segundo turno. Sobre Carvalho, a tendência é que seja candidato fora do PMDB, embora figure como o melhor nome do partido atualmente.


A tese de Gilvanes Fernandes como favorito de Alex parece inverossímil – o prefeito e seu irmão, o deputado estadual diplomado Jaques Testoni (PTN), ainda não conta com uma definição mais nítida sobre um possível sucessor. No lado oposto, temos o nome de Marcelino que mesmo jurando por todos os santos que não é candidato, tem uma consideravelmente aceitação junto à população. Um páreo duro de roer será a candidatura do ex-deputado Amarildo um articulista impar e que sabe como poucos lidar com situações adversas.


No PMDB três nomes estão bem cotados: Joselita Araujo sabe a arte de fazer política, Edson Luiz Vicente aprendeu rápido como lidar com os bastidores da política e o psicólogo Pedro Paulo considerado a boa surpresa peemedebista e tem o respaldo do clã Raupp. O PT para não fugir a regra vai rachado mais uma vez para as eleições de um lado o vereador Dr. Deraldo do outro o vereador Almir Barbosa (PT) que já mandou o militante Raymundo Medeiros o popular Djavan tira o pé do chão não para dançar e sim começar a articular sua candidatura a prefeito.

O ex-quase deputado professor Dantas ainda não disse o que vai fazer após deixar a ALE/RO, mas comenta-se que o deputado redação vai ingressar no PSB e quem sabe ariscar uma candidatura a prefeito ou vereador, já que o importante é continuar mamando nas tetas do povo.

A pré-candidatura do vereador Rony da Farmácia, mas perece um balão de ensaio igual a que estamos escaldados de vê por uma razão simples o vereador não tem grupo político para tal pretensão e o melhor que deveria é cuidar da sua reeleição que tem mais a ganhar do que ficar plantando candidatura “fanta” que está cheirando a cacareco.

Ademais, embora os próximos meses venham a reduzir o número de pré-candidatos, devemos chegar a outubro de 2012 com um número recorde de candidatos. Isso ocorre porque, a peso de hoje, não há um grande nome a polarizar as atenções (e os interesses) dos grupos políticos.


Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com


Brasil : Maravilha
Enviado por alexandre em 25/01/2011 12:28:00



Saúde em Rondônia melhorou depois de reportagem, insinua Globo

De acordo com reportagem levada ao ar na noite desta segunda-feira (24/01), no Jornal Nacional, da rede Globo, a saúde em Rondônia “melhorou” depois que a emissora exibiu uma reportagem mostrando o estado de calamidade a que os pacientes eram submetidos no pronto-socorro João Paulo II.

A matéria também está disponível no site da globo.com. Confira o material na íntegra, abaixo:

Em Porto Velho, duas semanas depois da visita da equipe do JN no Ar aos hospitais, a situação está mudando. Não há mais pacientes pelo chão e os médicos fazem mutirão de cirurgias.

Noventa pacientes foram transferidos do Pronto-Socorro João Paulo II para outros hospitais, inclusive do interior, depois de novos convênios com as prefeituras.

No dia 11 deste mês o JN no Ar encontrou na unidade uma situação de caos. O governo do estado já tinha decretado calamidade na saúde, porque não havia mais condições de atendimento.

A fila de espera era de cem pessoas. Nesta segunda (24) não chega a 30. Mesmo assim, ainda tem gente em tratamento na recepção.

Quinze dias atrás, andar pelos corredores era tarefa difícil. Havia pacientes espalhados em macas por todos os lados e muitos no chão. O hospital de emergência continua operando acima da capacidade, mas a imagem é bem diferente.

"Não podemos dizer que está 100%, mas melhorou. Não temos que ficar pulando por cima dos pacientes, que era a pior imagem”, avalia o cirurgião geral Ricardo Perez.

No dia seguinte à visita do JN do Ar, a equipe de reportagem acompanhou a vistoria de técnicos de três ministérios. As sugestões deles se juntaram a soluções caseiras. No hospital de base, por exemplo, para onde a maioria dos pacientes foi transferida, houve reaproveitamento de espaços.

Salas de repouso de médicos e enfermeiros viraram quartos, são 40 leitos a mais. Médicos tiveram as férias canceladas ou saíram de outras cidades para ajudar. Chegam a fazer 14 cirurgias ortopédicas por dia em um mutirão que começou na semana passada.

"Estamos dando prioridade aos pacientes que estão esperando a mais tempo, três ou quatro meses", explica Jean Negreiros, diretor do Hospital de Base.

Sebastião, um preso com as duas pernas quebradas, foi mostrado pelo JN no ar. Ele esperou onze meses e foi um dos primeiros a ser operado.

Se na área de traumas a situação é mais calma, ainda há 229 pessoas à espera de cirurgia do coração. O Ministério da Saúde diz que está tentando uma parceria com um grande hospital de São Paulo para levar cardiologistas para a unidade.

Brasil : Vai continuar?
Enviado por alexandre em 22/01/2011 22:40:00



Confúcio fala de Educação, mas será que conhece a SEDUC de Ouro Preto?

O governador do Estado Confúcio Moura (PMDB), através do seu blog falou sobre a Educação no estado. O homem das redes sociais começa o seu comentário abordando a problemática da educação que entra ano e sai ano e nada muda, ou melhor, muda sim Senhor Governador, basta olhar a fundo e sem comprometimento a realidade que é a REN de Ouro Preto do Oeste, considerada uma extensão de um escritório político.

Confúcio diz, que primeiro quer arrumar a SEDUC, para gastar pouco e economizar os gastos com energia elétrica, telefones, combustível e uma enorme lista de recomendações. O governador prega austeridade no setor educacional, mas antes devia saber o que foi a REN do município nos últimos quatros anos e pelo andar da carruagem vai permanecer na mesma pisada com a gerência política tá igual à EMATER, que se transformou em um verdadeiro escritório político e esquecendo a sua finalidade.

A REN de Ouro Preto do Oeste, com seus fortes indícios de irregularidades que a priori foram jogadas para debaixo do tapete precisa entender que a coisa pública não é uma coisa privada que visa atender interesses e vaidades pessoais de um grupo político. A REN vem sendo um vassalo esquecendo que a educação é o pilar de qualquer nação e não adianta ter boas estradas, bons hospitais se o setor educacional é mal gerenciado por pessoas submissas e incompetentes para dar um norte na educação e Ouro Preto do Oeste não pode ficar refém de um grupo político que quer sempre estar próximo a Deus esquecendo que o poder é transitório e o que fica é o legado do bem isso para quem faz logicamente e não a “política na base do fígado”. A seguir veja o que o governador diz no seu blog será que Ele conhece a realidade da REN de Ouro Preto do Oeste.

Educação de qualidade – começar pelo começo. Pelo “a”. Creio que devemos olhar primeiro pra dentro do sistema. Porque educaçao é um sistema que vem andando como ela é. E entra ano e sai ano, com o mesmo sistema. Um modelo perverso que posso chamar, sem ofender a ninguém, de antieducação. O ano entra e a educação vai sendo puxada pra trás com os mesmos e crônicos problemas de sempre.
Primeiro – arrumar a SEDUC para gastar pouco dinheiro. Economizar energia elétrica. Telefones, combustível, conserto de ar condicionado, informática, transporte escolar, comida, aluguéis, xerox, cartuchos de impressoras e tudo mais.
Dar uma olhada geral em tudo isto. Fechar torneiras. Sentar em cima. Pra sobrar dinheiro para chegar à escola.
Cumprida esta etapa – dar uma olhada geral do no Estado, ver a condições reais das escolas, elaborar novos projetos de arquittura e engenharia, buscar dinheiro, ajeitá-las, e daí pra frente mudar a cara da pedagogia, instrumentos de educação, derrubar muros, valorizar o professor, tem muitos doentes, precisam de tratamento.
Sem medo, investir no professor. Sem professor bom não melhora educação. Professor treinado e que planeja cada aula. Que ensina com curriculo definido. Oferecer cursos mesmos, novos, pós graduações, pagas pelo Estado para o professor voltar a estudar, isto é bom, médico vai a cada ano a congressos, advogados também, e professor também deve ir.
O novo plano de carreira, moderno, grande, bonito, discutido, onde o professor sinta orgulho de ser servidor público e estar na sala de aula, porque dar aula compensa, ganha mais. Minas Gerais saiu na frente, vamos seguir o bom exemplo, é por aí.
Lá em Sobrar os princípios foram os seguintesm- foco no aluno, investimento no professor, avaliação do desempenho de cada um e o resultado foi uma beleza. O caminho é este minha gente.

Autor: Alexandre Araujo

Brasil : A realidade
Enviado por alexandre em 21/01/2011 16:46:46



ARCA DE NOÉ (BRASILEIRA)











Um dia, o Senhor chamou Noé que morava no Brasil e ordenou-lhe:
- Dentro de 6 meses, farei chover ininterruptamente durante 40 dias e 40 noites, até que o Brasil seja coberto pelas águas.

Os maus serão destruídos, mas quero salvar os justos e um casal de cada espécie animal.
Vai e constrói uma arca de madeira.
No tempo certo, os trovões deram o aviso e os relâmpagos cruzaram o céu.

Noé chorava, ajoelhado no quintal de sua casa, quando ouviu a voz do Senhor soar furiosa, entre as nuvens:

- Onde está a arca, Noé?
- Perdoe-me, Senhor suplicou o homem.
Fiz o que pude, mas encontrei dificuldades imensas:

Primeiro tentei obter uma licença da Prefeitura, mas para isto, além das altas taxas para obter o alvará, me pediram ainda uma contribuição para a campanha para eleição do prefeito.

Precisando de dinheiro, fui aos bancos e não consegui empréstimo, mesmo aceitando aquelas taxas de juros ...
O Corpo de Bombeiros exigiu um sistema de prevenção de incêndio, mas consegui contornar, subornando um funcionário.

Começaram então os problemas com o IBAMA e a SEDAM para a extração da madeira.
Eu disse que eram ordens SUAS, mas eles só queriam saber se eu tinha um "Projeto de Reflorestamento " e um tal de "Plano de Manejo ".

Neste meio tempo ELES descobriram também uns casais de animais guardados em meu quintal..

Além da pesada multa, o fiscal falou em "Prisão Inafiançável " e eu acabei tendo que matar o fiscal, porque, para este crime, a lei é mais branda.

Quando resolvi começar a obra, na raça,apareceu o CREA e me multou porque eu não tinha um Engenheiro Naval responsável pela construção.

Depois apareceu o Sindicato exigindo que eu contratasse seus marceneiros com garantia de emprego por um ano.
Veio em seguida a Receita Federal, falando em " sinais exteriores de riqueza " e também me multou.
Finalmente, quando a Secretaria Municipal do Meio Ambiente pediu o " Relatório de Impacto Ambiental " sobre a zona a ser inundada, mostrei o mapa do Brasil.

Aí, quiseram me internar num Hospital Psiquiátrico!
Sorte que o INSS estava de greve...
Noé terminou o relato chorando, mas notando que o céu clareava perguntou:
- Senhor, então não irás mais destruir o Brasil?
- Não! - respondeu a Voz entre as nuvens
- Pelo que ouvi de ti, Noé, cheguei tarde!
O governo já se encarregou de fazer isso! (Colaboração do indefecável Marcos Pires)

Brasil : Ouro Preto
Enviado por alexandre em 17/01/2011 09:24:35



Prefeito faz show pirotécnico com ônibus escolar e atrapalha o trânsito de veículos e pedestres

Bem ao estilo do seu guru político o senador diplomado Ivo Cassol (PP), o prefeito de Ouro Preto do Oeste, Alex Testoni (PTN) prepara um show pirotécnico com um desfile pelas vias da cidade dos ônibus que vão servir no transporte escolar. Os veículos foram adquiridos com recursos federais e repassados as prefeituras de Rondônia, através do BNDES dentro do Programa Caminho da Escola que visa otimizar o transporte escolar em todo o país.

A entrega dos 09 (nove) ônibus de transporte escolar ocorreu no final do governo de João Cahulla dia 29/12/2010 em evento realizado na cidade de Porto velho, e teve como pano de fundo mais uma promoção pessoal do governo que saia do que propriamente uma entrega de veículos que vai beneficiar toda comunidade estudantil nos municípios que foram contemplados com os ônibus.

Segundo informação de dentro da prefeitura municipal o prefeito Alex Testoni estaria disposto a realizar um desfile pelas vias da cidade dos ônibus adquiridos a exemplo do que fazia o então governador Ivo Cassol que realizava desfiles de maquinas agrícolas e outros veículos em todos os municípios no verdadeiro show pirotécnico tudo isso com o dinheiro do povo.

O desfile dos ônibus ainda não ocorreu, mas ao seu estilo o prefeito Alex Testoni mandou que os ônibus ficassem estacionados em frente ao Palácio dos Pioneiros sede do Poder Executivo municipal, este procedimento que vem desde o dia 30/12/2010 está atrapalhando o trânsito de veículos e pedestres que por sua vez estão tendo dificuldades de entrar no prédio da prefeitura.

O prefeito Alex Testoni, também vem omitindo o nome da senadora Fátima Cleide (PT) como responsável pela vinda de dois ônibus escolar, através de emenda parlamentar. Esta atitude não foi rebatida pelos vereadores do PT no município Almir Barbosa e Dr. Deraldo que se fizeram de surdo e mudo e estão em um silêncio paroquial.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com


« 1 ... 657 658 659 (660) 661 662 663 ... 712 »