Brasil - DESPERDÍCIO - Notícias
Tópico Número de Notícias Para Exibir

(1) 2 3 4 ... 244 »
Brasil : DESPERDÍCIO
Enviado por em 17/04/2014 10:17:50


Caixa d'água em situação precária causa desperdício na Praça da Liberdade
Uma caixa de água de estrutura metálica, que está instalada na praça da Liberdade, próximo ao Teatro Municipal, há tempos vem causando um grande desperdício de água e pondo em risco a integridade física de pessoas que passam por aquele local, inclusive de crianças que brincam em uma pista de Skate que fica ao lado.
 
A situação é causada por um buraco em seu reservatório que faz com que grande parte da água que chega da CAERD seja desperdiçada, vindo a escorrer pela rua. Devido ao longo período deste vazamento, sua base foi corroída pela ferrugem.
 
No dia 29 de janeiro deste ano o Corpo de Bombeiros notificou a Prefeitura Municipal, solicitando a manutenção ou troca daquela caixa, devido a sua precária situação e o risco que ela representa aos transeuntes. Na época, os militares interditaram o local. No entanto, até a presente data, nada foi feito para resolver o problema.
 
Em contato com o Secretário de Obras e o chefe de Gabinete da Prefeitura Municipal de Ouro Preto do Oeste, ambos informaram que a caixa d’água será substituída por uma outra, também usada, e que só necessita de alguns reparos. Porém, o material para que seja realizado este trabalho ainda não havia sido adquirido.

GAZETA CENTRAL

Comentários?
Brasil : THEOBROMA
Enviado por em 15/04/2014 11:29:48


Deputado Marcelino Tenório entrega equipamentos agrícolas para Associações rurais
Mais duas associações rurais foram contempladas com ações do deputado estadual Marcelino Tenório (PRP). O parlamentar esteve no distrito de Palmares município de Theobroma, onde entregou diversos implementos agrícolas para as associações rurais Ascamasc e Rio Branco.

As associações foram beneficiadas com tanques de leite, carroção para trator, ensiladeira e balança para pesagem de animais.

O deputado estadual, que já destinou outros recursos para a região, falou sobre o que representa os implementos para o crescimento da região. “Esses equipamentos irão facilitar o trabalho e o desenvolvimento da produção nas pequenas propriedades rurais da região. Temos que continuar buscando a tecnificação do setor produtivo para gerar mais renda aos pequenos produtores de nosso estado”, comentou Marcelino Tenório.

O evento contou com a presença do secretário executivo da Emater Luiz Gomes, deputado federal Carlos Magno, Carlinhos Theobroma Paraná e os presidentes das Associações Vanderlei e Elias e demais produtores.
Já passam de setenta o numero de implementos agrícola destinados ao setor produtivos pelo deputado Marcelino Tenório, são Tratores, grades, carretas, distribuidores de calcário, ensiladeiras, plantadeiras, balanças, para pesar animais, tanques de resfriamento de leite, entre outros, alem de uma retro escavadeira e um caminhão caçamba, para dar apoio às associações rurais.
Nosso Estado é eminentemente agrícola, apoiando o setor produtivo, automaticamente estamos apoiando os demais segmentos, pois, é do campo que vem nossas riquezas este e um dos nossos compromissos, e continuaremos a fazê-lo, afirmou o deputado.

ASCOM

Comentários?
Brasil : JARU
Enviado por em 15/04/2014 11:26:26


Deputada Stella Mari concede entrevista ao radialista Hamilton Alves
A deputada estadual recém empossada, Stella Mari Martoni (PR), acompanhada dos vereadores José Augusto da Silva (PPS) e José Cláudio Gomes, o popular Amarelinho (PSC), visitou na manhã desta segunda-feira (14) a prefeita Sonia Cordeiro de Souza (PT), em seu gabinete da Prefeitura de Jaru, para oferecer apoio à administração municipal e buscar informações sobre as principais necessidades do Município.

Stella colocou o seu gabinete na Assembleia Legislativa à disposição da prefeita Sonia para quaisquer reivindicações que possa atender em prol do desenvolvimento de Jaru e benefício da população. “Não é momento para discutir sigla partidária, meu mandato será totalmente dedicado a atender o povo jaruense, assim como fiz quando assumi, também por cinco meses, a Prefeitura de Jaru, por isso estou me colocando a sua disposição para liberar emendas para atender projetos que possam contribuir com o desenvolvimento de nossa cidade”, frisou a deputada.

Em seguida Stella Mari participou de uma reunião que acontecia na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Jaru, onde conversou com a Diretoria daquela instituição filantrópica e também abriu as portas de seu gabinete na ALE para atender possíveis reivindicações que possa contribuir para melhorias naquela importante instituição.

Ao meio-dia a deputada participou de entrevista no programa “Abrindo o Jogo” na rádio “Nova Jaru FM” e teve a oportunidade de responder questionamentos do radialista Hamilton Alves e falar ao povo de Jaru e região sobre as ações que deverá desenvolver na Assembleia Legislativa como deputada. “Gostaria de dizer, Hamilton, que Deus me proporcionou mais um momento especial em minha vida, que é assumir o mandato de deputada estadual por cinco meses, mas apesar do curto prazo, me dedicarei ao máximo para atender no que for possível o anseio do povo jaruense, que me elegeu”, declarou Stella.



Autor: Flávio Afonso

Comentários?
Brasil : A VERDADE
Enviado por em 14/04/2014 22:41:43


Cai a máscara do governador Confúcio Moura

O governador Confúcio Moura, sempre negou que foi o responsável pela demissão de 2.800 vigilantes, chefes de família, em virtude dos mesmos terem  em sido demitidos dos serviços que prestavam de vigilantes nas escolas públicas do estado.

O caos se instalou nas escolas do estado com a rescisão do contrato de vigilância que o governo mantinha com empresa privada  , roubos, assaltos, incêndios, diretores e funcionários sendo agredidos por bandidos, toda essa situação se verificou   quando os vigilantes foram demitidos.

Confúcio sempre negou que a autorização para a rescisão do contrato e a consequente demissão dos funcionários tivessem sido orientados por rele. Mas agora no início da campanha eleitoral, acusado de não ter pulso, nem mandar em seu governo disse: “Eu mando sim no meu Governo. Como prova disso, cancelei um contrato milionário, de interesse do meu adversário, “falou isso em uma rádio durante uma entrevista no município de Jaru.

Com essa declaração o governador assume de vez sua ação direta na rescisão contratual, na demissão dos vigilantes, e consequentemente no caos que se instalou na educação do estado de Rondônia, no que se refere a segurança dos prédios públicos ligados a educação, bem como a segurança dos servidores da educação, demonstrando com isso que seu ato não teve embasamento técnico, mas sim pura perseguição política contra seu adversário nas eleições de 2014.

Autor e fonte. Gomes Oliveira

Jornalista

Comentários?
Brasil : OURO PRETO
Enviado por em 13/04/2014 21:52:19


Condutores de veículos de Ouro Preto do Oeste não respeitam acessibilidade
O uso indevido de estacionamentos destinados a deficientes físicos e idosos virou prática comum entre os condutores de veículos de Ouro Preto do Oeste. A briga por uma vaga reservada a deficientes no estacionamento em frente a agência bancária, da Caixa Econômica Federal – CEF, localizada na Avenida XV de Novembro, por exemplo, é constante e escancara um problema crônico no município: a falta de educação e cidadania dos demais condutores de veículos.


Sem qualquer tipo de fiscalização por parte da Polícia Militar os condutores de veículos fazem a festa, já que tem a certeza da impunidade. A coisa é tão sem organização no trânsito que alguns comerciantes aproveitam as calçadas para estacionar veículos para revendê-los atrapalhando o fluxo de pedestres além de impedir a visibilidade de condutores de veículos. Extra oficialmente a Polícia Militar alega que a competência para multar neste tipo de irregularidade é do Departamento Municipal de Trânsito que existe e funciona apenas com um único funcionário. Para que a Polícia Militar possa atuar legalmente é preciso que seja celebrado um convênio com a Prefeitura municipal, fato este que é aguardado há 12 anos e nada de sair do papel.

“Qualquer pedestre em Ouro Preto sabe a dificuldade que é andar em nossas calçadas – imaginem cadeirantes, pais com carrinhos de bebê, idosos, pessoas com deficiência visual”, disse o vigilante Antonio Messias Alves que apontou como exemplo da falta de mobilidade urbana na Avenida Daniel Comboni uma das principais vias do município.

Alexandre Araujo/ouropretoonline.com

Comentários?
(1) 2 3 4 ... 244 »