Política - Apoio - Notícias
« 1 ... 651 652 653 (654) 655 656 657 ... 694 »
Política : Apoio
Enviado por alexandre em 06/09/2010 17:53:17



Pastore apoia Carlos Magno

Cone Sul: Augustinho Pastore declara apoio a Carlos Magno


Rodrigo Guerreiro

O candidato a deputado Federal, Carlos Magno (PP), tem recebido manifestações de apoio de lideranças e militantes de várias regiões do Estado. Em reunião realizada nesse fim de semana, foi à vez do ex-secretário da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron), Augustinho Pastore declarar apoio irrestrito ao nome de Magno.

Augustinho que estava na disputa por uma das 8 vagas rumo a Câmara Federal, por um erro de seu advogado, teve negado seguimento a recurso especial, que apresentou a petição diretamente ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não ao TRE de Rondônia, onde teve o registro de candidatura negado.

O ex-candidato reuniu em Vilhena na sua residência, o deputado Estadual Luizinho Goebel (PV - Vilhena), autoridades civis e eclesiásticas, vereadores e lideranças compostas pelos municípios que compõe o Cone Sul, oficializando a desistência de sua candidatura e apresentando Carlos Magno como seu candidato a deputado Federal. Segundo Pastore, recebeu diversas propostas de candidatos, interessados em seu apoio, mas que sua escolha por Magno, foi muito além.

“Não vou apenas votar, mas apoiar, apresento aqui as pessoas que tem compromisso com o Cone Sul, todos estavam empenhados na minha candidatura, agora temos um único objetivo, eleger Carlos Magno, para ser nosso representante legal da região, tenho certeza que ele cumprirá com nossa gente, que por alguns anos Vilhena pede por políticos sérios e compromissados, ele tem experiência na vida pública, é uma pessoa simples e conhece muito bem o terceiro setor, revolucionou a agricultura de Rondônia, quando esteve a frente da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri)”, afirmou Pastore.


Carlos Magno agradeceu o apoio recebido e confirmou aos presentes que sendo eleito, representará muito bem aquela região, firmando compromisso com Vilhena. “Mais uma vez temos que detalhar qual a verdadeira atuação de um deputado Federal, que se preocupa com seu Estado, os recursos hoje, aqueles que todos pagam quando vão ao mercado, os impostos, ficam 65% em Brasília, precisamos lutar e trazer recursos para Rondônia, explicou o candidato.

Política : Rigorosa
Enviado por alexandre em 04/09/2010 23:28:45



Justiça Eleitoral recolhe placas irregulares do candidato Irandir Oliveira

A Justiça Eleitoral através do juiz titular da 28ª ZE da Comarca de Ouro Preto Dr. Glauco Antonio Alves determinou o recolhimento dos placas de propaganda eleitoral do candidato a deputado estadual pelo PMN Irandir Oliveira de Souza. O juiz da propaganda eleitoral Glauco Antonio Alves proferiu a decisão em representação ingressada na Justiça Eleitoral. Segundo o magistrado, a propagada está irregular, causando visível desequilíbrio ao pleito eleitoral de 2010, além de prejudicar a isonomia das eleições em relação aos outros candidatos.

Para o juiz eleitoral as placas tinham mais de 4 metros quadrados, o que já é considerado um outdoor apetrecho publicitário vetado nessas eleições.. "O artigo 39 da Lei 9504/97 proíbe expressamente a propaganda eleitoral por meio de outdoors, estando sujeita a empresa responsável, os partidos, coligações e candidatos, à imediata retirada da propaganda irregular e ao pagamento de multa no valor de 5 a 15 mil UFIRs", esclareceu o juiz na decisão.

Com apoio da Polícia Militar serventuários da Justiça Eleitoral fizeram os recolhimentos das placas que estavam ferindo a legislação eleitoral vigente para as eleições de 2010.


Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Política : Ponto de vista
Enviado por alexandre em 04/09/2010 22:25:59



Pesquisas até que ponto é confiável?


Se tem uma coisa que perdeu credibilidade em Rondônia é a tal pesquisa de opinião pública para auferir as intenções de votos para governador, senador e deputados: estadual e federal e tudo com a calamitosa conivência de parte da imprensa.

Tivemos a poucos dias atrás a divulgação por parte do IBOPE para corrida rumo ao Palácio Getulio Vargas, sede do Poder Executivo Estadual e como num passe de mágica o atual governador aparece em primeiro lugar, não que o Senhor João Cahulla (PPS) não tenha seus méritos, mas é difícil acreditar em um governo que não decolou e por cima não deu continuidade ao que o então governador Ivo Cassol (PP) vinha fazendo há mais de sete anos.

Então a batida caminha assim os assessores e bajuladores de João Cahulla dizem que o Ibope é o instituto melhor do mundo e os de Expedito Júnior (PSDB) e Confúcio Moura (PMDB) afirmam que pior não existe. Ou seja, parte da imprensa não informa, apenas opina de acordo com suas conveniências.

Creio na minha modesta opinião que o IBOPE só tem razão quando o assunto é as duas vagas para o senado federal que atualmente ficou estabilizada com o ex-governador Ivo Cassol a frente nas intenções de votos e em segundo lugar o senador e candidato a reeleição Valdir Raupp (PMDB). De um lado o trabalho de Cassol como governador com seu estilo populista ganhou a simpatia de muita gente, mas também a rejeição de muitos, do outro lado tem o lado carismático de fazer política do senador Raupp que é um ótimo articulador político e sabe como ninguém jogar com que tem nas mãos e nos pés para ganhar uma peleja, daí posso até errar, mas as duas vagas têm donos sim, ou seja, Cassol e Raupp.

De fato, os institutos de pesquisa, e particularmente o Ibope, têm precedentes de falhas em pesquisas eleitorais (não só em Rondônia, mas em todo país). Em Goiás, em 1988, o Instituto Jaime Câmara, proprietário da afiliada da Rede Globo, passou as eleições divulgando uma pesquisa congelada e mentirosa no intuito de favorecer Marconi Perillo, fato confessado por Montenegro (dono do Ibope) no programa “Roda viva”, da TV Cultura. Em 1982, não fosse à coragem de Leonel Brizola, a Rede Globo e o Ibope teriam conseguido manipular as eleições para governador do Rio de Janeiro, quando, na ocasião, divulgavam Brizola fora do páreo nas pesquisas. Foram desmascarados pelas urnas.

O certo é que os institutos de pesquisa em geral não me inspiram confiança quando da divulgação de pesquisas de cunho eleitoral. Quem me acompanha nesta página já deve ter percebido que sou fã do presidente Lula e considero seu governo um dos melhores da história – para o desespero da elite paulistana e de outras localidades que não se conforma que um “retirante da seca” tenha mudado o país para melhor.

Todavia, recuso-me a acreditar que o nosso presidente tenha o dom do rei Midas de transformar tudo em ouro, ao ponto de alavancar candidaturas à re-eleição de governantes bisonhos, como também não acredito que o mesmo esteja com 80% redondos de aceitação popular, nem que Dilma esteja com 90% das intenções de votos. Até porque, se for verdade, nessa batida de bombo, ou o dia da eleição chega logo, ou daqui a pouco a dupla passa a concorrer com Jesus Cristo.

No plano de pesquisas feitas para deputados: estadual e federal é uma piada e o cidadão não pode levar a sério os números, já que o Estado de Rondônia tem uma extensão territorial grande e com regiões que tem suas particularidades. Daí afirmar que o fulano é o primeiro é temeroso e picaretagem de quem faz e quem paga as pesquisas que são como salsichas, é melhor não saber como são feitas de tão nojenta e sem credibilidade que só serve para engordar a conta bancaria de muitos picaretas.

O pior de tudo isso que tem certos políticos de mandato que paga por estas pesquisas e depois fica distribuindo como se fosse verdadeira, para meia dúzia de “puxa saco” os números não metem, mas para a grande maioria é motivo de piada. O duro é que muitas das vezes o “moribundo” do político surrupia o erário público para pagar seus devaneios, devemos nós eleitores ficar atento e dizer um “Não” para estas picaretagens.


Alexandre Araujo jornalista DRT/RO 699

Política : Pesquisa?
Enviado por alexandre em 04/09/2010 21:36:57



Pesquisa para governador, senador e deputados

IRPE aponta números da corrida eleitoral em Rondônia

O Instituto Rondoniense de Pesquisa e Estatística (IRPE - Comunicare Organizações LTDA) registrou, no último dia 30, junto ao TER-RO, uma pesquisa eleitoral feita entre os dias 24 e 28 de agosto, em Rondônia. A pesquisa ouviu 1453 eleitores de 34 municípios do Estado. A margem de erro é de 2 pontos para mais ou para menos. O protocolo do registro junto ao TRE é 23709/2010, de 30/08/2010. Quem, contratou a pesquisa foi a Empresa Alto Madeira Ltda, de Porto Velho. Vejam os números:

Para presidente da República, o candidato José Serra (PSDB) lidera com 46,1%, seguido de Dilma(PT) com 32,9% e Marina Silva (PV), com 5,4%. Os outros candidatos obtiveram menos de um ponto. 14,2% dos entrevistados não opinaram ou estão indecisos.

Para governo do Estado, o candidato Expedito Junior (PSDB) continua na frente, com 27, 5%, empatado tecnicamente com o segundo colocado, Confúcio Moura (PMDB), que obteve 25,3% das intenções. O terceiro colocado é João Cahula (PPS), com 17,2%, seguido de Eduardo Valverde (PT), com 8,5%. Marcos Sussuarana (PSOL) obteve 1,8%. Já 19,7% dos entrevistados não sabem em quem votar para o governo, ou pretendem anular o voto.

Para o Senado, dois candidatos se destacam dos demais: Ivo Cassol (PP) obteve 51,5% e CValdir Raupp (PMDB) 45,6%. A Senadora Fátima Cleide (PT), obteve 28,5% das intenções de votos, seguida por Melki Donadon (PHS), com 20,4%, Pastor Aloísio com 2,5%, Corazinho com 1% e Joca do Psol com 0,8%. Cerca de 40,6 dos votos para o Senado inda estão por serem conquistados. A soma das porcentagens dos votos para o senado é de 200%.



Os números para Deputado Federal e Estadual estão dispostos nas tabelas. Para deputado Federal foram apresentados apenas os 20 mais bem votados na pesquisa. Para Deputados Estaduais foram apresentados os 40 nomes que melhor se destacaram na pesquisa.


Informações complementares

A presente pesquisa buscou avaliar as intenções de votos dos eleitores dos 34 municípios do Estado para a presidência da República nas eleições 2010, bem como para a sucessão do governo de Rondônia, ao Senado da República e Deputados Federais e estaduais.

Foram apresentadas questões fechadas, com respostas estimuladas para Presidente, Senado e Governo de Rondônia; e espontânea para Deputados Federais e Estaduais.
Os dados que resultaram neste relatório foram colhidos através de amostragem sistemática e estratificada, com aplicação de formulário eletrônico, em entrevista direta, in loco, aos eleitores de 34 municípios de Rondônia.

O formulário continha questões fechadas que resultaram em dados quantitativos. A amostragem obedeceu aos seguintes critérios metodológicos: sexo - 49% homens e 51% mulheres; idade entre 16 e 72 anos; nível cultural e sócio econômico aleatório. Foram ouvidos 1.453 eleitores de um universo de 1.079.658 (100% dos eleitores do Estado).
O trabalho de campo foi realizado entre os dias 24 a 27 de agosto de 2010.

O Intervalo de Confiança é de 95% e a margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Tabela 04 – Senador da República – primeiro voto, segundo voto e total
Primeiro voto Segundo voto Total
Ivo Cassol 40,0 11,5 51,5
Valdir Raupp 20,3 25,3 45,6
Fatima Cleide 15,3 13,2 28,5
Melki Donadon 6,9 13,5 20,4
Agnaldo Muniz 4,1 5,0 9,1
Pastor Aloizio 0,5 2,0 2,5
Corazinho 0,4 0,6 1,0
Joca do Psol 0,2 0,6 0,8
Não Sabe 12,3 28,3 40,6
100,0 100,0 200,0

Tabela 05 - Total para Deputado Federal

Não Respondeu 50,36

Marinha Raupp 8,22
Natan Donadon 7,09
Celia Pastorio 3,57
Nilton Capixaba 3,52
Carlos Magno 3,11
Anselmo de Jesus 2,18
Padre Ton 2,01
Amir Lando 1,85
Daniela Amorin 1,64
Val Ferreira 1,47
Lindomar Garçon 1,26
Cocó 1,05
DJ Maluco 1,05
Amauri 0,92
Marlene Parra 0,88
Moreira Mendes 0,88
Joares Jardim 0,63
Dr Mauro Nasif 0,63
Dra Raquel 0,50
Eduardo Lacerda 0,46
Outros 6,71



Tabela 06 - Total para Deputado Estadual

Não Respondeu 35,35

Lebrão 3,09
Marcos Antonio Donadon 2,30
Luiz Goebel 2,25
Ezequiel Neiva 2,17
Neodi 1,77
Adriano Boiadeiro 1,59
Brito do Incra 1,55
Valter Araujo 1,55
Jaques Testone 1,50
Lucia Tereza 1,50
Jair Mioto 1,46
JesuaLdo Pires 1,46
Kaka Mendonça 1,41
Edilson Martins 1,37
Hernandes Amorin 1,37
Marcelino Tenorio 1,33
Mileni Mota 1,28
Glaucione 1,24
Adriano Bombeiro 1,15
Edivaldo Soares da BAND 1,06
Luiz Claudio da Agricultura 1,02
Laerte Queiroz 0,93
Luiz Mauro 0,93
Zezão 0,93
Miguel Sena 0,93
Professor Alvaro 0,75
Caico 0,75
Capitão Crispim 0,71
Jean Oliveira 0,71
Sandoval Andrade 0,62
Carlinhos Camurça 0,62
Adelino Follador 0,57
Maurao de Carvalho 0,57
Penha 0,53
Sonia Arrabal 0,53
Adair Cardoso 0,49
Flavinho da Maquina 0,49
Professor Dantas 0,49
Altamiro Souza 0,44
Gilson Borges 0,44
Outros 19,75


Breve texto sobre o IRPE


Há 12 anos atuando no segmento de pesquisas e estatísticas, um instituto criado em Vilhena vem ganhando destaque em todo o Estado este ano. Graças ao índice de acertos dos prognósticos feitos em disputas anteriores, o Instituto Rondoniense de Pesquisa e Estatística (Irpe) é procurado por candidatos de praticamente todos os partidos.

Segundo Dejanir Haverroth, diretor da entidade, desde o início do ano, sua empresa fez seis levantamentos eleitorais no Estado, atendendo a pedido de lideranças políticas. A próxima rodada de sondagens deve ficar pronta na próxima semana.

O pequisador explica, no entanto, que nem todos os números apurados se destinam à divulgação na imprensa. “Muitos dos dados que coletamos são para consumo interno, ou seja, apenas para orientar as campanhas”, revela.

A confiabilidade do trabalho feito pelo Irpe está escorada em números arquivados pelo instituto. Dejanir garante que, na última eleição estadual (2006), a margem de erros das pesquisas realizadas foram em média de apenas 0,6%, abaixo da margem instituída para esse tipo de trabalho. O Irpe acertou as pesquisas feitas nos 26 municípios onde atuou, em Rondônia e Mato Grosso.

Política : Esporte
Enviado por alexandre em 03/09/2010 01:09:22




Ouro Preto do Oeste sediará Campeonato Estadual de Judô e Jiu Jitsu



A cidade de Ouro Preto do Oeste vai sediar nos dias 04 e 05/09 O campeonato Estadual de Judô e Jiu-Jitsu, o evento terá como palco o ginásio de esportes Agmar de Souza Gomes “O Piauzão”. Segundo o organizador do evento Marino Schotten Júnior 18 academias já confirmaram a presença com aproximadamente 400 atletas.

Abertura do evento esportivo será às 9 horas da manhã com a presença das autoridades, desfiles das delegações e em seguida começa a disputa das primeiras medalhas com a categoria de criança menos de 06 anos de idade.

Marino Júnior que é proprietário da academia JR Sports disse no enceramento do primeiro dia de competição será realizado o 4º desafio Capital X Interior com a participação de 08 atletas por equipe, sendo que interior já ganhou duas disputas contra um da capital.

No domingo dia 05 acontece a 3ª Copa de Jiu-Jitsu com o inicio às 9 horas da manhã e já estão confirmados a presença de 150 atletas de todo o Estado de Rondônia. As categorias com idades e pesos participantes segundo informação prestada por Marino Júnior.

SUB - 09 (07/08 anos) nascidos 2003 e 2002


Masculino: -23, -25kg, -28kg, -31kg, -34kg, -38kg, -42kg, e +42kg

Feminino: -23, -25kg, -28kg, -31kg, -34kg, -38kg, -42kg, e +42kg


SUB - 11 (09/10 anos) nascidos 2001 e 2000


Masculino: -28, -30kg, -33kg, -36kg, -40kg, -45kg, -50kg, +50kg

Feminino: -28kg, -30kg, -33kg, -36kg, -40kg, 45kg, -50kg, +50kg


SUB - 13 (11 e 12 anos) nascidos em 1999 e 1998


Masculino: -28, -31 kg, -34 kg, -38 kg, -42 kg, -47 kg, -52 kg, e +52 kg.

Feminino: -28, -31 kg, -34 kg, -38 kg, -42 kg, -47 kg, -52 kg, e +52 kg.


SUB - 15 (13 e 14 anos): nascidos em 1997 e 1996


Masculino: -36 kg, -40 kg, -44 kg, -48 kg, -53 kg, -58 kg, -64 kg e +64 kg.

Feminino: -36 kg, -40 kg, -44 kg, -48 kg, -53 kg, -58 kg, -64 kg e +64 kg


SUB - 17 (15 e 16 anos): nascidos em 1995 e 1994


Masculino: -50 kg, -55 kg, -60 kg, -66 kg, -73 kg, -81 kg, -90 kg e +90 kg;


Feminino: -40 kg, -44 kg, -48 kg, -52 kg, -57 kg, -63 kg, -70 kg, +70 kg.


SUB - 20 (17, 18 e 19 anos): nascidos em 1993, 1992 e 1991



Masculino: -55 kg, -60 kg, -66 kg, -73 kg, -81 kg, -90 kg, -100 kg e +100 kg;

Feminino: -44 kg, -48 kg, -52 kg, -57 kg, -63 kg, -70 kg, -78 kg e +78 kg.


Sênior (acima de 20 anos): nascidos em 1990 abaixo.



Masculino: -55 kg, -60 kg, -66 kg, -73 kg, -81 kg, -90 kg, -100 kg e +100 kg;

Feminino: -44 kg, -48 kg, -52 kg, -57 kg, -63 kg, -70 kg, -78 kg e +78 kg.


Máster ( acima de 35 anos): nascidos antes de 1975.

Masculino: -60 kg, -73 kg, -90 kg, +90 kg.

Feminino: -48 kg, -57 kg, -70 kg e +70 kg.


Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com









« 1 ... 651 652 653 (654) 655 656 657 ... 694 »