Ritual macabro: de cartola e capa, homem decepou e bebeu sangue de vítima - Regionais - Notícias
Regionais : Ritual macabro: de cartola e capa, homem decepou e bebeu sangue de vítima
Enviado por alexandre em 12/10/2021 23:43:45


Polícia encontrou desenhos e imagens que remeteriam a um culto e afirma que acusado bebeu sangue de homem morto depois do crime

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu nessa sexta-feira (8/10) o responsável por mutilar e carbonizar uma pessoa em terreno baldio na região de Samambaia Norte, o crime aconteceu na última segunda-feira (4/10).

 

A polícia encontrou evidências de que Antônio Carlos Pires de Lima (foto em destaque) foi assassinado em um suposto ritual macabro. O local do crime tinha desenhos de um demônio, junto ao número 666 e ainda um cartaz de uma série de terror.

 

Os policiais descobriram que o acusado teria usado uma capa preta e vermelha, além de uma cartola durante o assassinato. Depois de tirar a vida de Antônio, o homicida ainda teria bebido o sangue da vítima.

 

Veja também 

 

Grávida de 23 anos que não se vacinou contrai Covid só descobre nascimento do filho após acordar do coma

 

Mulher celebra divórcio após 17 anos de casamento com festa de unicórnio e arco-íris

A identificação do suspeito, que não teve o nome divulgado pela polícia, aconteceu no âmbito da Operação Macabro, coordenada pelo delegado Rodrigo Carbone, da 26ª Delegacia de Polícia (Samambaia).

 

A polícia conseguiu identificar o suspeito e ver os trajes usados na hora do ritual por meio de imagens de câmeras de segurança. Nas gravações, o homem passa usando a capa logo depois de esquartejar e carbonizar o corpo.

 

O Metrópoles teve acesso às fotos tiradas pela polícia no local do crime. As imagens mostram as paredes rabiscadas, desenhos e o cartaz da série de TV espanhola “Me Conte uma História”, de fantasia e terror. Os policiais localizaram também os restos mortais da vítima: um fragmento da coluna vertebral e o fêmur carbonizados. O indiciado será apresentado à audiência de custódia.

 

Veja onde aconteceu o ritual:

 

 

 

 

 

Veja os restos mortais encontrados pela polícia:

 

 

 

 

 

 

 

Fotos: Divulgação 

 

Fonte: Metrópoles 

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo