HOUVE CORRUPÇÃO - Política - Notícias
Política : HOUVE CORRUPÇÃO
Enviado por alexandre em 16/09/2021 09:54:51

'Não dá para fingir que não teve corrupção com o PT", diz senador

Alessandro Vieira é pré-candidato à Presidência da República pelo Cidadania


Senador Alessandro Vieira é pré-candidato à Presidência Foto: Agência Senado/Roque de Sá

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), que já anunciou sua pré-candidatura à Presidência da República, declarou nesta quarta-feira (15), em entrevista ao portal Metrópoles, que é preciso “reconhecer que tivemos casos comprovados de gravíssima corrupção ligados aos governos do PT, ligados ao Lula”.

– A corrupção garante que uma pessoa incompetente chegue ao poder e lá permaneça. É um ciclo no qual o Brasil está preso há muito tempo. […] Corrupção não é de esquerda ou de direita. É um comportamento humano que se prolifera quando você não tem mecanismos de controle. E são mecanismos, não são pessoas, não são heróis – disse o parlamentar.

Leia também1 Prefeito do Guarujá é preso pela PF suspeito de desvios na Saúde
2 Com 273 votos, Câmara volta com quarentena a PMs e juízes
3 Criticado por ator, Frias diz que não dará dinheiro para ex-colega famoso
4 Ministro da CGU rebate acusação de Aziz e dá recado ao senador
5 Pacheco falará com Alcolumbre sobre a sabatina de Mendonça

Integrante da chamada “terceira via” para as eleições de 2022, Vieira, que defende pautas progressistas, já admitiu que pode abrir mão da candidatura em função de outros postulantes. No entanto, o parlamentar colocou condições.

– Uma chapa ideal pode ter meu nome, como pode não ter. Não faz diferença. Mas tem de ter as ideias que a gente defende. Não precisa da minha cara na urna. Quem defende frente ampla e de oposições não pode começar a discussão dizendo que é o único candidato viável – reconheceu.

VEJA A ENTREVISTAhttps://pleno.news/brasil/politica-nacional/nao-da-pra-fingir-que-nao-teve-corrupcao-com-o-pt-diz-senador.html

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo