Advogado compartilha tela sem querer e juíza flagra xingamento a ela: ‘Que filha da puta - Regionais - Notícias
Regionais : Advogado compartilha tela sem querer e juíza flagra xingamento a ela: ‘Que filha da puta
Enviado por alexandre em 07/04/2021 23:35:15


‘Doutor, o que o senhor escreveu ali?’, questionou magistrada

Um advogado foi flagrado xingando uma juíza em um julgamento virtual no Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT-9), após compartilhar a tela de seu WhatsApp no computador.

 

A audiência aconteceu no último dia 22.

 

Participavam da sessão o advogado Raphael Bueno, a juíza Edinéia Carla Poganski, e a advogada Luciana Mattes.

 

Veja também

 

Escolhido pelo presidente Bolsonaro Abin afasta servidor e anuncia processo contra jornalistas em caso sobre Flávio Bolsonaro

 

AGU usa trechos da Bíblia em defesa da liberação de cultos na pandemia

 

Compartilhando a tela de seu computador no WhatsApp Web, o advogado apresentou uma foto publicada no Facebook que mostraria a advogada em uma confraternização, e questionou o encontro com uma suposta testemunha.

 

A juíza não concordou com o argumento do advogado e seguiu o julgamento.

 

Em seguida, ao deixar a tela da fotografia, é possível ver o WhatsApp do defensor aberto.

 

Em uma conversa, ele escreveu: “Que filha da p...”.

 

Leia: Juíza expõe xingamentos de colegas para evitar condenação em processo

 

A juíza reagiu.

 

“Doutor, o que o senhor escreveu ali? O senhor escreveu ‘Que filha da puta’? Quem é filha da puta, doutor?”, disse, ao que o defensor respondeu, enquanto tentava apagar a mensagem:

 

“Não, Excelência...”.

 

A magistrada insistiu:

 

“Está gravando na tela, foi gravado”.

 

O advogado, então, disse:

 

 

“Não, não estou falando de Vossa Excelência”.

 

Fonte: Epoca

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo