Bactéria comedora de cérebro e surra do ex: o que aconteceu com Renata Banhara é de cortar o coração. VEJA - Regionais - Notícias
Regionais : Bactéria comedora de cérebro e surra do ex: o que aconteceu com Renata Banhara é de cortar o coração. VEJA
Enviado por alexandre em 21/05/2020 23:39:04


Renata Banhara

Você se lembra da Renata Banhara? Ela ficou conhecida por ter participado do quadro da Banheira do Gugu. No entanto, desde o início dos anos 2000, a vida de Renata Banhara virou um desenrolar de acontecimentos ruins. Primeiro, a modelo que era famosa por sua beleza, descobriu uma superbactéria.

 

Um dente da modelo acabou infeccionando e os médicos descobriram que uma bactéria poderosa estava se instalando no corpo da modelo. Essa bactéria chegou ao cérebro de Renata Banhara, que ficou internada por muito tempo. O rosto dela chegou a ficar inchado e, em muitos posts, ela dividiu sua dor e drama.

 

Quem achou que esse era o único drama de Renata Banhara está muito enganado. Isso porque ela foi vítima de violência doméstica. Em entrevista ao portal de notícias UOL nesta terça-feira, 20 de maio, a modelo contou que, em 2018, o seu ex-marido a espancou e que, por pouco, ela não morreu.

 

Veja também

 

Ator da saga ‘Crepúsculo’ e namorada são encontrados mortos

 

Glória Maria expõe casamento em 'Conversa com Bial' e faz o Brasil chorar com morte da mãe dentro do carro: 'Meu Deus'

 

Tudo aconteceu, justamente, quando Renata Banhara se tratava contra a superbactéria que a atingiu. A modelo conseguiu se mudar, já que tinha outro imóvel. Banhara também tem um filho mais velho, que a ajudou nesse processo.


“Estava ensanguentada. De pijama e com muita fome, já não conseguia pensar direito. Foi aí que percebi que a vítima, nessa situação, precisa de ajuda não só policia”, disse ela ao UOL. Veja abaixo uma foto recente de Banhara, que está ajudando outras mulheres vítimas de violência doméstica:

 

 Com um histórico dramático, em plena pandemia de coronavírus, ela agora tenta ajudar outras mulheres que passam por situações parecidas.

 

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo