BATEU LEVOU - Política - Notícias
Política : BATEU LEVOU
Enviado por alexandre em 13/05/2019 08:16:45

Bolsonaro dá resposta batendo no prefeito de NY
Jair Bolsonaro parece não estar disposto a sepultar a polêmica troca de ofensas com o prefeito de Nova York, Bill de Blasio. Em entrevista para a rádio Bandeirantes, o presidente voltou a xingar o norte-americano, que no último sábado chamou Bolsonaro de “orgulhoso homofóbico”. “Se tivesse PSOL lá, o partido adequado dele seria o PSOL”, disse Bolsonaro, se referindo a Blasio como um  “bobalhão”, “paspalhão” e “fanfarrão”.

O brasileiro ainda acusou o prefeito de NY de de “ir para cima” da comissão que organizava o evento que Bolsonaro estaria. “Ele (Blasio) se organizou abertamente para o pessoal jogar ovo, jogar estrume”, disse. “Não é esse o comportamento de um prefeito, ele quer disputar as prévias do Partido Democrata para disputar contra o Trump, mas ele é um fanfarrão e não vai conseguir nada”, disse. (Estadão –Coluna)



Filho de Bolsonaro quer anular investigação do MP

Movimentações financeiras atípicas do ex-assessor

Flávio Bolsonaro voltou a falar sobre o caso Fabrício Queiroz. Em entrevista ao Estadão, o filho do presidente Jair Bolsonaro fez questão de afirmar mais de uma vez que é seu ex-assessor que tem de explicar as movimentações financeiras atípicas. Mas o alvo das principais críticas do senador foi o Ministério Público. “Sou investigado há quase um ano e meio e, até ontem, o chefe do Ministério Público estava falando que eu não era investigado”, disse.

“Estou recorrendo para que o plenário vote abertamente e quero ver arquivar isso de público. Eles querem requentar uma informação que eles conseguiram de forma ilegal, inconstitucional” ,diz Flávio

“Como viram a cagada que fizeram, agora querem requentar, dar um verniz de legalidade naquilo que já está contaminado e não tem mais jeito. Não tem outro caminho para a investigação a não ser ela ser arquivada – e eles sabem disso. Por isso, o desespero de tentar justificar e correm agora para requerer a quebra do meu sigilo bancário e fiscal”, afirmou.

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo