Bolsonaro completa 16 dias internado e fala em sair na 3ª feira do Einstein - Regionais - Notícias
Regionais : Bolsonaro completa 16 dias internado e fala em sair na 3ª feira do Einstein
Enviado por alexandre em 11/02/2019 10:00:26

Nesta segunda-feira (11), completam 16 dias que o presidente Jair Bolsonaro está internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde se recupera de uma cirurgia de reconstrução do trânsito intestinal e retirada da bolsa de colostomia.

O presidente está sem febre e o quadro de pneumonia, diagnosticado na quinta-feira (07), melhorou significativamente. Apesar da “boa evolução clínica”, ainda não há previsão oficial de alta.

Durante a edição de sexta-feira (08), do SBT Brasil, o jornalista e âncora Carlos Nascimento afirmou que o presidente lhe dissera, por telefone, que pretende sair do hospital nesta terça-feira (12), desde que tenha autorização médica.

O jornalista afirmou ter ficado surpreso com o telefonema do presidente e disse ter recebido orientações médicas de Bolsonaro. “O presidente queria me aconselhar”.

“Eu agradeci e perguntei sobre a saúde dele. Ele disse que está bem e que pretende sair do hospital na terça-feira, desde que os médicos concordem. Ele me pareceu muito bem-disposto, como disse, ele tossiu somente uma vez [durante a ligação] e sua voz estava firme”, relatou.

De acordo com o boletim médico divulgado neste domingo (10), o presidente segue tomando os mesmos antibióticos. Ainda, que segue fazendo exercícios respiratórios e de fortalecimento muscular, alternando com caminhadas fora do quarto.

No sábado (09), o presidente iniciou uma dieta com alimentos pastosos associada “ao suplemento nutricional especializado por via oral”.

Mesmo no hospital, Bolsonaro está exercendo o cargo de presidente da República. Na sexta-feira (08), assinou indulto (perdão de pena) para presos com doenças graves e doentes terminais.  O GSI (Gabinete de Segurança Institucional) montou um escritório no hospital para que o presidente possa trabalhar.

Visitas seguem restritas

Por ordem médica, as visitas permanecem restritas. Na sexta-feira, Bolsonaro recebeu o ministro Tarcísio Freitas (Infraestrutura). Na noite de sábado, o ministro Ricardo Salles (Meio Ambiente) foi até o hospital.

O presidente, no entanto, segue ativo nas redes sociais. Na tarde deste domingo (10), Bolsonaro postou um vídeo do hospital no Twitter e reconheceu que nem todos os brasileiros têm acesso a tratamentos médicos como ele tem recebido e prometeu melhorar o SUS (Sistema Único de Saúde).

O presidente também cobrou que a Polícia Federal encontre os responsáveis pelo atentado a faca que sofreu durante a campanha eleitoral em Juiz de Fora (MG), em setembro de 2018.

No sábado, o presidente também usou o Twitter para anunciar o novo presidente do Incra (Instituto de Colonização e Reforma Agrária). O órgão será comandado pelo general da reserva Jesus Corrêa, que já foi comandante da 11ª Região Militar e de diretor de Controle de Efetivos e Movimentações do Exército.

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo