Governo à ONU: Lula engana ao tratar Moro como parcial - Mais Notícias - Notícias
Mais Notícias : Governo à ONU: Lula engana ao tratar Moro como parcial
Enviado por alexandre em 14/01/2019 10:32:34

Governo à ONU: Lula engana ao tratar Moro como parcial

Postado por Magno Martins

Daniela Lima - Painel – Folha de S.Paulo

O governo brasileiro fez uma defesa enfática da atuação de Sergio Moro e da Lava Jato em documento enviado à ONU contra ação movida pelo ex-presidente Lula no organismo internacional. A peça apresentada ao Comitê de Direitos Humanos afirma que o petista pretende “confundir e enganar” o colegiado ao apontar direcionamento da Justiça e diz que a alegação de perseguição política “é uma afronta às instituições”. O texto sustenta que a acusação de parcialidade de Moro é infundada.

As alegações do Brasil foram enviadas à ONU em novembro de 2018. No dia 1º daquele mês, Moro anunciou que aceitaria o convite de Jair Bolsonaro para comandar o Ministério da Justiça. Lula recorreu à entidade dizendo ser vítima de um processo parcial e injusto.

O ex-presidente diz que seus direitos constitucionais, como liberdade de expressão e de exercício político, estão sendo infringidos. O governo brasileiro refuta. Afirma que o petista “falta com a seriedade” ao alegar perseguição e lembra que a Lava Jato atingiu “pessoas de diferentes espectros partidários”, citando Aécio Neves (PSDB) e Sérgio Cabral (MDB) como exemplos.

Na peça apresentada à ONU, o Brasil reconhece a jurisdição do comitê e reafirma o seu “comprometimento com o Sistema das Nações Unidas”. Mas eventual decisão favorável à Lula não deve ser acatada pelo governo Bolsonaro, avaliam aliados do petista. O caso deve ser julgado em março.

Homem forte de Bolsonaro apoia Renan para a reeleição



Aliados do senador Renan Calheiros (MDB-AL) começaram a receber indicações, ainda discretas, de que o emedebista tem o apoio do ministro da Economia, Paulo Guedes, na disputa pela presidência do Senado.

Os recados de Guedes são os de que o governo precisa de alguém com força o suficiente para fazer a reforma da Previdênciapassar no Senado.

Senadores Renan Calheiros e Vital do Rêgo na Comissão de Constituição, Justica e Cidadania do Senado durante sabatina do magistrado Teori Zavascki, indicado pela Presidência da República para o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal /Andre Borges - 17.out.2012

A equipe que trabalha no texto da reforma passou o fim de semana trancada para conseguir finalizar a proposta que será apresentada a Bolsonaro no dia 21, antes de sua viagem para o Fórum Econômico Mundial, em Davos.

O grupo planeja trabalhar nas eventuais sugestões do presidente durante dez dias e torná-la pública em 31 de janeiro. (Painel - Folha)

O assassinato da Venezuela



O ditador facínora Nicolas Maduro está assassinando a Venezuela, promovendo uma tragédia humanitária e aterrorizando seus compatriotas, protesta o Profeta Adalbertovsky em seu sermão do alto das montanhas da Jaqueira. “Regime falido e degenerado, qual o mistério da sobrevivência de Maduro? A corrupção interna e o apoio logístico do novo czar da Rússia, Vladimir Putin. A Venezuela é a Síria da América Latina, cujos ditadores exterminam seus compatriotas com apoio do sucessor de Stalin.

“A PDVSA funciona como uma refinaria de corrupção e drogas. Militares corruptos se amamentam nas glândulas mamárias do óleo de pedra. Os tiranos Chavez e Maduro corromperam as Forças Armadas em troca do apoio à ditadura. A seita vermelha do PT apoiava e financiava a ditadura de Chavez/Maduro. Petrodólares são drogas mais alucinógenas que o LSD e cocaína.

“A Rússia injeta bilhões de dólares na economia falida da Venezuela. Como oferta de gratidão, Maduro irá entregar a ilha de Orchila, a 200 quilômetros de Caracas, para a Rússia instalar base de lançamento de mísseis atômicos intercontinentais. As ogivas poderão atingir a caixa dos peitos de McDonald Trump via o Oceano não Pacífico.

“Os senhores das guerras construíram muros transatlânticos não pacíficos entre os oceanos azuis, vermelhos e amarelos dos Estados Unidos, da Rússia e do Império Chinês. Os meninos e as meninas vestem azul da cor de oxigênio, encarnado da cor de brasa e amarelo baunilha. Com a a vitória do Capitão Marvel e seus generais, o Brazil saiu da órbita dos imperialistas vermelhos e ingressou no campo de gravidade dos EUA.” O sermão do Profeta Adalbertovsky está publicado no Menu Opinião. Metam os peitos!

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo