PAPO - Educação - Notícias
Educação : PAPO
Enviado por alexandre em 21/05/2012 15:27:37



Salário de professor será de R$ 3 mil até 2014, diz secretário de Educação

O secretário estadual de Educação (Seduc), Júlio Olívar, foi o entrevistado desta segunda-feira (22), do programa A Voz do Povo, da rádio cultura FM 107,9, apresentado pelo jornalista e advogado Arimar Souza de Sá. O programa é retransmitido pela rádio Antena FM 98,3, de Alvorada do Oeste.

Olívar começou a entrevista falando sobre os desafios e problemas. "O volume de problemas é muito grande, com mais de 20 mil servidores, com muita capilaridade em 416 escolas, com 50 delas não tinham refeitórios, quando assumimos", disse.

Ele reconheceu que os servidores da pasta tem baixos salários, apesar do R$ 611 milhões gastos com folha de pagamento, que segundo ele inviabiliza mais investimentos. "Sabemos dos baixos salários, mas o atual Governo já concedeu reajuste de 14,5%, o auxilio saúde aumentou de R$ 75,00 para R$ 150,00, aumentamos as gratificações e a nossa meta é de que o professor não vai ganhar menos de R$ 3 mil por mês, até o final de 2014", afirmou.

Ele disse que o grande desafio é diminuir a evasão escolar e a repetência. "Esse o grande desafio. Para isso, temos que melhorar as condições de nossas escolas, com melhores espaços para a prática desportiva, melhor estrutura e outras melhorias. A merenda escolar e atividades esportivas são fundamentais para manter os alunos na escola", declarou.

O secretário anunciou que todas as escolas estaduais serão climatizadas. "Vamos licitar e adquirir ar condicionado, para assegurar a climatização das salas de aula, garantindo mais conforto aos alunos e professores. Promover melhorias, com certeza assegura a permanência dos alunos em sala de aula", destacou.

Segundo Olivar, "escolas indígenas é um conto de fadas, um cenário dantesco e que tem professores que precisam levar barracas para ficar acampado, em razão da falta de estrutura".

Em relação à contratação emergencial, o secretário disse que o Governo anterior programou o final do contrato de 2010, para este mês de maio. "Tivemos que esperar todo o processo, para fazer novo processo seletivo. Até o dia 06 de junho, vamos convocar os cerca de 1.590 professores, dentre os mais de 6.000 inscritos", completou.

Sobre os boatos de que a sua recém-empossada secrtária-adjunta Izabel Luz, estaria 'mandando' mais do que ele na Seduc, ele desconversou. "Ela é uma pessoa idôena, com muita dedicação ao seu trabalho e temos atuado em parceria. Eu faço o trabalho mais político e ela é uma técnica dedicada", afirmou.

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo