Painel Político - Painel Político por Alan Alex - Notícias
« 1 2 (3) 4 5 6 ... 168 »
Painel Político : Painel Político por Alan Alex
Enviado por alexandre em 15/09/2016 00:44:17

Candidata postou foto em seu perfil no Facebook e depois apagou; corporação apura ocorrido

Deu ruim

Lula levou um golpe pesado do Ministério Público Federal em Curitiba nesta quarta-feira, quando foi apontado como o “comandante máximo” do maior esquema de corrupção do país. A partir de agora, tudo pode acontecer.

Calote

Tem coisas que só a política brasileira produz. O dono de um antigo inferninho na zona leste de Porto Velho começou a ganhar dinheiro e comprou a antiga Hype, rebatizou de “Sardinhas” e lançou-se candidato à vereador. O problema é que ele teria pago a um dos sócios, o empresário Guilherme Erse com vários cheques sem fundos. Há meses Erse tentava receber, mas não tinha sucesso. Mas, ele teve uma ideia que deu certo. Impetrou um pedido de bloqueio de recursos da conta de campanha do candidato Geilson Duarte da Costa, mais conhecido como “Sardinha”. O juiz acatou e o sardinha está enlatado.

Qualquer recurso

Que cair na conta será bloqueado até o valor do débito, algo em torno de R$ 300 mil. Então, pela lógica, se o sardinha fizer algum pagamento, poderá ser enquadrado como uso de caixa 2. Era melhor ter pago a conta.

Deu B.O.

A candidata Ada Dantas, esposa do deputado estadual Jesuíno Boabaid que está disputando uma cadeira na Câmara de Vereadores de Porto Velho conseguiu arrumar uma tremenda dor de cabeça para a equipe do conhecido “Sargento Gusmão”, uma guarnição da PM que sempre aparece em programas policiais. Ela tirou uma foto com os policiais fardados, armados e de serviço, sendo que um deles segurava um cartaz da candidata. O caso foi revelado AQUI. Com a repercussão, o Comando Geral andou apertando a turma.

Oficial

“A Polícia Militar informou através do Cecoms – Centro de Comunicação Social – que existe orientações aos policiais militares quanto as condutas antijurídicas pertinentes a legislação eleitoral e fatos contrários serão apurados junto a Corregedoria Geral“. Traduzindo o B.O, “os policiais foram chamados na corregedoria para explicar a foto”.

Pior que o soneto

Após a repercussão, Ada Dantas gravou um video onde tentava justificar seu erro com outro. Ela disse que um coronel da PM havia feito o mesmo, com outro candidato “mas ela não falou nada porque faz uma campanha limpa”. Pois é, pecou por omissão. Deveria ter denunciado. O mais grave dessa história é que Ada e uma turma de seguidores, resolveu atacar membros da imprensa como se a culpa não fosse dela. Candidata, aprenda uma coisa, os políticos de sucesso são bem sucedidos porque eles sabem acatar as críticas, negativas ou positivas. #ficadica

Cagado

Uma das piores coisas que pode acontecer com um político é ele ser apelidado pejorativamente. Pior ainda quando ele próprio colabora para que isso aconteça. E aconteceu com o deputado federal Lúcio Mosquini, que gravou o famigerado apoio ao candidato “Cagado”. O vídeo viralizou e nos corredores do Congresso, quando alguém pergunta “onde fica o gabinete do deputado Lúcio Mosquini?”, a resposta é automática, ö gabinete do cagado?”. Desculpem o trocadilho, mas ˜que cagada” foi essa…Se você ainda não viu, confere ai embaixo:

Clínica Mais Saúde informa – Comer uma maçã por dia diminui risco de morte em 35%

Existe um ditado inglês que diz: “uma maçã por dia e você mantém o médico longe” (an apple a day keeps the doctor away). E, ao que tudo indica, os ingleses estão certos. Um estudo realizado pela University of Western Australia conclui que comer uma maçã por dia diminui o risco de morrer cedo em até 35%. Os pesquisadores apontam que o ideal, segundo o site Catraca Livre, é consumir 100 g da fruta todos os dias para aumentar a expectativa de vida. O estudo foi realizado com 1456 pessoas com idades entre 70 e 85 anos.

Painel Político : Painel Político por Alan Alex
Enviado por alexandre em 24/08/2016 20:26:16

Senador corre risco de ser expulso do PDT e e ver o projeto de governo em 2018 escapar de suas mãos

Demagogia

O deputado federal Marcos Rogério (DEM) é daqueles que gosta de “causar” para estar em evidência. Quando o juiz federal Sérgio Moro esteve no Congresso defendendo as 10 medidas contra a corrupção, Rogério se inscreveu para falar e aproveitou os holofotes para tecer elogios melosos ao magistrado. Mas agora ele se superou. Está brincando com coisa muito séria, que é o sistema penal brasileiro. Um projeto de sua autoria pretende manter celas separadas para presos com idade entre 18 e 21 anos nas penitenciárias. Qualquer neófito sabe que atualmente o sistema penal não precisa de “separação”, precisa de uma reforma profunda e séria, mas isso o deputado não quer mexer.

Evidente

Que tal proposta dita “humanitária” teria apoio do PT, e tem. A questão prisional no Brasil não pode ser tratada de forma leviana e demagoga. Tem que se fazer uma reforma profunda. As unidades prisionais são antros, decadentes, caindo aos pedaços e comandado por bandidos. O Estado é apenas um coadjuvante no processo. Paga comida, os agentes e só, quem manda mesmo são as facções criminosas e as entidades que atuam no sistema. Jovem com idade entre 18 e 21 deveria ser obrigado a prestar serviços pesados e dependendo da natureza do crime, pagar como qualquer outro apenado. A proposta deve ser aprovada e vai criar mais uma despesa para os Estados e problemas para os diretores de presídios.

Melhor seria deputado

O senhor conseguir recursos para programas que incentivem práticas esportivas nas periferias, fazer valer a legislação vigente no que diz respeito à internação de menores nas unidades atuais que são um estágio para os presídios. O clima e as condições, na maioria das vezes, são exatamente os mesmos.

Aliás

Falando em segurança pública, governador Confúcio Moura, o que falta para a SEJUS implantar bloqueadores de celular nos presídios de Rondônia e a PM entrar com força, revistando celas pelo menos três vezes na semana? Até quando o Estado vai permitir a bandalheira por parte dos presos, que hoje em dia mandam e desmandam no sistema em Rondônia? A maioria dos assaltos que ocorrem atualmente em Porto Velho são de egressos do sistema prisional. Bota a PM no presídio para acabar com a folga. Aproveita e exonera logo o Marcos Rocha e o Marcus Amaral.

E o impeachment?

Quando se fala no assunto a gente lembra de Acir Gurgacz. O senador continua na mesma “lenga-lenga” sobre o voto a favor ou contra o impeachment de Dilma Rousseff. Não, a história não terminou e existe a possibilidade, ainda que remota dela voltar ao cargo. Para Gurgacz a situação fica complicada. O PDT vem protelando a decisão em relação aos senadores, a legenda havia decidido expulsar quem votasse contra Dilma. Gurgacz votou. Lasier Martins também. Mas o PDT não fez nada.

Como está

De acordo com levantamento feito pelo jornal O Globo, atualmente o presidente interino Michel Temer tem 51 votos (são necessários 54). 19 são declaradamente contra e 7 “não opinaram”, entre eles está Acir Gurgacz. O processo começa nesta quinta-feira, 25 e deve se estender até o dia 31. Portanto a possibilidade existe, é remota, mas está ai.

Em Rondônia

Gurgacz sofreu forte pressão durante o processo de afastamento da presidente. Para complicar ainda mais a situação, na mesma época a Justiça Federal colocou sua casa em Ji-Paraná à penhora e veio à tona a dívida milionária da Eucatur, empresa de sua família. Para fechar com chave de ouro, a população fez um buzinaço na frente de sua residência.

De olho em 2018

Mas o voto de Gurgacz contra Dilma não aconteceu devido apenas a pressão. Ele já anunciou que é candidato ao governo em 2018 e é ai que a situação com o PDT fica complicada. Gurgacz organizou ao longo de quase duas décadas o partido no Estado. Hoje o PDT está em todos os municípios e alguns distritos e por mais que a grande maioria dos filiados só conheça o senador por foto (ele é quase uma entidade), essa estrutura não pode ser ignorada. Se ele perder o partido, terá pouco tempo para trabalhar uma nova legenda, estruturar e organizar.

Portanto

Ele vai ter que pesar bem essa situação. É mais ou menos como a história do peixe, que quando pula da frigideira, cai na fogueira. O PDT segue firme e forte ao lado de Dilma, inclusive participando de eventos públicos. E Gurgacz foi praticamente riscado do material do partido. Resta saber o que vai acontecer caso ele seja expulso, os pedetistas de Rondônia vão seguir com ele, ou vão cantar “vai com Deus”? Também é preciso ficar atento para saber quem assume a legenda no estado, caso ele seja expulso.

Clínica Mais Saúde informa – 25 g de açúcar: é o máximo que as crianças devem consumir por dia

A Associação Americana do Coração (AHA, na sigla em inglês) lançou pela primeira vez uma recomendação sobre consumo de açúcar por crianças e adolescentes. De acordo com a nova diretriz, publicada no periódico científico Circulation, crianças e adolescentes de 2 e 18 anos devem ingerir, no máximo, 25 gramas (100 calorias) de açúcar adicionado por dia, o que equivale a seis colheres de chá. Bebês com menos de dois anos não devem consumir nenhum açúcar adicionado. O açúcar adicionado é qualquer ingrediente adoçante que contém calorias, como açúcar, xarope de milho, frutose, mel ou melaço, adicionado aos alimentos durante o processamento industrial ou preparo. O limite estabelecido pela associação se refere apenas ao açúcar adicionado e não ao natural, encontrado em alimentos como frutas, sucos integrais ou leite, e equivale aproximadamente a um pedaço de bolo de fubá, 240 ml de refrigerante ou 40 gramas de chocolate ao leite.

Painel Político : Painel Político por Alan Alex
Enviado por alexandre em 20/08/2016 01:08:33

PTB é o partido que mais terá problemas, caso sejam deferidos os pedidos feitos por Héverton Aguiar e equipe; veja ainda quais os motivos que levaram ao pedido de impugnação de Roberto Sobrinho

Inelegível

O Promotor Eleitoral Héverton Aguiar, protocolou nesta sexta-feira pedido de impugnação da candidatura do ex-prefeito Roberto Sobrinho (PT), que quer voltar ao cargo. Como argumento, Aguiar alegou “causa de inelegibilidade infraconstitucional”. O MP constatou que Roberto teve suspenso seus direitos politicos pela prática de improbidade administrativa em dois processos distintos, o primeiro por 3 anos e o segundo por 6. Também não apresentou a certidão da justiça eleitoral de 2º grau, conforme exige à lei. Além disso, ele tem duas condenações na 1ª Vara da Fazenda Pública, confirmadas pelo Tribunal de Justiça. Em amabas ele recorreu, mas continua inelegível. Roberto apresentou documentos que atestam apenas a movimentação processual e, segundo o Ministério Público, “agiu com o intuito de induzir ao erro àqueles que as vissem, caracterizando manifesta má-fé”.

Atualmente

Héverton Aguiar, que fez história como Procurador Geral de Justiça no Ministério Público do Estado, é responsável pelas ações de impugnação de candidaturas, inelegibilidade, prestação de contas e diplomação. Junto com ele atuam três promotores na área de propaganda eleitoral e outro na alimentação e transporte. E a equipe está afiada, até hoje (19), já foram protocolados 29 pedidos de impugnação de registros de candidatura. O último foi agora à tarde, trata-se de Marlon Douglas Arndt, do PSDC que não apresentou a quitação eleitoral.



Listão

Confira os pedidos de impugnação que já foram protocolados pelo Ministério Público Eleitoral: Por ausência de filiação e falta de assinatura no registro, Yure Barreiro Zanata (PDT) e Leonardo Pereira Leocádio (Rede); Por ausência de filiação foram Edneudo Castro Merêncio (PV); Eyder Brasil do Carmo (PSDB); Maria Francisca Brito (PSDB), Solange da Silva Gomes (PHS); Por improbidade administrativa, Roberto Eduardo Sobrinho (PT); por ausência de quitação eleitoral foram Emerson Alexandre Rodrigues (PMN), João Clemente de Araujo Melo (PMN), Jonas Ramos Cipriano (PMN), Leidervan Marcelo Martins Pereira (PSDB) e Everson Castro Cavalcante (PSDB). Por rejeição de contas foram Amado Rahhal (Abrace Porto Velho, vice de Léo Moraes), Francisco da Silva Filho (PDT); Pedidos feitos por filiação em prazo inferior ao mínimo previsto no estatuto foram Francisco Gomes Rodrigues de Lima (PPL), Artur Pereira Maldonado (PPL), Cleiton Soares Passos (PPL), Carlos Sebastião Dias Caldeiras (PTB), Ednei Lima Pinheiro (PTB), Glaucioneide Rodrigues Leão (PTB), Jorgete Teresinha Prata de Souza Lima Bilio (PTB), Noeli de França Cardoso (PTB) e Maria Aparecida da Silva Prestes (PTB). Também foram pedidas as impugnações de Rogério Costa Lima (PTB) por ausência de filiação/partido diverso. Leidervan Marcelo Martins Alves (PSDB), Maria Ricardina de Jesus Ferreira (PV), Ozeias Luiz Neves (PSDB), Miriam Rabelo Santos (PMN), todos por ausência de quitação eleitoral.



Pela lista

Dá para perceber que o PTB é o partido mais prejudicado com os pedidos de impugnação. Se forem acatados, a legenda terá dificuldades com sua nominata para vereador. O PTB sofre ainda com o pedido contra Amado Rahhal. Bem provável que não passem todas as impugnações, mas as que forem deferidas vão causar baixas.

Como havíamos previsto

Em coluna anterior, o promotor Héverton Aguiar não está para brincadeiras e deve conduzir o processo eleitoral com a mesma competência e dureza que adotou quando foi Procurador Geral de Justiça. Pena que ele não participou do processo em 2014, as coisas poderiam ter sido diferentes.

Crise geral

A Polícia Civil passa por uma das piores crises de sua história, e olha que as coisas já andaram bem feias no passado. Mas dessa vez a coisa chegou a um ponto de insatisfação que até mesmo os aposentados estão indignados com o abandono. Delegacias estão fechadas, policiais e delegados completamente desmotivados simplesmente “cumprem tabela” nas unidades de segurança.



A responsabilidade

De toda essa confusão é do secretário Antônio Reis que perdeu o comando, assim como o diretor geral de polícia. Eles não são obedecidos e estão sendo criticados abertamente. A última medida foi a exoneração do delegado regional de Ariquemes, Ricardo Rodrigues. O pior é que ninguém quer assumir o posto. Enquanto isso, a bandidagem vai tomando conta.

Clinica Mais Saúde informa – Consumir abacate pode prevenir câncer bucal

Pesquisadores da Universidade do Estado de Ohio (OSU), Estados Unidos, observaram que nutrientes retirados do abacate podem atacar algumas células de câncer bucal e evitar que outras células pré-cancerosas se desenvolvam em verdadeiros cânceres de boca. De acordo com os pesquisadores, pesquisas anteriores encontraram uma associação entre o consumo de frutas e vegetais e o risco reduzido de vários tipos de câncer. Esse efeito é atribuído aos altos níveis de fitonutrientes e fitoquímicos encontrados nas frutas e vegetais de cores escuras. Concentrados no “Avocado de Hass” — a variedade mais prontamente disponível de abacate — os pesquisadores da OSU constataram que os fitoquímicos extraídos da fruta de casca rugosa podem ter como alvo múltiplas trajetórias sinalizadoras e aumentar a quantidade de oxigênio reativo dentro das células bucais pré-cancerosas, levando à morte celular. Entretanto, os mesmos químicos não têm o mesmo efeito negativo nas células normais e saudáveis. Além de seus possíveis efeitos na prevenção do câncer bucal, o abacate é rico em outros fitonutrientes benéficos e antioxidantes que incluem vitamina C, folatos, vitamina E, fibras e gorduras insaturadas.

Painel Político : Painel Político por Alan Alex
Enviado por alexandre em 18/08/2016 19:41:37

Deputado também nomeou esposa na Ouvidoria da Casa e filhos da Chefe de Gabinete

A turma abusa

Lazinho da Fetagro, deputado eleito pelos chamados “movimentos sociais” ligados ao campo já torrou quase R$ 12 mil em churrascaria apenas nos primeiros seis meses de 2016, o que dá uma média de R$ 2 mil por mês. O deputado já comeu uns três bois nessa brincadeira. Interessante também que ele já pagou R$ 40 mil a um escritório de advocacia (R$ 10 mil mês) com verba indenizatória, o que é proibido. Para tratar de questões legislativas existe a Procuradoria da Casa. Na listagem de gastos não consta a motivação desse pagamento.

Graves acusações

E com as campanhas eleitorais, começam a aparecer os “rolos” de alguns candidatos, entre eles Ribamar Araújo (PR) que teria nomeado em seu gabinete um peão de sua fazenda, além da própria esposa na Ouvidoria da Casa (ela teria saído agora em função do período eleitoral, mas nomeou o filho). Mas, pela denúncia que circula, ainda tem mais, a chefe de gabinete do deputado nomeou a filha e o filho, todos recebendo salários em torno de R$ 8 mil.

As nomeações

Constam todas em Diário Oficial e é um problema para Ribamar Araújo, que sempre passou à margem de denúncias dessa natureza. O deputado é candidato à prefeito e vai ter que dar muitas explicações sobre isso. O mais grave, além do nepotismo, é o caso do funcionário de sua fazenda, que recebe pela Casa para cuidar de boi no pasto. Como diria o ex-presidente da Assembleia Hermínio Coelho, “esse povo não se exempla”.

A esposa de Ribamar

Foi candidata em Candeias do Jamary e ocupa cargos na estrutura da Assembleia desde 2012. Ribamar é deputado desde 2007, quando assumiu após ter sido eleito no ano anterior.

Na mira

Um ex-secretário municipal da gestão Roberto Sobrinho está sendo investigado por algumas lambanças feitas com recursos das compensações das usinas. Para quem não sabe ou não lembra, foi uma verdadeira festa naquela época. A palhaçada foi tão grande que a prefeitura chegou a lançar um programa de arborização da cidade, plantou mudas em locais que seriam destruídos em seguida, como o Trevo do Roque (para construção dos viadutos) e na Avenida Lauro Sodré (uma das áreas mais arborizadas da cidade desde sempre). No Espaço Alternativo a prefeitura também plantou mudas, que foram arrancadas pelo ex-diretor do DER Lúcio Mosquini para as obras do Espaço Alternativo.

Ainda em 2010

Eu tratei do assunto do pagamento de R$ 500 mil para a ONG Raiz Nativa, que ficou responsável pelas mudas. Em 2015 voltamos à falar sobre o assunto também na coluna, e agora, passados pouco mais de 6 anos, os responsáveis pela gracinha entram na mira dos organismos de investigação. O secretário da época foi indicado pelo PMDB, depois que deixou a prefeitura deixou o Estado e, segundo informações ainda não confirmadas, ficou rico com uma empresa de prestação de serviços. Quando tiver mais detalhes, voltamos ao assunto.

No sábado

O ex-secretário de Saúde do Estado e candidato à prefeito Williames Pimentel lança oficialmente sua candidatura à prefeito de Porto Velho. O evento acontece às 8 horas no espaço Ello Eventos e vai contar com a presença do governador Confúcio Moura.

Falando em Confúcio

Ele fez um desabafo em seu blog à respeito do movimento grevista promovido pelo sindicato dos servidores da Saúde. E o governador tem razão em um ponto, o momento não é para greve. Falta bom senso as lideranças sindicais de Rondônia, acostumadas com o “jeito petista” de agir, colocando a faca no pescoço em um ato puramente oportunista. O Brasil atravessa uma grave crise e Rondônia, apesar dos pesares vem conseguindo pagar os salários. Se o governo ceder para a Saúde, vai ter que ceder para segurança, educação e todas as categorias que querem melhorias salariais. A matemática é bem simples, e a pergunta a ser feita é básica, é melhor receber pouco, mas dentro do mês ou muito com atrasos?

Inabilidade

Os proprietários do Porto Velho Shopping estão levando o empreendimento ao fracasso pela intransigência e por não entenderem o momento. Dezenas de lojas estão fechadas e grande parte dos lojistas estão querendo sair. O preço do metro quadrado está alto demais e o volume de vendas, baixo. As Americanas, loja âncora abriu uma filial na Carlos Gomes, o que tirou parte do movimento do shopping. Outros seguiram o mesmo caminho. Se a direção não começar a entender o momento atual, vai fechar de vez.

Um dos problemas

Foi que eles chegaram na cidade em uma época de “vacas gordas”. Essa “ressaca pós-usinas” deve ser manter por muito tempo, já que a cidade não tem nenhum investimento à curto e médio prazo, que gere pelo menos a metade do dinheiro que circulou na época. Não vai acontecer milagre. Ou o shopping se adapta ou as operações vão se tornar inviáveis. Já deve estar operando no vermelho há tempos, porque o que não faltam são títulos protestados em cartórios.

Clínica Mais Saúde informa – Estalar os dedos faz bem às articulações

Gosta de estalar os dedos mas sempre ouviu que isso faz mal? Pois pode manter o hábito. Um estudo realizado por especialistas do Centro Médico UC Davis, nos Estados Unidos, mostrou que, na verdade, o hábito considerado irritante por muitas pessoas, pode aumentar a amplitude do movimento na região. Para surpresa dos pesquisadores, que acreditavam que a prática prejudicava as articulações, os resultados mostraram que estalar os dedos não traz nenhum problema. Pelo contrário. O exame mostrou que logo após os dedos terem sido estalados, houve aumento da amplitude do movimento na região, em comparação com aqueles que não estalaram. Mas o que faz com que suas articulações estalem? Na busca por essa resposta, os pesquisadores viram algo surpreendente: no momento em que os dedos foram estalados, houve um “flash” repentino na articulação. Os autores acreditam que isso ocorra porque, quando a articulação é estalada, separa-se duas superfícies, reduzindo a pressão na região. Essa “descompressão” permite que o gás dissolvido no líquido das articulações seja liberado. Neste caso, o flash brilhante seria a bolha de gás se formando.

Painel Político : Com Héverton Aguiar atuando nas eleições, fichas sujas terão problemas
Enviado por alexandre em 17/08/2016 20:50:02

Ex-Procurador Geral de Justiça está atuando como promotor eleitoral e já começou a dar trabalho para quem tem problemas com a justiça

Sem efeito

No Diário Oficial do dia 3 foi publicado decreto tornando sem efeito a autorização de viagem do secretário-chefe da Casa Civil Emerson Castro à Manaus (AM) onde ele supostamente participaria de um evento sobre software livre. Eu disse “supostamente” porque o evento na verdade aconteceu em data diferente e no Rio Grande do Sul. Sem contar que não faz o menor sentido o chefe da Casa Civil participar de um evento técnico de uma área que passa longe da dele, que é hotelaria….Ponto para Confúcio!

Agora vai

O ex-Procurador Geral de Justiça, Héverton Aguiar é promotor eleitoral nas eleições desse ano. Linha dura, ele não aliviou quando era PGJ e esse ano a classe política vai passar por apuros. Aguiar é competente no que faz e já começou “enquadrando” o médico Amado Rahhal, candidato à vice na chapa de Léo Moraes. Na sexta-feira, Aguiar protocolou representação pelo indeferimento do registro, afirmando que Amado foi condenado pelo TCE.

MP eleitoral pede indeferimento do registro de Amado Rahhal

Reação rápida

Léo Moraes e seu grupo, incluindo o próprio Amado, avaliam a possibilidade de trocar o candidato à vice, apenas por um detalhe, para evitar passar a campanha inteira dando explicações. Não que Amado esteja inelegível, apesar do pedido do MPE ele está com toda a papelada em dia. O problema é que esse tipo de situação gera desgaste desnecessário, ficar tentando explicar ao invés de estar na rua pedindo voto. A questão ainda não foi definida.

Enquanto isso

Um verdadeiro “festival” de vendas de férias acontece em Rondônia. Servidores, principalmente do IPERON, estão marcando férias e em seguida “vendendo” 50% antecipadamente para o Estado. Posso estar enganado, mas tinha algo na legislação que impedia essa prática.

Na Assembleia

A OAB de Rondônia se reuniu na terça-feira (16) com o presidente da Assembleia Legislativa para tratar do projeto de lei 455, de 2016 encaminhado pelo Tribunal de Justiça que prevê um aumento nas custas judiciais. Para a OAB, o projeto “dificulta significativamente o acesso dos cidadãos à justiça”. A entidade entregou um parecer apontando “graves prejuízos à prestação jurisidicional aos rondonienses”.

Em parte

A OAB tem razão. As custas processuais já são relativamente altas, principalmente em segunda instância (quando as partes recorrem). Para o Tribunal de Justiça a medida tem duas funções, aumentar a arrecadação e tentar reduzir a demanda. Nesse caso, só recorreria quem de fato precisa, desafogando o juízo de segundo grau.

Outro lado

Porém, de fato fica complicado para os menos favorecidos, sem contar que com menos demandas, menos advogados são contratados. É preciso haver um equilíbrio. Com a procura às faculdades de Direito (é a primeira mais procurada por ser mais acessível que Medicina), advogados tropeçam entre si em cada esquina, daí a necessidade cada vez maior de ações judiciais. A justiça no Brasil está ficando mais cara, mas o poder aquisitivo do brasileiro continua igual.

Os novos valores

Preveem por exemplo, que recursos em ações penais de natureza privada passem a custar R$ 1 mil. Vamos produzir um material mais completo sobre o assunto ainda esta semana.

Até 2028

É quando vale o mandado de prisão que está em aberto contra o ex-deputado estadual Marcos Donadon (PMDB) que continua foragido. O mesmo vale para Ellen Ruth.

Ex-deputados, Ellen Ruth e Marcos Donadon continuam foragidos

Malandragem

Um candidato à vereador em Porto Velho estaria distribuindo camisetas com a frase “eu amo Porto Velho”. Algumas “simpatizantes” postaram fotos com as camisetas em seus perfis no Facebook. O Paulo Andreoli gostou das camisetas e foi atrás de comprar, não conseguiu. Obteve como resposta “vou falar com o Alekis”. Pois é, eleições no Brasil a turma sempre tenta dá um jeitinho…

Bloco na rua

E o candidato Maurício Carvalho, irmão de Mariana Carvalho já colocou a campanha na rua, e à exemplo da irmã, vai gastar sem dó. Mas é bom a justiça eleitoral ficar de olho, viu Héverton Aguiar. O teto de gastos para a campanha de vereador em Porto Velho é de pouco mais de R$ 139 mil. Pelas contas do Rondoniaovivo, ele já “tá quase queimando” o teto. E logo no primeiro dia de campanha.

Tem candidato a vereador gastando mais que candidato à prefeito

Clínica Mais Saúde informa – Spray nasal contra gripe é tão efetivo quanto a vacina

O spray nasal é tão efetivo quanto a vacina tradicional na prevenção da gripe. A conclusão é de um estudo conduzido pela Associação Americana de Médicos publicado recentemente na revista científica Annals of Internal Medicine. Para chegar a essa conclusão, Mark Loeb, da Universidade McMaster, no Canadá, e sua equipe selecionaram 4.611 crianças que viviam em comunidades isoladas de cidades e vilas em Alberta e Saskatchewan, no Canadá. Destas, 1.186 receberam o spray nasal e 3.425 a tradicional. Os resultados mostraram que a proteção direta e comunitária foi semelhante para os dois tipos de vacina. Trata-se, portanto, de um ótima opção para quem tem medo de agulhas. O spray nasal ainda não está disponível no Brasil.

« 1 2 (3) 4 5 6 ... 168 »