Brasil - A AGRICULTURA - Notícias
« 1 (2) 3 4 5 ... 552 »
Brasil : A AGRICULTURA
Enviado por alexandre em 20/05/2020 00:01:16

Em meio à pandemia, um setor está comemorando bons resultados

Em meio à pandemia do novo coronavírus e à forte recessão, um setor está comemorando bons resultados: a agricultura. A renda agrícola deve chegar ao recorde de R$ 595 bilhões em 2020, uma alta de 19% em relação ao ano anterior, conforme projeção da consultoria MB Agro.

Os agricultores brasileiros estão sendo favorecidos pela resiliência da demanda por alimentos e pela valorização expressiva do dólar. Boa parte das produtos agrícolas são exportados ou tem seus preços atrelados à moeda americana. 

As cotações das commodities agrícolas em reais explodiram desde o começo do ano. A alta foi de 23% na soja, 38% no milho, 35% no café e 27% no arroz. Também subiram os preços das carnes – 9% no frango, 25% no suíno e 29% no boi.

As exceções ficam por conta do algodão e do etanol, setores bastante afetados pela pandemia, por causa do fechamento das lojas de vestuário e da redução do consumo de combustíveis. O preço do algodão em reais caiu 4,8% desde o início do ano, enquanto o etanol subiu apenas 2,9%. 

“A agricultura é o único setor da economia brasileira que deve ter desempenho positivo neste ano, amenizando um pouco a forte crise provocada pandemia do novo coronavírus”, diz Sérgio Vale, economista-chefe da MB Associados. 

A consultoria projeta alta de 1,5% do PIB agrícola neste ano, enquanto o PIB do país cairia 7,8%. Na média, os economistas ouvidos pelo boletim Focus estimam queda de 5,1% no PIB. Para o ministério da Economia, o tombo na atividade econômica será de 4,7% – a maior da história do país.



O governo federal sancionou, com vetos, a lei que cria linha de crédito para auxiliar micro e pequenas empresas durante a crise do novo coronavírus. O texto foi publicado no Diário Oficial da União nesta terça-feira (19).

Eis a íntegra da lei.

O valor dos empréstimos será de até 30% da receita bruta anual da empresa em 2019. O montante máximo do benefício é de R$ 108 mil para microempresas e de R$ 1,4 milhão para pequenas empresas.

Bolsonaro vetou a carência de oito meses para o pagamento do empréstimo. De acordo com o presidente, o período sugerido pelo Congresso Nacional geraria um “risco à própria política pública, ante a incapacidade de os bancos públicos executarem o programa com as condições apresentadas pelo projeto”.

Com a sanção, a lei entra em vigor imediatamente e os vetos do presidente serão analisados pelo Congresso Nacional.

A lei também cria o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe), que concede crédito mais acessível às microempresas com faturamento bruto anual de até R$ 360 mil, e empresas de pequeno porte, cujo faturamento anual é de até R$ 4,8 milhões.

Brasil : ÓLEO DE COCO
Enviado por alexandre em 19/05/2020 23:57:19

Os benefícios e como usar corretamente

Oóleo de coco tem se tornado um dos produtos mais populares quando se fala em saúde do organismo, da pele e dos cabelos. Receitas sugerem que ele seja aplicado no rosto, outras pedem que ele seja espalhado nos fios do cabelo. Há também quem acredite que ele é a melhor opção na hora de preparar um alimento que precisa de óleo para ser finalizado.

 

Como o próprio nome sugere, o óleo de coco é um óleo vegetal produzido a partir da polpa do coco. Dessa forma, pode ser usado em cosméticos ou em pratos culinários.

 

Esses são, de fato, os usos mais disseminados do óleo da fruta paradisíaca. Mas quais são as funções do produto nessas duas utilidades? Confira!

 

Veja também

 

O que você não deve deixar de comer na quarentena? Tem até chocolate na lista

 

Confira 7 motivos benéficos de comer abacaxi todos os dias

Benefícios do óleo de coco na culinária

 

Imagem do óleo de coco em um vidro médio. Ao lado dele um coco inteiro e outro cortado ao meio e algumas castanhas espalhadas.

 

O uso do óleo de coco na culinária se destaca por ser uma alternativa aos outros tipos de óleo, tanto vegetais quanto animais. Entenda quais benefícios ele pode trazer a partir da sua alimentação.

 

1) Fortalecimento do organismo


A estrutura do óleo de coco apresenta os seguintes componentes: triglicerídeos (que se transformam em monolaurina no estômago) e vitaminas lipossolúveis (que se dissolvem em gordura). A monolaurina age como antibacteriano, antifúngico e antiviral, melhorando a imunidade do organismo. Ao mesmo tempo, as vitaminas lipossolúveis favorecem os índices de HDL (colesterol bom) e reduzem os índices de LDL (colesterol ruim).

 

2) Diversidade de combinações


Uma vantagem do óleo de coco é que ele combina com alimentos quentes, frios, salgados e doces. Ao mesmo tempo em que ele pode ser utilizado em saladas e verduras, também é uma opção na hora de refogar alimentos ou cozinhar arroz e proteínas, por exemplo. Além disso, pode ser utilizado para incrementar saladas de fruta, vitaminas e bebidas, sem exagerar.

 

3) Substituição de outros óleos


Os óleos vegetais e animais convencionais, quando aquecidos, oxidam e perdem parte de suas qualidades nutricionais. Como o óleo de coco apresenta triglicerídeos de cadeia média, as altas temperaturas não comprometem a estrutura química do produto e mantêm as propriedades benéficas ao organismo. Assim, ele pode ser utilizado até mesmo para grelhar alimentos, sem perder nutrientes.

 

Bolilnhas naturais feitas com óleo de coco e outros ingredientes como castanhas, frutas e noves,  para repor as energias.

 

4) Funcionamento do metabolismo


Como o óleo de coco é composto de vitaminas lipossolúveis, ele é facilmente absorvido pelo organismo, a partir de lipídeos, e transformado em energia para desempenhar inúmeras atividades. Sem se acumular no corpo, o óleo de coco é capaz de melhorar o funcionamento do metabolismo, acelerando-o. Para quem pratica exercícios físicos rotineiramente, será um auxílio energético essencial.

 

5) Sensação de saciedade


A absorção do óleo de coco pelo organismo traz mais benefícios além da redução do colesterol ruim e da garantia de bom funcionamento do sistema. Outra vantagem desse produto é que ele estimula a liberação de dois hormônios que promovem a sensação de saciedade, o peptídeo inibitório intestinal e a colecistoquinina. Dessa forma, é mais provável que você comerá somente o suficiente para seu corpo, sem exagerar.

 

Imagem de vários tipos de cosméticos feitos à base do óleo de coco. Ao lado uma revista com a imagem dos cosméticos e um texto explicativo para cada um deles.

 

 

Benefícios do óleo de coco nos cosméticos


Outro uso comum do óleo de coco é na produção de cosméticos. Nos cabelos e na pele esse produto tem sido muito usado, mas como será que ele age? Descubra agora!

 

1) Presença de ácidos graxos


O óleo de coco concentra 90% dos ácidos graxos encontrados na fruta. Esses componentes são responsáveis por combater o envelhecimento precoce, aumentar a elasticidade da pele e combater micro-organismos que possam comprometer a saúde da pele. Tanto no rosto quanto no corpo, o óleo de coco pode promover uma sensação de rejuvenescimento.

 

2) Combate às inflamações


A ação anti-inflamatória do óleo de coco é bastante disseminada. Ele pode ser utilizado na hora de acalmar pequenas inflamações e vermelhidões na pele, mas não deve ser aplicado em grande quantidade. Ainda não há estudos suficientes para provar que a ação anti-inflamatória é eficiente em todos os casos de inflamação. Cuidado!

 

Creme para a hidratação feito à base de óleo de coco. O creme está em um pote de vidro disposto sobre uma mesa de madeira cinza. Ao lado do pote pétalas de rosas rosa.

 

3) Hidratação


O potencial de hidratação do óleo de coco se faz presente na pele do rosto, na pele do corpo e nos cabelos. A aplicação do óleo, mesmo que esteja misturado com outros ingredientes, é uma forma eficaz de deixar o local da aplicação mais macio e livre de possíveis ressecamentos. No entanto, se o seu caso for mais grave, é melhor consultar um(a) dermatologista.

 

4) Ação esfoliante


Quando uma pessoa decide fazer uma limpeza de pele profunda, a cada dois meses, por exemplo, ela deve optar por produtos que não irão agredir a pele no momento de fazer a esfoliação. Para reduzir as células mortas sem causar microlesões na pele, é recomendado o uso de óleo de coco unido a um produto arenoso, como farinha de amêndoas, de arroz ou de aveia.

 

5) Remoção de impurezas


O óleo de coco também pode ser utilizado como um demaquilante, principalmente para as maquiagens que são à prova d’água e só podem ser removidas com produtos oleosos. O ideal é que você espalhe o produto no rosto com um algodão e depois lave com água morna. Repita o processo até que todos os vestígios de maquiagem tenham sido removidos.

 

Imagem de dois potes com óleo de coco. Eles estão sobre uma mesa forrada com uma toalha listrada nas cores azul e branco.

 

Controvérsias sobre o óleo de coco


Embora os benefícios do produto sejam amplamente divulgados, há controvérsias sobre o efeito que o uso constante do óleo de coco pode provocar na pele e na saúde de uma pessoa.

 

Em geral, quando somente os benefícios de um produto passam a ser apresentados, muitos acreditam que não há contraindicações ou cuidados que devam ser tomados para aplicá-lo. Por isso, é preciso ir além e aprender um pouco mais sobre o óleo de coco.

 

Um dos primeiros alertas sobre o uso exacerbado do óleo de coco na alimentação veio em 2016, da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM) e da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica (ABESO). Muitas pessoas utilizam o óleo de coco com a finalidade de emagrecer, o que foi contraindicado pelo comunicado elaborado pelas instituições:

 

“Considerando que não há qualquer evidência nem mecanismo fisiológico de que o óleo de coco leve à perda de peso; considerando que o uso do óleo de coco pode ser deletério para os pacientes devido à sua elevada concentração de ácidos graxos saturados, como ácido láurico e mirístico; a SBEM e a ABESO posicionam-se frontalmente contra a utilização terapêutica do óleo de coco com a finalidade de emagrecimento, considerando tal conduta não ter evidências científicas de eficácia e apresentar potenciais riscos para a Saúde. A SBEM e a ABESO também não recomendam o uso regular de óleo de coco como óleo de cozinha, devido ao seu alto teor de gorduras saturadas e pró-inflamatórias. O uso de óleos vegetais com maior teor de gorduras insaturadas (como soja, oliva, canola e linhaça) com moderação, é preferível para redução de risco cardiovascular.”

 

No ano seguinte, a Associação Brasileira de Nutrologia afirmou que condenava o uso do óleo de coco para prevenção ou tratamento de obesidade e de doenças neurodegenerativas, afirmando que não há evidências clínicas que comprovam a eficácia desse tipo de tratamento.

 

Imagem de uma cesta de arame com pedras de sabão feito de óleo de coco, limões  e três toalhas brancas de banho.

 

A partir disso, entende-se que o óleo de coco deve ser usado com moderação, assim como qualquer outro óleo ou gordura. Ele não será eficiente para promover o emagrecimento, já que essa finalidade só pode ser obtida com acompanhamento médico responsável e verificado periodicamente com exames clínicos.

 

Outro problema apontado no óleo de coco é a presença de gordura saturada em grande quantidade. Embora existam triglicerídeos de cadeia média, como apontado anteriormente, a maior parte da composição do produto é de gordura saturada.

 

De acordo com a Associação Norte-americana de Cardiologia, a gordura saturada no óleo de coco constitui 82% do produto. Alimentos como manteiga, bife bovino e lombo de porco apresentam, respectivamente, 63%, 50% e 39% de gordura saturada em suas composições.

 

Ao mesmo tempo em que o óleo de coco apresenta componentes que são benéficos para o colesterol bom, contém a gordura saturada, que aumenta o colesterol ruim e pode provocar problemas cardíacos, se consumida em excesso.

 

Isso não significa que o consumo de óleo de coco em pequenas quantidades é prejudicial para a saúde. Os benefícios do produto podem ser obtidos se ele for consumido com moderação, em apenas uma refeição, semanalmente. Como qualquer gordura, é preciso ingerir com consciência.

 

Imagem do óleo do coco dentro de um pequeno pote de vidro com uma colher de madeira dentro.

 

Em relação à pele, o óleo de coco também apresenta riscos se for usado de forma inadequada. Embora exista, entre os ácidos graxos, o ácido láurico, responsável por combater uma das bactérias que causa acne (Propionibacterium acnes), na composição do óleo de coco, há um outro fator a ser considerado.

 

Todas as pessoas apresentam poros, que promovem a respiração da pele. Se eles forem fechados ou entupidos, a pele não conseguirá respirar adequadamente, tornando-se incapaz de remover as impurezas. Isso pode acontecer com seus poros se você utilizar produtos com ingredientes comedogênicos.

 

O nível de mal que um produto com ingredientes comedogênicos pode causar é medido por uma escala que vai de zero a cinco. O óleo de coco assume o número quatro nessa medida, sendo altamente comedogênico e um possível potencializador de oleosidade e acne.

 

O aumento da oleosidade também pode ser causado se o óleo de coco for aplicado rotineiramente e durante mais de duas horas nos fios de cabelo. Ele acaba por sufocar os folículos capilares, causando problemas na eliminação de impurezas que se acumulam no couro cabeludo. É preciso usá-lo com cuidado!

 

Antes de aplicar o óleo de coco diretamente na sua pele ou no seu cabelo, por intuição ou porque alguém recomendou que você fizesse isso, tenha consciência de que é preciso consultar um(a) dermatologista primeiro, para entender quais são as condições da sua pele e do seu couro cabeludo.

 

Imagem de um pequeno pote de vidro cheio de óleo de coco para ser usado na culinária.

 

Como utilizar o óleo de coco na culinária


Tendo em vista os benefícios e os malefícios do óleo de coco para a saúde, é possível entender qual é a melhor forma de utilizá-lo na cozinha.

 

A parte mais importante é regular a quantidade de óleo de coco que você irá usar nos seus pratos e nas suas bebidas. Em vez de usar esse produto diariamente, intercale-o com azeite extravirgem ou com óleo de canola, para que ele não seja consumido em grandes quantidades ao longo do dia ou da semana.

 

É contraindicado que você se alimente de óleo de coco puro, consumindo-o com uma colher, porque ele é uma gordura. Por mais que ele provoque uma sensação de saciedade, tenha em mente que você está ingerindo um óleo que pode fazer mal para o seu corpo, mesmo que seja consumido em poucas quantidades em todas as refeições.

 

A melhor forma de utilizar o óleo de coco na cozinha é em pequenas quantidades, em poucos dias, misturado a outros alimentos ou bebidas. Assim, você não cria o hábito de consumi-lo rotineiramente e se protege contra os malefícios que ele pode causar no seu organismo.

 

Imagem de um pote com óelo de coco. Ele está aberto e dentro dele uma colher rosa. Ao lado do pote rosas na cor rosa e um bastão labial.

Fotos: Reprodução

 

Como utilizar o óleo de coco nos cosméticos


Tanto na pele quanto nos cabelos, o óleo de coco é recomendado para os casos em que não há oleosidade. Se a sua pele for seca, ou se o seu cabelo estiver muito ressecado, você poderá usar o óleo de coco da forma como recomendaremos.

 

Se a sua pele for oleosa, ou se o seu cabelo tem tendência a ser oleoso, consulte um(a) dermatologista antes de aplicar o óleo de coco. Do contrário, você poderá piorar a sua situação, levando à formação de acnes e à queda de cabelo.

 

Use um quarto de colher de chá de óleo de coco para fazer uma massagem no seu rosto. Pode parecer pouca quantidade, mas, como se trata de um óleo, ele se espalhará facilmente na sua pele. Depois de dez minutos, remova todo o produto usando um algodão limpo.

 

Se o seu cabelo estiver ressecado, separe cada uma das mechas e umedeça-as com o óleo de coco. Não aplique o produto na raiz, apenas no comprimento, como um condicionador. Massageie cada parte do seu cabelo e, depois de 20 minutos, tome banho. É importante que você remova todos os restos de óleo de coco dos fios.

 

 

Agora que você já sabe tudo sobre óleo de coco, lembre-se sempre de consultar um(a) profissional da saúde antes de começar algum tratamento voluntário para um problema que precisa de acompanhamento médico. Use óleo de coco com cuidado e com moderação! 

 

Astrologinhayna

Brasil : MAPA BRASIL
Enviado por alexandre em 19/05/2020 00:01:17

Brasil continua com 5.568 municípios, aumenta 111 distritos e muda o nome de 6 cidades

Seis municípios brasileiros alteraram seu nome oficial entre março de 2019 e janeiro de 2020, segundo pesquisa divulgada nesta segunda-feira (18), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A mudança mais radical ocorreu com o município de Augusto Severo, no Rio Grande do Norte, que passou a se chamar Campo Grande.

Fortaleza do Tabocão, no Tocantins, passou a ser oficialmente denominada apenas como Tabocão. As outras quatro mudanças envolvem apenas alterações ortográficas: Ererê (CE) passa a ser chamado Ereré; São Thomé das Letras (MG) passa a ser São Tomé das Letras; Xavantes (SP) passa a ser Chavantes, e Dona Eusébia (MG) passa a ser Dona Euzébia.

Segundo o IBGE, desde 1938 já ocorreram 121 alterações de nome de municípios. A última delas havia ocorrido em 2017, quando São Luís do Paraitinga (SP) trocou o S pelo Z e passou a se chamar São Luiz do Paraitinga.

Distritos municipais

O IBGE também atualizou a lista de municípios e seus distritos e subdistritos. Segundo o instituto, o país continua com 5.568 municípios, além do Distrito Federal e de um distrito estadual – Fernando de Noronha, em Pernambuco -, desde 2013.

Mas o número de distritos e subdistritos/regiões administrativas cresceu de 2018 para 2019. No ano passado, foram registrados 111 novos distritos, num total de 10.607 unidades, e três novos subdistritos, num total de 686.



Depois de o Radar revelar na edição de VEJA que está nas bancas que o Tribunal de Contas da União investigava um contrato de 912 milhões de reais do Ministério da Saúde, a pasta informou no fim de semana que não havia chegado a assinar o contrato e irá suspender o processo.

“O Ministério da Saúde informa que os processos de aquisição para o enfrentamento da Covid-19 são analisados pelos órgãos de controle antes da assinatura de contrato, em especial pela escassez de fornecedores e a prática de preços elevados pelo mercado. É o caso da compra de aventais. O contrato de aquisição não foi assinado e a revogação de dispensa de licitação será publicada nesta segunda-feira”, diz o ministério.

Não fosse o TCU solicitar a oitiva do servidor da Saúde envolvido no caso, a compra monumental, sem lastros técnicos nem pesquisa de preços seguiria alegremente. O tribunal constatou que o governo iria comprar 80 milhões de aventais sem sequer ter mapeado quantos profissionais de saúde e quantas unidades médicas do país poderiam receber o material.

As articulações do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para construir sua base política no Congresso com a participação de partidos do Centrão podem ter reflexos na eleição municipal deste ano. Em Pernambuco, por exemplo, legendas que estão negociando apoio a Bolsonaro – e em troca estão ganhando o direito de indicar aliados para ocupar cargos no governo – estão na coligação do governador Paulo Câmara e do prefeito do Recife, Geraldo Julio, ambos do PSB.

Assim como o Republicanos, que indicou o nome para a Secretaria de Mobilidade do Ministério de Desenvolvimento Regional, o Avante, PSD, PP, Solidariedade e o PL estão na mira de Bolsonaro. Já o PSB assumiu uma postura de enfrentamento ao presidente. No final de abril, um grupo de deputados do partido entrou com um pedido de impeachment contra Bolsonaro, onde lista 11 crimes de responsabilidade que, segundo eles, teriam sido praticados pelo chefe da nação.

Além disso, Paulo Câmara e Geraldo Julio têm feito críticas contundentes ao governo federal. Agora, mais acirradas por conta das declarações do presidente em relação à crise provocada pelo novo coronavírus no país. O deputado Silvio Costa Filho, presidente estadual do Republicanos, disse acreditar que a decisão do partido de participar do governo Bolsonaro não vai influenciar em uma possível aliança com o PSB para apoiar o pré-candidato socialista João Campos.

“O presidente nacional do meu partido (Marcos Pereira) me deu autonomia para buscar o melhor caminho no estado. Além disso, no âmbito nacional temos adotado uma postura de independência e votado por uma agenda para o Brasil. Então, vamos continuar trabalhando para fortalecer a sigla em Pernambuco. O nacional não vai interferir”, garantiu. Continue lendo

Brasil : PROPAGANDA
Enviado por alexandre em 18/05/2020 15:03:00

6 anúncios engraçados de supermercados que não fazem o menor sentido

Muitas vezes, empresas acabam cometendo erros de português que mudam completamente o sentido de uma promoção.
Às vezes, nem faz tanta diferença. Mas, em alguns casos, a mudança em uma letra ou palavra provoca um sentido totalmente diferente do desejado.

 

Veja abaixo 15 anúncios que deram muito errado e fugiram de suas propostas iniciais, matando de rir os clientes que passavam pelos supermercados.

 

As situações são realmente hilárias e, provavelmente, você também já deve ter passado por alguma situação semelhante. Algumas imagens que verá beiram ao inacreditável. Prepare-se para rir muito!

 

Veja também

SÓ VENDO PARA CRER! Conheça 5 das lojas mais bizarras do mundo

Homem destrói Ferrari de R$1,6 milhão do patrão após ser demitido e é punido duramente

 

1 – Quê???

 

Foto: Reprodução


Ele estava falando de inverno ou do verão do Rio de Janeiro?


Fato é que a imagem foi compartilhada nas redes sociais várias vezes e arrancou muitas risadas dos internautas. Já viu algo assim?

 

2 – Leve 1, pague 1; leve 3, pague 6

 

Foto: Reprodução


Neste anúncio, talvez seja melhor passar no caixa três vezes ao invés de uma, já que levando 1 bombom de cada vez se paga mais barato que levando 3 de uma só vez. Alguém não soube fazer as contas para planejar a promoção.

 

3– Óbviamente

 

Foto: Reprodução


25% de desconto em todas as aves, exceto coelho. Difícil de acreditar que alguém confunda coelho com aves, até porque coelhos não tem penas e nem asas, além de serem mamíferos. Mas, incrivelmente, aqui fizeram questão de destacar essa diferença, pelo menos no preço.

 

4 –Imperdível…

 

Foto: Reprodução


Seria esse mais um produto das “Organizações Tabajara” ou algum cruzamento bizarro de algum cientista maluco? O mais interessante seria ver o animal com os próprios olhos, não acha? Até que, como a cabeça do bacalhau ou o chester, esse animal seja revelado, use a imaginação.

 

5 – Estressadinha

 

Foto: Reprodução


Essa flor anda muito estressadinha, precisa de um calmante para relaxar. Que tal regá-la com um um chá de camomila? Escrever seu nome certo, talvez também ajude-a a se desestressar.

 

6 – 2 em 1

 

Foto: Reprodução

 


Um novo produto, revolucionário, chegou a este supermercado. Resta saber se é um ‘creme dental anticaspas’ ou um ‘shampoo anticáries’. Já conhecia algum dos exemplos? Conhece algum que não colocamos? Comente! 

 

1News

Brasil : ANJOS DA GUARDA
Enviado por alexandre em 15/05/2020 14:47:49

Profissionais de enfermagem se tornam símbolo da humanização

Comemora-se nesta semana o Dia Mundial da Enfermagem. E quem é da área da saúde sabe a importância de reconhecer esses profissionais, em que o zelo e a dedicação diários são fundamentais. Segundo o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), no Brasil, existem mais de 500 mil enfermeiros, além de técnicos e auxiliares de enfermagem, que totalizam mais de 2 milhões de profissionais no país.

 

Estão na profissão aqueles que se doam sem pensar a quem; por isso, enfermeiros são símbolos de amor, de respeito ao próximo, de empatia e, principalmente, de humanização. São prestadores de cuidados essenciais, que tratam muito além da saúde física, responsáveis também pela saúde mental, social e até espiritual das pessoas.

 

De acordo com a enfermeira obstetra da Care Plus, Juliane Gama, de 36 anos e há 13 na profissão, a escolha pela enfermagem se baseou essencialmente na capacidade de cuidar de pessoas, e este tem sido um momento único em sua carreira.

 

 

Benefício Emergencial já garantiu manutenção de mais de 7 milhões de empregos

 

“Vivemos um período de muita resiliência, em que aprendemos a trabalhar e a nos relacionar de uma nova maneira. Aprendo mais a cada dia, e, inclusive, a trabalhar com atendimento on-line. Emocionalmente, é difícil lidar com consultas virtuais, ao contrário do que muitos pensam, mas profissionalmente falando, é extremamente gratificante”, revela.

 

Com mais de 28 anos de histórias como essas, a Care Plus, operadora de saúde premium, atualmente conta com mais de 20 profissionais de enfermagem dedicados aos seus beneficiários, em diversos programas e especialidades, seja para cuidar das gestantes, dos pacientes com doenças crônicas ou até mesmo analisar processos regulatórios.

 

Diante do cenário atual, a companhia tem readequado os seus programas para cuidar ainda melhor da saúde e bem-estar de todos os seus beneficiários e, em homenagem ao Dia Mundial da Enfermagem, produziu um vídeo com depoimentos de quatro dos seus enfermeiros, que revelam histórias e desafios da profissão.

 

“Sou grata por poder participar de situações transformadoras na vida das pessoas, ainda mais eu, que lido com nascimentos e o início de novos ciclos para tantas famílias. Meu sentimento é de total gratidão. Um verdadeiro presente, pois todo dia recebo carinho e sou acolhida”, conta Juliane, que trabalha na Gestão de Saúde atualmente, lidando com prevenção e educação, no Mommy Care e em outros programas da Care Plus.

 

Para o presidente da operadora, Luiz Camargo, agradecer e dialogar se tornam iniciativas poderosas, ainda mais em momentos delicados como este: “A humanização e a qualidade de vida são partes fundamentais dos nossos valores.

 

Nesse sentido, é nosso dever elevar o atendimento aos nossos beneficiários e reconhecer, além de agradecer, a cada um dos enfermeiros que trabalham rotineiramente com muito carinho, sempre com um sorriso no rosto, fazendo o que sabem de melhor aos nossos clientes.

 

Curtiu? Siga o PORTAL DO ZACARIAS no FacebookTwitter e no Instagram
Entre no nosso Grupo de WhatsApp.

 

Temos uma força de trabalho dedicada incrível, com times qualificados, que têm cada vez mais adaptado suas táticas para lidar com a situação atual. Parabéns e muito obrigado a todos os profissionais de enfermagem que nos auxiliam diariamente”.

« 1 (2) 3 4 5 ... 552 »