Regionais - Bolsonaro diz que Feder está fora e retoma busca por novo ministro da Educação - Notícias
(1) 2 3 4 ... 9345 »
Regionais : Bolsonaro diz que Feder está fora e retoma busca por novo ministro da Educação
Enviado por alexandre em 04/07/2020 19:48:08


Renato Feder

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou a parlamentares no final da manhã deste sábado (04) que não vai escolher o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, para o Ministério da Educação. “Está fora”, teria afirmado Bolsonaro a interlocutores. “Não tem ninguém ainda”.

Na conversa, de acordo com relatos, Bolsonaro brincou com o fato do nome de um indicado perder força quando sai na imprensa, ainda que favorito, porque passa por um raio-X.

Há uma carência de nomes. Apesar da extensa lista de cotados, nenhum agradou o suficiente até agora. A escolha ficou para semana que vem.

Anderson Correia, reitor do Instituto de Tecnologia da Aeronáutica (ITA), tem apoio da bancada evangélica. Mas teve problemas com a equipe do ex-ministro Ricardo Vélez sobre a pauta de enfrentamento cultural que, entre outros assuntos, reorganizaria a destinação de recursos públicos para pesquisas na Educação.

Há entre apoiadores do governo repulsa ao financiamento de pesquisas que tratem de temas considerados mais “à esquerda”. Uma das ideias seria a fusão da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior) com o CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico).



O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, afirmou nesta sexta-feira (03), que o governo federal ainda não descartou a possibilidade de dividir a pasta sob sua responsabilidade em duas, recriando o Ministério da Segurança Pública. “É um assunto que existe.”

Ao participar de uma conversa com o ex-ministro da Justiça Nelson Jobim, promovida pelo Banco BTG Pactual e transmitida no Youtube, Mendonça disse que, ao assumir o cargo, em abril, comprometeu-se com o presidente Jair Bolsonaro a analisar a questão e apresentar uma proposta.

“Eu me comprometi [a fazer], e estou fazendo, uma análise de gestão do tamanho do ministério. Se, de algum modo, ele funcionaria melhor com uma divisão entre Justiça e Segurança Pública. A partir desta primeira avaliação, [vou] construir cenários ouvindo aos atores envolvidos [e pesando] os prós e contras de cada situação. E então apresentar ao presidente essas avaliações para que ele [presidente] possa tomar a melhor decisão para a política pública e para os cidadãos”, comentou Mendonça. Para ele, as duas hipóteses têm vantagens e desvantagens.

“A questão não é se divide ou não o ministério, mas como estruturamos um ou dois ministérios dentro de um conceito de boa governança pública”, acrescentou o ministro, indicando que, qualquer que seja a decisão, ainda deve demorar mais algum tempo. “Se, no ambiente de uma crise da covid-19, eu me dedicar a uma divisão de ministério, eu perdi o ano. Seria irresponsável fazê-lo agora. O que não significa que, com planejamento, não possamos fazê-lo”. Continue lendo

Regionais : O uso correto da máscara é fundamental para evitar a proliferação da Covid-19
Enviado por alexandre em 04/07/2020 19:44:21


1f05b582 5e7b 4197 90ca a92a3431bed3 - PROTEÇÃO EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS: O uso correto da máscara é fundamental para evitar a proliferação da Covid-19

Em tempos de pandemia devido ao novo coronavírus, a utilização das máscaras é indicada para evitar a proliferação da doença. A recomendação tem como base a proteção coletiva, uma vez que muitas pessoas estão infectadas e ainda não apresentaram sintomas da doença. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) reitera as orientações e instruções do Ministério da Saúde sobre confecção e lavagem de máscaras caseiras, por exemplo.

De acordo com os dados a Fiocruz recomenda que as pessoas façam o uso correto da máscara caseira, não a compartilhando com familiares, não tocando o rosto depois de colocá-la e fazendo a sua limpeza conforme orientação do MS, que reforça ainda a necessidade de manutenção do isolamento social e das medidas de higiene.

Segundo as informações do Ministério da Saúde, o uso de máscara de proteção é uma medida essencial para a proteção do sistema respiratório em diversas ocasiões, como é o caso de trabalhadores expostos a agentes físicos, químicos ou biológicos que podem desencadear doenças; de pessoas portadoras de doenças transmissíveis por meio de gotículas e aerossóis contaminados; e de pessoas que cuidam de indivíduos enfermos. Além disso, o uso de máscara é recomendado para pessoas que sejam portadoras de doenças que possam ser transmitidas via respiratória.

De acordo com novo estudo realizado pelos Centros de Controle e Prevenção de Doença dos Estados Unidos, o uso de máscaras confere mais proteção do que apenas o distanciamento social ou a higienização das mãos. Mas isso não quer dizer que você deve apenas usar máscara e esquecer das outras medidas e sim adotar todas elas.

Vale ressaltar ainda que pesquisas recentes mostraram que a principal forma de contaminação pelo coronavírus é de pessoa para pessoa, através de gotículas expelidas quando uma pessoa infectada espirra, tosse ou fala – mesmo que essa pessoa não esteja apresentando sintomas. Daí a importância do uso generalizado das máscaras. A Organização Mundial da Saúde orienta que as máscaras devem ser usadas em público para ajudar a impedir a propagação do coronavírus. Por outro lado, a organização ressalta que é de suma importância que o uso de máscaras venha acompanhado de outras medidas, como distanciamento social, evitar tocar o rosto e higienização constante das mãos.

Outro estudo recente da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, oferece novas evidências de que as máscaras podem ser cruciais para evitar uma nova onda de infecções. A pesquisa afirma que os lockdowns sozinhos não serão suficientes para impedir futuras ondas de contágio, a não ser que isso seja combinado com o uso massivo de máscaras para retardar a propagação da doença.

Cuidados em relação às máscaras caseiras e à proteção contra a COVID-19

As máscaras caseiras podem ser produzidas com qualquer tipo de tecido, devendo apresentar uma camada dupla de tecido e elásticos ou tiras para que possa ser presa acima das orelhas e na nuca, protegendo o nariz e a boca; Tenha sempre duas máscaras quando sair, caso uma suje ou fique úmida, a troca deve ser efetuada; Chegando a sua casa, lave as máscaras com água e sabão, podendo também ser usada água sanitária, deixando-a de molho nela por cerca de 30 minutos; Mesmo que a máscara possa ser reutilizada, ela é de uso individual, ou seja, cada pessoa, mesmo que da mesma família, deve ter as suas.

Veja dicas de como agir caso o uso da máscara cause sensação de abafamento e irrite a pele.

Máscara de proteção x pele oleosa

O ideal é lavar bem o rosto com os produtos indicados antes de colocar a máscara, evitar o uso de maquiagem pesada e também lembrar de trocar a máscara a cada 2 horas para evitar que ela fique molhada, diminuindo a proliferação de bactérias que possam contribuir para o aparecimento da acne.

Máscara de proteção x pele seca

Do outro lado, as mulheres de pele seca devem investir em produtos que mantenham o rosto bem hidratado. E para que se tenha uma sensação melhor com a máscara, a indicação da é optar por produtos mais fluidos como loções ou gel-creme. Eles vão manter a pele hidratada sem correr o risco de deixá-la oleosa.

Máscara de proteção x pele sensível

Caso seja algo leve, causado apenas pelo próprio atrito, use antes de colocar a máscara passe um hidratante específico para peles sensíveis que contenha agentes calmantes e tente trocar o tipo de tecido utilizado. As mais recomendadas são as feitas de algodão e o ideal é que a utilize apenas o tempo em que estiver em contato com outras pessoas para evitar o atrito e abafamento causados por ela.

Máscara de proteção x pele normal ou mista

Se as mulheres com pele normal ou mista não tomarem os cuidados de higiene e limpeza da cútis e das máscaras podem sofrer todos os problemas listados acima. Portanto, para manter a pele saudável, nada de maquiagens pesadas ou de pular passos na rotina de beleza diária.


Anvisa libera testes de vacina chinesa contra o novo coronavírus


A vacina CoronaVac, produzida a partir de cepas inativadas do novo coronavírus, está na terceira fase de testes

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou ontem, sexta-feira (3), a realização de testes da vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac. O pedido de liberação, feito pelo Instituto Butantan, foi anunciado pelo governador de São Paulo, João Doria, no dia 11 de junho. Em nota, a Anvisa diz que os testes devem ser desenvolvidos em diferentes locais do Brasil.

 

A vacina CoronaVac, produzida a partir de cepas inativadas do novo coronavírus, está na terceira fase de testes, quando a vacina já pode ser administrada a um número maior de pessoas. O estudo clínico envolverá 9 mil voluntários distribuídos nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná, além do Distrito Federal.

 

Parte delas receberá a vacina e outro grupo deve receber um placebo, sem efeito. O objetivo é verificar se há o estímulo à produção de anticorpos para proteção contra o vírus.

 

Veja também

 

Pesquisas buscam hipóteses para entender maior sensibilidade dos homens à Covid-19

 

Brasil tem 1.264 mortes por coronavírus em 24 horas, mostra consórcio de veículos de imprensa; são 63.254 no total

A Anvisa afirma que os estudos da primeira e segunda fases, realizados em humanos saudáveis e em animais, mostraram segurança e capacidade de provocar resposta imune "favoráveis". Na segunda-feira, 29, o Instituto Butantan disse que, após o aval da Anvisa, o programa de testagem ainda terá de passar por um conselho ético que vai validar a metodologia da testagem em humanos.

 

Segundo a assessoria do instituto, a validação poderá ser feita pelo Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), ligada ao Ministério da Saúde, ou pela Comissão de Ética para Análise de Projetos de Pesquisa (CAPPesq), que é vinculada à Secretaria Estadual da Saúde.

 


O custo da testagem é estimado em R$ 85 milhões e prevê a transferência de tecnologia para que a vacina chinesa possa ser produzida no Brasil. Esta é a segunda vacina a receber autorização para testes no País. Em junho, a Anvisa liberou a realização de ensaios clínicos de uma vacina produzida na Universidade de Oxford, na Inglaterra. 

 

Globo/Negócios

Regionais : De tornozeleira, Sara Winter faz unhas e cabelo em casa e fãs pagam conta
Enviado por alexandre em 04/07/2020 19:40:11


sara winter capa - De tornozeleira, Sara Winter faz unhas e cabelo em casa e fãs pagam conta

A vida de prisioneira domiciliar de Sara Giromini, mais conhecida por Sara Winter, anda “duríssima” como mostra uma foto publicada em uma rede social.

Por decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), a líder do grupo extremista “300 do Brasil” está usando uma tornozeleira eletrônica, não pode sair de casa e nem se aproximar do STF e do Congresso.

A solução para cuidar da visual, foi chamar uma cabeleireira e uma manicure para atendê-la no conforto de sua casa. “Que sensação maravilhosa de ter o meu cabelo feitinho”, escreveu ela na legenda de uma foto.

O engraçado é que, na mesma conta de uma rede social, ela chora miséria e pede para os internautas fazerem doações em dinheiro.

Sara Winter ficou presa por cerca de 10 dias por estar envolvida no inquérito do STF que investiga a organização e o financiamento de atos antidemocráticos.

Regionais : Maior salário da RedeTV!, Sikêra Jr. diz que impôs “lockdown” na gastança da mulher e fala sobre vida sexual
Enviado por alexandre em 04/07/2020 19:38:29


sikera e marcelo 1 300x141 - Maior salário da RedeTV!, Sikêra Jr. diz que impôs "lockdown" na gastança da mulher e fala sobre vida sexualFenômeno da RedeTV!, Sikêra Jr. assinou contrato de sete anos com a emissora na semana passada, com direito a um bom aumento de salário. Ele, porém, faz piada com os boatos de que se tornou o maior cachê de lá e está precisando domar a mulher, Laura Peixoto, para que ela não esbanje demais. “Já dei o lockdown para ela”, brinca o apresentador.

“Minha mulher só queria saber da 25 [de Março, rua de comércio popular de São Paulo], agora vive na Oscar Freire [rua badalada, com produtos caros]. Mas graças a Deus, louvado seja o Senhor, melhorou muito [o meu salário]”, diz Sikêra.

A declaração vai ao ar na edição deste sábado (4) do Mega Senha, programa apresentado por Marcelo de Carvalho, vice-presidente da RedeTV!. Sikêra será um dos famosos que ajudam os participantes a decifrarem as pistas – sua concorrente será Ana Carla Medeiros, Miss Paraíba 2018 e filha da pré-candidata pelo MDB à Prefeitura de Campina Grande, Tatiana Medeiros.

A gravação do game show aconteceu no último dia 25, quando Sikêra visitou pela primeira vez a sede da RedeTV! para assinar seu contrato de sete anos. Na ocasião, ele também apareceu ao vivo no Tricotando e contou a Lígia Mendes e Franklin David que sentiu sequelas do coronavírus em sua vida sexual.

O apresentador do Alerta Nacional teve de pedir socorro durante uma transa com a mulher, que recorreu a uma mangueira de oxigênio para que o marido conseguisse terminar o momento a dois.

Contrato longo para afastar a concorrência
A movimentação da RedeTV! para renovar o contrato foi motivada por dois fatores: o primeiro é que Sikêra Jr. é o responsável pela maior audiência da emissora nos dias úteis. Fica atrás apenas do Encrenca, humorístico exibido aos domingos.

O segundo fator é o interesse da concorrência. O Notícias da TV apurou que o apresentador foi procurado por outras emissoras de São Paulo para comandar um programa aos moldes do Alerta Nacional. Mas ele optou por ficar na RedeTV!.

Regionais : Homem tem ereção de 4 horas após coronavírus provocar priapismo
Enviado por alexandre em 03/07/2020 23:32:23


3bbd260e fdf7 4c1b a449 d7262ddcc0e0 04024446 6d2c 4cdb 9a14 0add96e78098 1024x662 - Homem tem ereção de 4 horas após coronavírus provocar priapismo

Um homem de 62 anos teve dolorosa ereção de quatro horas de duração após ser infectado pelo coronavírus. O caso, ocorrido em Le Chesnay (França), foi relatado na revista científica “The American Journal of Emergency Medicine”.

O priapismo – como a longa ereção é conhecida – foi causado, segundo médicos, por sangue preso no pênis, que eles drenaram e descobriram que estava cheio de coágulos.

O paciente, não identificado, procurou um médico reclamando de febre e tosse. No dia seguinte, apresentou diarreia e foi internado e diagnosticado com Covid-19 em hospital nos arredores de Paris. Com ajuda de respirador, o francês ficou duas semanas em centro de tratamento intensivo.

Um terço dos pacientes de Covid-19 apresentaram problemas relacionados à coagulação do sangue, o que pode acarretar trombose.

Esse quadro pode interromper o fluxo sanguíneo e afetar os pacientes infectados que já têm dificuldade em respirar devido ao coronavírus. Os coágulos também podem desencadear ataques cardíacos e derrames. E, agora, os médicos temem que isso possa levar ao priapismo nos homens.



EXTRA

(1) 2 3 4 ... 9345 »