Política - MISSÃO DIFÍCIL - Notícias
« 1 2 3 (4) 5 6 7 ... 638 »
Política : MISSÃO DIFÍCIL
Enviado por alexandre em 10/06/2017 10:19:13


Desafio de Temer será concluir um governo na UTI
Temer terá de usar talento político para concluir o mandato

O desafio do presidente Michel Temer, após escapar de cassação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), será cumprir o mandato até o fim, em 31 de dezembro de 2018, apesar de continuar na UTI sem prazo para receber alta. Além da pressão do Ministério Público Federal, que será implacável, o presidente terá de encarar um Congresso que costuma ser impiedoso quando identifica presidentes politicamente debilitados. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Políticos avaliam que Michel Temer será incapaz de governar, e preveem dificuldades até para circular no País, no exercício do cargo.

A esperança dos aliados de Temer é que ele exercite todo seu talento de fazer política, impedindo a fuga dos que o apoiam no Congresso.

Temer terá de unir-se a um Congresso também acuado por acusações do MPF, para tentar “segurar” que prosperem processos contra ele.

Impeachment ou processos movidos pelo MPF precisam do mínimo de 342 votos. Basta a Temer o apoio de 172 deputados para escapar.

DIÁRIO DO PODER

Política : SURPRESO
Enviado por alexandre em 10/06/2017 10:17:01


Lula se impressiona com ‘virada’ da imprensa
Petista está impressionado com "mídia golpista" contra Temer

Habituado a atacar jornais e emissoras, queixando-se de “perseguição da mídia golpista”, o ex-presidente Lula revelou a aliados sua surpresa com a “virada da imprensa”, que para ele se voltou contra o presidente Michel Temer. O espanto de Lula é que ele verificou, mas não o admite publicamente, que a imprensa brasileira, afinal, persegue apenas notícias. E não poupa os políticos de denunciar as suas malfeitorias. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Lula não perdoa a TV Globo, desde quando a emissora mostrou fotos de suas visitas ao tríplex do Guarujá, que ele alegava não conhecer.

O espanto de Lula com a imprensa em relação a Temer foi confirmado por um interlocutor dele junto ao meio militar: “Ele está atordoado”.

Além do Instituto Lula, que se posiciona em seu nome, Lula tem agora a “assessoria de imprensa” dos criminalistas que o defendem.

Política : FRASE INFELIZ
Enviado por alexandre em 08/06/2017 19:01:55


Barroso pede desculpas por chamar Joaquim Barbosa de 'negro de 1ª linha'
Ministro fez comentário durante homenagem ao ex-presidente do STF

"Não há brancos ou negros de primeira linha, porque as pessoas são todas iguais em dignidade e direitos, sendo merecedoras do mesmo respeito e consideração", afirmou Barroso ao pedir desculpas (Foto: Nelson Jr./STF)

Bastante emocionado, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), se desculpou nesta quinta-feira por ter chamado o ex-ministro Joaquim Barbosa de "negro de primeira linha". Barroso fez o comentário ontem à noite durante um discurso em homenagem a Barbosa, que teve seu retrato incluído na galeria de ex-presidentes da Corte.

Barroso pediu a palavra logo no início da sessão do STF desta quinta-feira, que tem na pauta o julgamento de uma ação sobre cotas para negros nas vagas na administração pública federal. Segundo o ministro, a sua intenção era dizer que Barbosa se tornou "um acadêmico negro de primeira linha" para "celebrar uma pessoa que havia rompido o cerco da subalternidade chegando ao topo da vida acadêmica", mas se manifestou de "modo infeliz".

"Não há brancos ou negros de primeira linha, porque as pessoas são todas iguais em dignidade e direitos, sendo merecedoras do mesmo respeito e consideração. Eu, portanto, gostaria de pedir desculpas às pessoas a quem possa ter ofendido ou magoado com esta frase infeliz. Gostaria de pedir desculpas, sobretudo, se involuntária e inconscientemente tiver reforçado um estereótipo racista que passei a vida tentando combater e derrotar", disse o ministro com a voz embargada.

Ele disse ainda que foi aconselhado a não justificar a sua fala, pois desta forma daria mais visibilidade ao fato, mas considerou que a sua retratação seria uma "boa oportunidade para enfrentar o racismo à luz do dia, mesmo o que se esconde no nosso inconsciente". (AE)
STF considera legal a reserva de 20% de vagas em concursos para negros
Para 10 dos 11 ministros, lei de 2014 que criou a cota é válida


A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu pela legalidade da reserva de 20% das vagas de concursos públicos para candidatos negros. A cota nos concursos para órgãos públicos federais foi instituída por lei em 2014 e questionada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) com o intuito de obter uma palavra final, evitando inúmeras contestações em instâncias inferiores.

A lei já tinha sido considerada válida pelos ministros Luís Roberto Barroso, Alexandre de Moraes, Luiz Fux e Rosa Weber, mas o julgamento foi suspenso. Retomado nesta quinta, os ministros Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Marco Aurélio Mello, Celso de Mello e a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia também votaram pela legalidade.

O ministro Gilmar Mendes não votou devido à participação no julgamento da ação que pede a cassação da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Política : CUSPARADA
Enviado por alexandre em 07/06/2017 18:46:41


Bolsonaro é absolvido no Conselho de Ética da Câmara

Cusparada contra Wyllys foi considerada reação e absolvição foi unânime

Publicidade
O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados arquivou nesta quarta-feira, 7, o processo por quebra de decoro parlamentar contra Eduardo Bolsonaro (PSC-SP). O filho do polêmico Jair Bolsonaro (PSC-RJ) foi representado pelo PT por ter cuspido em Jean Wyllys (PSOL-RJ) durante a sessão de abertura do processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, em abril de 2016. Ao contrário de Eduardo Bolsonaro, Wyllys sofreu um processo disciplinar de seis meses e foi punido com advertência por ter cuspido em Jair Bolsonaro.

Em seu parecer preliminar, o relator João Marcelo Souza (PMDB-MA) argumentou que há ausência de justa causa na representação, que a cusparada não configura fato punível por quebra de decoro parlamentar e que resta apenas seu arquivamento. "Não há ofensa ao decoro parlamentar", disse o relator.

A votação foi por chamada nominal dos conselheiros votantes. Foram 11 votos à favor do parecer pelo arquivamento e uma abstenção.

Membros do conselho saíram em defesa de Eduardo Bolsonaro e disseram que ele apenas reagiu a uma ofensa ao seu pai. "É muita emoção neste momento, qualquer um reagiria dessa maneira", concluiu Mauro Lopes (PMDB-MG).

DIÁRIO DO PODER

Política : VAZAMENTO
Enviado por alexandre em 06/06/2017 22:39:30


Auditora confirma que vazou dados sobre operação contra Lula

Auditora mostrou decisão judicial sobre buscas em endereços vinculados a Lula para o namorado

A auditora da Receita Federal Rosicler Veigel confirmou em depoimento que contou ao então namorado Francisco José de Abreu Duarte, classificado por ela mesma como "muito petista", que haveria uma "bomba" na operação Lava Jato com relação ao ex-presidente Lula e ele repassou as informações porque "tudo vaza na Operação Lava Jato", revelou o Antagonista.

No relator, Rosicler explica como conheceu o namorado e tenta se esquivar de qualquer culpabilidade até que desiste e conta que no dia 24/2/2016, Francisco foi até a sua casa e devido à intimidade comentou "uma 'bomba' relacionada a Lula estava se desenrolando no âmbito do seu trabalho". Em seguida, Francisco teria pedido mais detalhes e Rosicler revelou que haveria uma "busca em endereços vinculados a Lula" e que, inclusive estava com uma cópia da decisão judicial.

Segundo Rosicler, Francisco pegou "de modo furtivo" a decisão e fez inúmeras ligações enquanto ela estava no quarto. Rosicler afirma que, quando descobriu e questionou Francisco ele teria dito que "queria noticiar sobre o teor da decisão" e que "tudo vaza na Operação Lava Jato".

A auditora explicou que não imprimiu a decisão com a intenção de mostrá-la ao namorado, mas por não gostar de ler documentos na tela de computador. Ela explicou que só teve certeza da divulgação quando apareceu a publicação no Blog da Cidadania. Rosicler afirmou que não procurou seus superiores "por medo e vergonha" e que "nunca teve a intenção de divulgar isso".

Confira o trecho em que a auditora resolve contar a verdade sobre o vazamento.

« 1 2 3 (4) 5 6 7 ... 638 »