Policial - Operação Zale - Notícias
« 1 ... 131 132 133 (134) 135 136 137 ... 148 »
Policial : Operação Zale
Enviado por alexandre em 18/11/2010 19:40:37



Disk drogas: Polícia prende mototaxista acusado de envolvimento com trafico de drogas em Ouro Preto

Dando cumprimento a um mandato de prisão preventiva expedito pela Vara Criminal da Comarca local, o delegado titular da DP local Cristiano Martins Matos juntamente com uma equipe de policiais efetuaram a prisão do mototaxista José Peres da Silva, 39, acusado de associação ao trafico de entorpecente. O delegado Matos disse que a prisão do mototaxista faz parte da “Operação Zale”, que iniciou na semana passada e prendeu a traficante Elza Mateus Andrade com 1 KG de cocaína que estava enterrada no quintal da acusada, além da apreensão de um carro, uma moto, celulares e vários objetos.



De acordo com o delegado Matos, a prisão do mototaxista Peres ocorreu na manhã de hoje (quinta-feira 18) quando o acusado estava trafegando no centro comercial da cidade. No momento da prisão o mototaxista Peres que atua no ramo há 08 anos não ofereceu resistência e colaborou com o trabalho dos policiais, sendo conduzido para a DP local.

Pesa em desfavor do mototaxista a acusação de associação ao trafico de forma direta. A polícia concluiu nas investigações que o mototaxista Peres estava trabalhando para a traficante Elza Mateus que contratava os serviços do mototaxista ao preço de R$ 15 a corrida para entregar drogas aos usuários que tinha um “disk drogas” a disposição, sendo que a parte da traficante era R$ 10 e R$ 5 para o mototaxista que fazia uma média de 4 (quatro) corridas por dia.



O acusado Peres disse em depoimento que estava sim fazendo o serviço de entrega de drogas a mando da traficante Elza Mateus há cerca de três meses, mas que já estava deixando de lado este trabalho ilícito. A Polícia encontrou na residência de Peres duas parangas de substancia entorpecente. Após os procedimentos legais o mototaxista foi recolhido a Casa de Detenção local onde ficará a disposição da Justiça, caso seja condenado poderá pegar até 15 anos de prisão em regime fechado.

O delegado Matos informou que a “Operação Zale” terá sua continuidade e que mais prisões deverão ocorrer em um curto espaço de tempo. Segundo o delegado a traficante Elza Mateus gerenciava nada mais do que seis bocas de fumo em Ouro Preto do Oeste, sendo considerada a “dama do pó” da região central do Estado.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Paraquedista
Enviado por alexandre em 17/11/2010 02:40:00



Professor de escolinha de futebol de Ouro Preto é acusado de aplicar golpe

O professor de escolinha de futebol Projeto Gol de Letra Craque da Amazônia com sede em Ouro Preto do Oeste Sr. Ayrton Cardoso foi acusado formalmente de aplicar golpe nos atletas de uma escolinha de futebol da cidade de Cacoal. A denúncia foi registrada na DP local sob o nº. 2959/10 e foi feita pelo professor de Educação Física Emanuel Henrique Lima Reis que trabalha na Autarquia Municipal de Esporte de Cacoal.

De acordo com a denúncia o Sr. Ayrton Cardoso organizou com apoio da prefeitura e Câmara municipal de Ouro Preto do Oeste, comercio local e políticos uma seletiva de futebol (peneirão) que foi realizado no Estádio municipal do INCRA nos dias 13/14 e 15. Segundo o organizador o peneirão teria a presença de olheiros do Santos Futebol Clube professores Bebeto Stival e Guilherme dos Passos Gomes além da coordenadora de franquias do alvi negro praiano Senhora Chimeny Nogueira, os atletas que seria observados eram os nascidos de 1994 à 2001.

Emanuel relatou que o Sr. Ayrton Cardoso fez o convite para que atletas de Cacoal participassem do peneirão que escolheriam alguns para fazer teste no Santos, mas exigiu como pagamento das inscrições que cada atleta teria que vender uma rifa de uma moto, DVD, 02 ventiladores e uma bicicleta para custear as despesas. Para surpresa de Emanuel ao chegar em Ouro Preto com 40 atletas com idade de 09 a 14 anos de idade, foi informado pelo Sr. Ayrton Cardoso que ninguém do Santos pode vim e não disse por qual motivo, fato este que deixou todos revoltados pelo descaso que Ayrton teve com os participantes.

A reportagem procurou o Sr. Ayrton Cardoso no endereço que foi colocado no cartaz do evento que é Avenida Gonçalves Dias em frente ao prédio da Câmara municipal, mas o mesmo não foi localizado para comentar o assunto. O que chama atenção é fato do Ayrton ter tido apoio de uma tal Organização da Sociedade Civil de Interesse Público Pais e Filhos – OSCIPPF (endereço não fornecido) e o peneirão foi uma realização de uma desconhecida Assessoria de Atletas ASDA que a priori não possui registro nos órgão competentes.

Ao saber o fato o vereador Almir Barbosa (PT) disse que vai solicitar através de ofícios do prefeito Alex Testoni (PTN) e do presidente da Câmara vereador Gilvane Fernandes (PTN), esclarecimento a cerca do apoio dado a um evento que pode ter sido realizado com suspeita de irregularidade. O vereador petista disse que vai também enviar documento ao departamento de futebol do Santos Futebol Clube para saber qual a participação do atual campeão da Copa Brasil neste peneirão. “Vamos buscar esclarecer os fatos para que tudo venha à luz da verdade, já que não podemos admitir que um evento esportivo destinado a jovens que sonham com o profissional seja feito sob suspeita”, disse o vereador Almir Barbosa.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Operação Zale
Enviado por alexandre em 12/11/2010 20:40:00



Operação Zale: Prende traficante e aprende 1 kg de cocaína em Ouro Preto

Uma operação denominada “Zale” envolvendo as Policias Civil e Militar de Ouro Preto do Oeste sob o comando do delegado titular da DP local Cristiano Martins Matos prendeu uma traficante e apreendeu 1 KG de cocaína nesta sexta-feira (12). Segundo informações repassadas pelo delegado Cristiano Martins Matos, o sucesso da “Operação Zale”, alcançou o êxito após um minucioso trabalho de investigação que contou com a participação de policiais civis e militares que fizeram todo levantamento a cerca da venda de drogas no município identificando a traficante Elza Mateus Andrade, 48, moradora da Rua Roraima nº 907 bairro Novo Horizonte.



Com o trabalho de investigação concluído o delegado Cristiano Matos, solicitou os mandados de busca, apreensão e prisão em desfavor dos investigados, a Vara Criminal da Comarca de Ouro Prede concedeu tais mandados. E na manhã desta sexta-feira (12) a “Operação Zale” foi colocada em pratica, policiais com os mandados em mãos foram até a residência da traficante Elza Mateus e lá encontraram enterrados no quintal cerca de 1 kg de cocaína e 38 pedras de crak, além de vários objetos como: TV, geladeira, jóias, aparelho de som e celular, além de um veiculo Fiat Strada, vinho, placas NCH – 5695/RO uma moto Honda Biz, verde, placa – 3155/RO.



Presa a traficante Elza Mateus que já cumpriu pena por trafico de drogas na Casa de Detenção local negou a droga fosse sua e dedurou o amásio identificado como sendo Mauro Ramos Barbosa, 30, que cumpri em regime semi-aberto por trafico de droga. Elza disse que a droga era do seu amásio que encontrou em uma propriedade rural do município de Mirante da Serra, e pasmem Elza disse ao delegado que a droga caiu de um avião, o que certamente ninguém acreditou no imaginário da traficante que não quis falar perante o delegado e somente em juízo.

Elza Mateus tem uma extensa folha policial assim como sua família o seu filho cumpri pena no presídio de Ariquemes por trafico de drogas. O delegado Cristiano Martins Matos lavrou o ato de flagrante delito em desfavor de Elza Mateus Andrade com base no art. 33 do Código Penal Brasileiro – CPB (trafico de entorpecente) e caso seja condenada poderá pegar até 15 anos de prisão. A traficante foi recolhida a Casa de Detenção local onde ficará a disposição da Justiça.



Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Fatalidade
Enviado por alexandre em 09/11/2010 03:13:18



Acidente de moto ceifa a vida de funcionário da prefeitura de Ouro Preto

Mais uma acidente de trânsito com vitima fatal foi registrado no perímetro urbano de Ouro Preto do Oeste que vê assim aumentar a triste estatística no caótico trânsito da cidade. Desta feita quem teve a vida ceifada foi o funcionário público municipal Adalvo Vitorino de Oliveira, 54 anos, o conhecido “Madalão do Lavador”, que residia na Avenida Gonçalves Dias nº 3990, pessoa bastante admirada no meio social de Ouro Preto do Oeste.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar o popular Madalão do Lavador, estava pilotando uma moto Honda Pop 100, cor preta, placa NDC 1996/RO, quando na rotatória da entrada para o bairro Jardim Aeroporto veio a colidir no canteiro e perdeu o controle chocando contra um muro. Com o impacto a vitima teve traumatismo craniano e escoriações pelo corpo, ficando desacordado no solo, uma ambulância do Corpo de Bombeiros esteve no local e prestou os primeiros socorros em seguida conduziu a vitima para o Hospital Municipal, que devida a falta de estrutura para atender pacientes vitimas de acidentes principalmente de trânsito, teve que ser removido para o Hospital Municipal de Ji-Paraná.

O médico Antonimar Gomes que prestou os devidos atendimentos médicos informou que a vitima teve duas paradas cardíaca, sendo que na primeira a equipe médica conseguiu reanimá-lo, mas na segunda (na entrada do HM de Ji-Paraná) não foi possível o que em tese ocasionou a morte de Madalão do Lavador que era motorista da prefeitura municipal há 25 anos e atualmente estava a serviço do Conselho Tutelar.

Testemunhas ouvidas pela Polícia Militar disseram que Madalão antes do acidente tinha ingerido bebida alcoólica o que pode ter contribuído para que o mesmo perdesse o controle da sua moto que provavelmente estava em alta velocidade. O corpo de Madalão foi velado na capela da Associação Vida Nova entidade ligada a Igreja Católica e o sepultamento no Cemitério Campo Santo.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Policial : Eficiência
Enviado por alexandre em 06/11/2010 23:47:19



Preso jovem que tentou passar celular em rolo de barbante para dentro da Casa de Detenção

Agentes penitenciários lotados na Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste prenderam o desocupado Valdemir Santos da Silva, 22, morador da cidade de Jaru, quando este tentava passar um aparelho celular para dentro da unidade prisional. A esperteza de Valdemir foi descoberta com uma revista minuciosa em dois rolos de barbante que o acusado estava querendo entregar para o apenado Alexandre Santana Neves, que cumpre pena na Casa de Detenção por assalto à mão armada.



Segundo informações repassadas pelos agentes penitenciários o desocupado Valdemir estava na fila para ser revistado antes de entrar nos pavilhões para as visitas ao apenados do regime fechado, e demonstrava nervosismo, fato este que chamou a atenção. Ao ser flagrado o acusado Valdemir disse que não sabia que dentro do rolo de barbante tinha um aparelho celular e alegou que reside em Jaru e foi procurado por uma pessoa que não sabe o nome e pediu para entregar uma encomenda ao apenado Alexandre Santana Neves.

Preso o desocupado Valdemir que tem um irmão identificado como sendo Valdinei Santos da Silva, que cumpre pena na Casa de Detenção, foi apresentado a autoridade policial onde foi aplicado o que preconiza a legislação vigente no país.

Tentativa frustrada

Os agentes penitenciários frustraram outra tentativa de chegar um aparelho celular nas mãos dos apenados. Desta feita um elemento pilotando uma moto Honda Biz, cor amarela e sem placas chegou até o portão de entrada da Casa de Detenção e entregou um embrulho contendo dois sacos de bolachas e um rolo de barbante, para ser entregue ao apenado Reginaldo Guimarães assim que um agente penitenciário recebeu a tal encomenda o elemento saiu pilotando sua moto em alta velocidade.
Ao ser aberto o embrulho foi encontrado um aparelho celular que foi apreendido e encaminhado para a DP local para serem adotadas as medidas cabíveis.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com


« 1 ... 131 132 133 (134) 135 136 137 ... 148 »