Justiça - Barbárie - Notícias
« 1 ... 168 169 170 (171) 172 173 174 ... 185 »
Justiça : Barbárie
Enviado por alexandre em 16/11/2010 02:46:28



Filho mata pai a paulada para roubar dinheiro para comprar drogas

Na noite do último domingo (14) mais um crime de morte foi registrado no município de Ouro Preto do Oeste, desta feita quem perdeu a vida foi o autônomo Adivaldo Alves de Souza, 43, que morava na Rua Wilson Silva Lima nº. 103, Conjunto Habitacional Novo Horizonte. O autor do crime de morte foi o desocupado Fabiano Santana Alves, 20, filho da própria vitima que morreu com várias pauladas desferidas na cabeça.

De acordo com informações da Polícia Militar que atendeu a solicitação a filha da vitima identificada como sendo Marli Santana de Jesus, informou que ao chegar em casa viu o seu irmão o desocupado Fabiano Santana agredindo o pai com um pedaço de madeira, enquanto a vitima implorava para não morrer e sem clemência o filho desnaturado desferia várias pauladas na cabeça da vitima. Vendo o seu pai agonizando por socorro Marli Santana acionou o Corpo de Bombeiros que prestou os primeiros socorros a vitima conduzindo para o Hospital Municipal que veio a óbito, quando recebia os devidos atendimentos médicos.

O desocupado Fabiano Santana que já cumpriu pena na Casa de Detenção local, fugiu do local do fato antes da chegada da Polícia Militar que fez diligencia, mas não logrou êxito em prender o homicida. Segundo ficou apurado o motivo do crime, foi em razão do desocupado Fabiano ter exigido que o seu pai Adivaldo desse dinheiro para comprar drogas, diante da recusa o desocupado de posse de um pedaço de madeira passou a agredir o próprio pai sem piedade.

O delegado titular da DP local Cristiano Martins Matos, ao tomar conhecimento do crime de morte solicitou a prisão preventiva do acusado Fabiano Santana que agora é um foragido da Justiça. O delegado informou que a prisão do acusado é questão de tempo e que a Policia já está no encalço do homicida.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Justiça : Inverdade
Enviado por alexandre em 10/11/2010 17:40:00



Cacoal Selva Park é vitima de boato maldoso e reafirma o seu compromisso com a natureza e o bem estar de seus visitantes
Localizado no município de Cacoal, distante 470 km da capital Porto Velho, Cacoal Selva Park é um empreendimento auto-sustentável instalado em meio à selva tropical e que tem como foco principal a preservação do meio-ambiente, proporcionando desta forma aos visitantes o contato direto com o eco-sistema.

Quase a totalidade da propriedade de 165 ha, uma RPPN (Reserva Particular de Patrimônio Natural) está plenamente coberta pela floresta tropical, utilizando apenas 100 mil m2 para as necessidades físicas do equipamento de hospedagem.

Mas com todo este potencial a direção do Cacoal Selva Park vem sendo vitima de um boato sem fundamento e criado através do imaginário do ser humano. O boato é que uma mulher que teria sido picada por uma cobra e que teria vindo a óbito tem causado grande prejuízo ao empreendimento que hoje é o maior de Rondônia, tendo 64 unidades para hospedagem além de uma grande infra-estrutura de laser aos visitantes.



Em contato com a reportagem Juan Travain de Souza que faz parte da administração do complexo turístico e tem formação na área de biologia informou que o boato é maldoso e não condiz com a realidade.

Segundo Juan Travain que é filho dos idealizadores do Cacoal Selva Park (Nério e Vera Bianchini) um empreendimento erguido há mais de dez anos que tem como pilar a preservação da natureza e oferecer conforto, qualidade e segurança aos visitantes que buscam no local um lugar para relaxar e ter o contato direto com a natureza o que coloca como sendo um dos mais procurados resot da região norte do país.

Juan Travain tranqüilizou as pessoas que tudo não passa de um boato maldoso e que visa apenas destruir uma bela historia que o Cacoal Selva Park vem construindo ao longo dos últimos dez anos. “A nossa família sempre acreditou em Rondônia e fazemos tudo para que o nome deste estado seja sempre respeitado e nosso empreendimento tem este foco esta é a nossa missão oferecer o que há de melhor para os nossos visitantes que podem ficarem tranqüilo que tudo é boato plantado por pessoas que não tem competência para se estabelecer e busca meios baixo para denegrir a imagem que tem o bem como marca maior”, disse Juan Travain que colocou o site www.cacoalselvapark.com.br para que os visitantes conheça melhor o local e o telefone para contato (69) 69) 3441-1039 / (69) 3459-2322 / (69) 9960-2511 reservas@ cacoalselvaparkhotel.com.br

Veja na integra o e-mail da direção do Cacoal Selva Park e a resposta

Olá Paulo, sou o Juan Travain de Souza do Cacoal Selva Park.
Saiu uma conversa, mas não sabemos em qual cidade do estado, porém tomou uma certa proporção que começou a nos prejudicar.
Algumas conversas que saíram:
O Amante foi tomar café da manhã e quando voltou encontrou a mulher em cima da cama morta, com a cobra e os filhotes no mesmo local.
O amante foi buscar cerveja e quando voltou encontrou a mulher morta em cima da cama e com um ninho de cobra sob o colchão.
O Casal estava acampado e tinha um ninho de cobras em baixo da barraca o homem foi buscar um lanche e na volta encontrou a mulher morta enrolada com a cobra mãe.

E várias outras versões, em geral é uma mulher acompanhada de um amante influente que é picada por cobras dentro da cabana e que foi encontrada morta pelo amante. Este suposto amante influente teria pagado alto preço aos proprietários que por sua vez pagou aos funcionários, imprensa e autoridades para que nada tivesse presenciado, visto ou escutado sobre o fato.

Acreditamos que a pessoa com conhecimento científico e com conhecimento do local do acontecido para falar do assunto com propriedade é você, além do grau de amizade que temos por você pedimos que nos ajudasse a esclarecer:

Temos em nossa reserva de mata do Cacoal Selva Park animal peçonhento com tamanho grau letal?
É possível que uma pessoa picada por cobra venha a óbito em tão pouco tempo?
É possível uma pessoa picada não ter tempo de esboçar pedido de socorro?


Se possível nos ajude a entender o que pode ter acontecido dado que, com todo o empenho que temos procurado resposta para nos esclarecer o início de tamanho acontecimento e nada nos leva elucidar o início do fato, se houve realmente o fato.
Esperamos receber visita em breve.
Abraços Juan Travain de Souza
Responder Encaminhar

Paulo Sérgio Bernarde
Professor da Universidade Federal do Acre - UFAC, Campus Floresta
Centro Multidisciplinar
Cruzeiro do Sul - Acre
FORMAÇÃO:
Bacharelado e Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Londrina - UEL (PR) - 1996.
Mestre em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná¡ - UFPR - 1999.
Doutor em Zoologia pela Universidade Estadual Paulista - UNESP (SP) - 2004.


Olá Juan,
Como vai?!
Ao responder esse e-mail para você, autorizo que o mesmo pode ser publicado em qualquer meio de comunicação, seja impresso, digital ou audiovisual.
O que você me relatou, trata-se de uma lenda urbana. São boatos (que repetem a mesma estória!) que de tempos em tempos surge em alguma cidade.
Essa já faz alguns anos, é uma versão de que uma mulher seria morta picada por uma cobra em um quarto de motel. Isso já foi inventado em cidades como Uberaba (MG), Mâncio Lima (AC), Rio Branco (AC) e em tantas outras do Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro e São Paulo. Basta colocarem no Google "mulher morre cobra motel filhotes" e a pessoa pode ver que são boatos.
Respondendo suas perguntas:
* Temos em nossa reserva de mata do Cacoal Selva Park animal peçonhento com tamanho grau letal?
Resposta: Os mesmos animais peçonhentos que podem ocorrer no Cacoal Selva Park são os que são encontrados em toda área rural de Cacoal, incluindo na área urbana. Morei 5 anos em Rondônia e pesquisei a fauna de serpentes daí. Temos a jararaca (Bothrops atrox) como a cobra peçonhenta mais comum nessa região e ela não tem veneno para matar uma pessoa assim tão rápido. Como o Cacoal Selva Park fica menos de 30 minutos do hospital, é um local seguro em relação a esse tipo de acidente. Teria tempo mais que suficiente. Em geral, depois de 4 horas que a pessoa foi picada, que começam a surgir complicações e aumenta a chance de ocorrer seqüelas e ou óbito, caso não receba o soro antiofídico.

* É possível que uma pessoa picada por cobra venha a óbito em tão pouco tempo?
Não! A não ser algumas espécies da África, Ásia e da Austrália. rs rs. Estão bem longe de nós.

* É possível uma pessoa picada não ter tempo de esboçar pedido de socorro?
Num local público como o Cacoal Selva Park não.

As pessoas tem grande pavor e preconceito do que não conhecem, o que pode gerar um medo que chamo de irracional.
Anualmente morrem aproximadamente 200 pessoas picadas de cobra no Brasil, quanto é esse valor perto das 25.000 que morrem de acidente de trânsito ou das 40.000 que morrem assassinadas anualmente no Brasil?!
Se forem ter medo de cobras porque 200 pessoas morrem por ano, Seria mais sensato não sairmos mais de casa devido ao perigo dos carros ou então dos outros humanos! De forma alguma! A vida existe para ser vivida e se pensar na probabilidade que uma pessoa tem de ser picada por uma cobra é muitas vezes menor do que ela ser assassinada ou então vítima de um acidente de trânsito.
Se as pessoas estão com medo de ir até o Cacoal Selva Park com medo de cobras, então elas também não devem ir para nenhuma chácara, fazenda, campos, etc.
O que se deve ter em mente, é tomar cuidado sempre olhando para onde pisa, especialmente ao passear nas trilhas. E sabemos que ninguém nunca foi picado no Cacoal Selva Park.
A letalidade (chance de alguém morrer!) de uma picada de cobra é de 1,5% quando recebe o soro antiofídico, isso é bem menos do que várias doenças.
Do veneno da jararaca foi isolado o antihipertensivo Captopril! Essa cobra já mais salvou vidas do que matou! Interessante que verdades não circulam tanto como os falsos boatos, lendas urbanas e crendices.
Só pra ter uma idéia do que o ser humano consegue acreditar em absurdos veja esse site:
http://www.quatrocantos.com/LENDAS/
Ou então, pergunte para um grupo de pessoas "Quem se incomoda em deixar um chinelo virado?" Vários se incomodam! E que mai existe nisso? Nenhum! Mas mexeram com as cabecinhas deles desde que nasceram!
Se procurar por essa mulher em qualquer hospital, necrotério, obituário e cartório, verá que não existe. Que nenhuma mulher morreu quando estava traindo seu marido com um amante.
Termino aqui esse e-mail com a Parábola de Sócrates "As três peneiras!", Teríamos um mundo melhor se as pessoas não passassem tantas mentiras para frente, se pelo menos elas verificassem a veracidade do fato antes disso:
As Três Peneiras de Sócrates
Um homem foi ao encontro de Sócrates levando ao filósofo uma informação que julgava de seu interesse:
- Quero contar-te uma coisa a respeito de um amigo teu!
- Espera um momento – disse Sócrates – Antes de contar-me, quero saber se fizeste passar essa informação pelas três peneiras.
- Três peneiras? Que queres dizer?
- Vamos peneirar aquilo que quer me dizer. Devemos sempre usar as três peneiras. Se não as conheces, presta bem atenção. A primeira é a peneira da VERDADE. Tens certeza de que isso que queres dizer-me é verdade?
- Bem, foi o que ouvi outros contarem. Não sei exatamente se é verdade.
- A segunda peneira é a da BONDADE. Com certeza, deves ter passado a informação pela peneira da bondade. Ou não?
Envergonhado, o homem respondeu:
- Devo confessar que não.
- A terceira peneira é a da UTILIDADE. Pensaste bem se é útil o que vieste falar a respeito do meu amigo?
- Útil? Na verdade, não.
- Então, disse-lhe o sábio, se o que queres contar-me não é verdadeiro, nem bom, nem útil, então é melhor que o guardes apenas para ti.

Abraços e estou a disposição em responder qualquer dúvida e espero visitá-los ano que vem.
Paulo Sérgio Bernarde
http://paulobernarde.sites.uol.com.br

Justiça : Racista
Enviado por alexandre em 07/11/2010 03:15:04



Policial Militar é vitima de racismo no Vale do Paraíso

O policial militar Wallace Rodrigues Ramos, que serve no destacamento militar do município do Vale do Paraíso foi vitima de racismo no exercício da sua profissão. O acusado de praticar crime de racismo é o elemento Ivanildo Bispo Maia, vulgo “paralelo”, (foto) pessoa que sempre vem dando trabalho ao destacamento da Polícia Militar no município.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar o elemento Paralelo , foi autuado por estar conduzindo uma motocicleta sem fazer o uso do capacete, motivo pelo qual invadiu o quartel da PM e bastante alterado começou a proferir várias ofensas contra os PMs que estavam de plantão. No dado momento o elemento Paralelo, passou a ofender com palavras racistas o PM Wallace, chamando de “macaco, preto safado, urubu e outras palavras impublicáveis”, diante do fato foi dado voz de prisão contra o elemento Paralelo que tentou agredir fisicamente os PMs sendo necessário o uso da força física para conter o enfurecido elemento.

Preso o elemento Paralelo foi conduzido para a DP de Ouro Preto do Oeste, para ser autuado em flagrante delito pela autoridade policial, o acusado vai responder processo pelo crime de discriminação racial, podendo pegar uma pena de 6 meses a cinco anos de prisão, caso o judiciário assim interprete.

A Constituição de 1988 tornou a prática do racismo crime sujeito a pena de prisão, inafiançável e imprescritível. Mas a legislação brasileira já definia desde 1951 com a Lei Afonso Arinos (lei. 1.390/51), os primeiros conceitos de racismo, apesar de não classificar como crime e sim como contravenção penal (ato delituoso de menor gravidade que o crime).

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Justiça : A casa caiu
Enviado por alexandre em 03/11/2010 01:54:34



Polícia Militar prende quadrilha que aterrorizava zona rural de Ouro Preto

A Polícia Militar de Ouro Preto prendeu uma quadrilha que estava aterrorizando moradores da zona rural do município. Foram presos os meliantes Lucivaldo Alves Santos, 22, Arnaldo Vieira do Prado, 25, (ambos foragido do presídio de Ariquemes) e Luciene Felix dos Santos, 20 moradora de Ouro Preto e apontada como a pessoa que dava cobertura para a quadrilha que tem mais um elemento que se encontra foragido já identificado como sendo Natanael Viana Pinheiro.

Segundo informações da Polícia Militar, uma denuncia feita para o número 190 informava que dois elementos estavam em atitude suspeita em um bar localizado no Posto de combustível na BR 364, uma viatura composta pelos PMs, Resende, Campos e Isac, compareceu ao local, mas os dois elementos ao perceberem a presença policial empreenderam fuga em duas motos Honda Bros, pretas e placas NDE – 3500/RO e NDV – 3525/RO, ambas foram roubadas na cidade de Alto Paraíso. Foi feita uma perseguição pelas vias da cidade tendo um dos elementos abandonado a moto e emprenhou-se no matagal, enquanto que o segundo elemento identificado como sendo Lucivaldo Alves, foi capturado quando tentava pular o muro de uma residência.

Preso o elemento Lucivaldo Alves confessou ser foragido do presídio de Ariquemes e que juntamente com dois comparsas tinha jeito uma família refém na RO 470 (conhecida como linha 81) linha 04, KM 03, zona rural de Ouro Preto e de lá levaram dinheiro, jóias, roupas e um veiculo Fiat Uno, branco, placas NDZ – 4684/RO. Lucivaldo indicou o local onde estava homiziado um de seus comparsas, a Policia esteve em uma propriedade rural no Distrito de Cedro Rosa, pertencente ao município do Vale do Paraíso, e prendeu o elemento Arnaldo do Prado que estava dormindo dentro do veiculo tomado no assalto e em seguida foi presa Luciene Felix que estava guardando uma pistola calibre 380. Conduzidos para a DP local a quadrilha foi qualificada em assalto a mão armada e Cáceres privado e formação de quadrilha após os procedimentos legais todos foram recolhidos a Casa de Detenção onde ficarão a disposição da Justiça.

Ficha criminal dos elementos

Lucivaldo Alves cumpre pena por assalto a mão armada e foi condenado há 20 anos de prisão.
Arnaldo do Prado cumpre pena por homicídio ocorrido no ano de 2004 em Ouro Preto do Oeste, quando matou um homem a pauladas, foi condenado há 18 anos de prisão.
Luciene Felix estava em liberdade condicional após ficar presa por três meses na Casa de Detenção local acusada de roubo e formação de quadrilha.

Autor: Alexandre Araujo

Fonte: ouropretoonline.com

Justiça : Ditadura
Enviado por alexandre em 28/10/2010 13:19:24



Prefeito de Ouro Preto acaba com gestão democrática nas escolas

O prefeito Alex Testoni (PTN) conseguiu aprovar um projeto que acaba com a gestão democrática nas escolas e teve como grande aliada a vereadora e professora Rosária Helena (PRB) que articulou toda manobra junto aos seus pares.

A gestão democrática que é um projeto do vereador Almir Barbosa (PT) do ano de 2005 institui a eleição direta dos diretores e secretários das escolas da rede municipal de ensino, ou seja, alunos, pais e funcionários têm direito a eleger diretor e secretário da unidade escolar sem a interferência do prefeito, o modelo de gestão democrática vem sendo seguido em muitos municípios do Brasil.

Dos nove vereadores que compõe a Câmara municipal apenas dois vereadores votaram contra o projeto ambos do PT. Dr. Deraldo e Almir Barbosa. A surpresa foi a vereadora e ex-deputada estadual Rosária Helena que fez parte da tropa de choque do prefeito Alex Testoni e se empenhou para acabar com a gestão democrática um fato reprovável pelos servidores da educação já que a vereadora sempre se elegeu com votos dos professores e funcionários do setor educacional e agora trai toda classe.

“Em Ouro Preto estamos vivenciando o regime chavista, onde a força quer ditar as regras a qualquer custo. Não podemos nos silenciar para as imposições do prefeito Alex Testoni”, disse o vereador Dr. Deraldo Pereira que promete acionar a Justiça e outros meios legais para denunciar uma afronta à democracia que é o projeto aprovado.

A Gestão Democrática garante a constituição do Conselho Escolar; a elaboração de projetos pedagógicos de maneira coletiva e participativa; a definição e fiscalização da verba da escola pela comunidade escolar; proporciona a divulgação e a transparência da prestação de contas; empreende a avaliação institucional da escola, de professores, de dirigentes, de estudantes, da equipe técnica, além da eleição direta para diretores e vice-diretores.

“A posse de diretores e vice-diretores de escolas municipais estabelece o modelo de Gestão Democrática em Ouro Preto. Acabando com a era do apadrinhamento político para o preenchimento dos cargos. Esse processo acabava de vez com o modelo paternalista de escolha de diretores, que entravam pelas janelas do serviço público através de seus apadrinhados políticos, sem ter necessariamente compromisso político com a melhoria do ensino público”, afirmou em tom de revolta o vereador Almir Barbosa.

Durante a sessão ordinária que aprovou o projeto o prefeito Alex Testoni, esteve pessoalmente com os vereadores que compõe a sua tropa de choque e certamente fez valer sua autoridade sobre os mesmo exigindo a aprovação fato este foi devidamente obedecido pelos sete vereadores.

Um fato chamou a atenção durante a sessão foi a presença dos diretores das escolas municipais que na certa ficaram contentes já que o projeto beneficia a categoria, mas o mesmo empenho que os diretores demonstraram deveria ser seguido em outros temas que são discutidos na Câmara já que a omissão da sociedade faz com que os vereadores atropele a democracia e o que é pior aprovam projetos que fere a Constituição federal.

Autor: Alexandre Araujo


Fonte: ouropretoonline.com

« 1 ... 168 169 170 (171) 172 173 174 ... 185 »