O senador Chico no Rego enfia o dinheiro no carretel sem dó e piedade - Regionais - Notícias
Regionais : O senador Chico no Rego enfia o dinheiro no carretel sem dó e piedade
Enviado por alexandre em 16/10/2020 22:52:56

VICENTE  CAMPOS

Senador Chico Rodrigues
Ao sair lá do Senado
Levou para a sua casa
Um dinheiro bem guardado
Tinha mais de 30 mil
Escondidos no fresado.

O SENADO brasileiro
Não é lugar pra calouro
Sai dinheiro na cueca
Entra relógio de ouro
Os pestes agora escondem
Grana no anel de couro.

Trinta mil contos em notas
Só pode ser de 200
Porque se for de 50
O cabra tem passamento
Dá um rolo que acaba
Com as pregas do fedorento.

Ninguém pode acusá-lo
De lavagem de dinheiro
Pois tava fedendo a merda
Juntou logo um mosqueiro
Só prova que senador
Não lava o farinheiro.

Eu não quero nem pegar
Num dinheiro desse, imundo
Foi roubado da saúde
É um desastre profundo
O miserável roubou
E aplicou no seu fundo.

É triste ver um político
Assim como esse nojento
Numa pandemia dessas
Aproveita o sofrimento
Botar o dinheiro do povo
No buraco fedorento.

Tem gente que faz questão
De ir pra longe do céu
Em tempos de pandemia
Joga a salvação ao Léo
Pega a grana pro combate
E enfia no carretel.

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo