ESTUPRADOR - Policial - Notícias
Policial : ESTUPRADOR
Enviado por alexandre em 06/08/2020 09:25:10

Vereador é preso acusado de estuprar duas meninas de 12 e 13 anos
O vereador Adilsso Teodoro da Silva, presidente da Câmara de Vereadores de Guarinos, no interior de Goiás, foi preso nesta terça-feira (4) por suspeita de estuprar duas jovens, de 12 e 13 anos, dentro de uma farmácia, da qual ele é proprietário.

Além do vereador, outro comerciante da cidade também teve mandado de prisão por suspeita de abusos contra as menores, mas está foragido. Há mais homens sendo investigados dentro do caso por suspeita de estuprar menores.

Os crimes ocorreram desde dezembro de 2019. As investigações mostram que eles pagavam pequenos valores às jovens em troca de favores sexuais . “Ele pagava com dinheiro, às vezes R$ 30, e remédios”, explica o delegado Flávio Mendanha Castilho, responsável pelo caso, ao G1 .

As vítimas eram levadas até um cômodo da farmácia, segundo explicou o delega, para receber a aplicação de medicamentos. Lá ocorria o estupro.

“Outros dois donos de mercados e dois maiores são suspeitos de estupro e serão investigados. Um deles já procurou a delegacia e disse que teve relação com uma das menores , mas que não houve pagamento e que foi consentido. Mas, mesmo assim, isso configura crime, pois envolve menores de 14 anos”, disse o delegado.

A suspeita dos estupros surgiu da irmã de uma das jovens.A família delas é de baixa renda e ela desconfiou quando a irmã chegou em sua casa com dinheiro e medicamentos. Quando mais nova, ela também teria recebido ofertas do vereador para receber dinheiro em troca de relações sexuais, segundo relatou. Após isso, ela fez uma denúncia ao Conselho Tutelar do município.

Vereador nega

vereador de Guarinos afirma que as acusações são “inverídicas e as denúncias provavelmente têm cunho político-partidário”, em uma nota enviada ao G1 .

Em seu testemunho à polícia , ele também realizou essa defesa, afirmando que teria apenas atendido uma das jovens, que estava com dor de garganta.

Veja a íntegra da nota:

“Daniel José Prados Silva, advogado do Sr. Adilsso Teodoro Da Silva , por hora, tem a informar que o processo que motivou a prisão temporária de seu cliente tramita em segredo de justiça, e, por isso, não pode divulgar informações.

Ressalta que seu cliente é pessoa honesta e trabalhadora, de boa índole e princípios, que pretende contribuir com a justiça e tem total interesse na elucidação dos fatos.

Afirma que as acusações são inverídicas e as denúncias provavelmente têm cunho político-partidário visto que o Sr. Adilsso tem sido cotado como forte possível candidato ao cargo de vice-prefeito da cidade de Guarinos .

Por fim, destaca que o Sr. Adilsso e família confiam na justiça e têm plena convicção que sua inocência será comprovada”, afirma sua defesa sobre a suspeita contra ele de estuprar as jovens de 12 e 13 anos.

Fonte: IG

Créditos: IG

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo