Réu por crimes contra sistema financeiro, Confúcio quer “urgência” na prisão em segundo grau - Regionais - Notícias
Regionais : Réu por crimes contra sistema financeiro, Confúcio quer “urgência” na prisão em segundo grau
Enviado por alexandre em 14/02/2020 01:12:22

O senador Confúcio Moura foi um dos 20 que assinou o projeto de lei que altera o Código de Processo Penal para disciplinar a prisão após a condenação em segunda instância, em caráter de urgência. Deve estar com pressa de responder pelas ações criminais que responde.

Para que o pedido de urgência seja protocolado, são necessárias 54 assinaturas ou o apoio de líderes que representem esse número de senadores. Já tem 20, entre elas a de Moura.

Bom lembrar que ele respondia no STJ as ações penais 867/DF e a APN 845/DF. A primeira Ação Penal refere-se a crimes contra a Lei de Licitações, praticados por funcionários públicos contra a administração. Além de Confúcio são réus na ação o ex-secretário de Saúde, José Batista da Silva, Maria de Fátima Souza Lima e Francisco de Assis Moreira de Oliveira, cunhado do ex-governador. Tramitava desde 2012 no STJ, e foram encaminhadas para a justiça de Rondônia quando ele deixou o cargo. Agora estão no Supremo em função do foro.

Na outra ação, Confúcio Moura é acusado de Crimes contra a Ordem Tributária (sonegação fiscal). Ele é acusado de compensar, de maneira indevida, valores das contribuições sociais previdenciárias nas guias de recolhimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social entre janeiro de 2009 e março de 2010. Essa ação penal 867/DF (2017/0140897-8) já tramita no STF.

Ou ele está com pressa, ou está contando com aquela morosidade clássica do STF…

BLOG DO PAINEL

Página de impressão amigável Enviar esta história par aum amigo Criar um arquvo PDF do artigo