Amor e Sexo - Pessoas para quem você não deve pedir conselhos amorosos - Notícias
(1) 2 3 4 ... 7263 »
Amor e Sexo : Pessoas para quem você não deve pedir conselhos amorosos
Enviado por alexandre em 25/10/2014 14:20:00

Ele não retornou a ligação porque esqueceu mesmo? Será que estou sendo dura de mais? Devo ou não terminar a relação? Em todo o relacionamento é natural ter dúvidas, e nada melhor do que a opinião de uma pessoa próxima, que forneça um ponto de vista diferente, de quem não está emocionalmente envolvido com a situação, certo? Nem sempre.

“Na verdade, quando pedimos conselhos queremos ouvir algo que confirme o que já estávamos pensando em fazer. Queremos alguém que apoie nossa opinião, para acabarmos de vez com a dúvida”, explica a psicóloga Rafaela Langaro Figueiró.

O problema dos conselhos amorosos, salienta o neuropsicólogo Fábio Roesler, é que esse pretenso distanciamento emocional raramente é isento, o que pode acabar prejudicando a relação de quem pediu o conselho. A verdade é que, mesmo que sem qualquer maldade, algumas pessoas simplesmente não deveriam aconselhar. Seja por estarem passando por um momento ruim ou simplesmente por terem uma visão da vida distorcida por experiências negativas com a vida amorosa.

“O desejo opinar na vida dos outros se encontra enraizado no complexo de onipotência de cada um de nós carrega dentro de si. Isto nos faz pensar que sabemos exatamente como nós e os outros devem se comportar”, aponta Roesler.

É importante lembrar que não existe um perfil fechado de quem pode e de quem não deve dar conselhos amorosos. É preciso bom-senso para identificar se o conselheiro amoroso pode realmente contribuir para a solução do dilema. Aspectos como grau de intimidade, idade e até mesmo visão de mundo, influenciam diretamente nisso. Para quem busca uma opinião sobre relacionamentos amorosos, a principal orientação dos especialistas é jamais esquecer que a decisão final de como lidar com a situação não é de quem dá o conselho, mas sim de quem pede.

Veja a seguir alguns perfis que devem ser evitados na hora de pedir conselhos amorosos e entenda por que essas pessoas provavelmente não vão conseguir ajudar muito:

Seu ex

Por mais evoluídos que vocês sejam e por mais que a relação tenha acabado numa boa, pedir conselhos sobre seu novo amor ao ex pode ser uma total furada. Em geral ele conhece coisas bem íntimas sobre você, o suficiente para atacar seus pontos fracos e inseguranças, caso desejar, ou mesmo inconscientemente. Além disso, ele inevitavelmente vai se comparar ao atual na hora de lhe aconselhar e você não vai querer repetir uma história que deu errado, não é? Faça o teste: o que seu ex-namorado representa na sua vida?

A ex dele

Ele pode até dizer que ela é superbacana e que hoje eles são bons amigos. Não acredite nisso cegamente. Ela pode até tentar ser sua amiga, mas é fato que ela também conhece muitos segredos dele e, inevitavelmente, irá se comparar com você. Leia: Guia prático para a atual e para a ex

Familiares dele

Qualquer membro desse grupo é suspeito para falar sobre a sua relação, seja para o bem ou para o mal. Os pais dele podem achá-lo perfeito. Já um primo invejoso pode guardar rancores e expor defeitos que você não conhecia e sobre os quais nem gostaria de saber. Além disso, falar da relação de vocês para a família dele pode ser bem estranho.

Amiga biscate

Independente de vocês serem boas amigas evite falar sobre seu novo relacionamento com ela. Pessoas com esse perfil tendem a enxergar sedução e sensualidade em tudo, o que já direciona a opinião para longe da imparcialidade. Leia mais: O comportamento sexual de uma piriguete

Avó ou tia-avó

O problema de gerações é gritante quando se trata de relações. Apesar de muitos idosos terem uma postura mais moderna, há uma grande parcela que ainda pensa de forma antiquada quando o assunto é relacionamentos.

Prima solteirona

Se ela faz o tipo que teve muitos namorados, mas todos fugiram na hora em que a relação ficou séria, cuidado. Se ela ainda for do tipo considerado de gênio difícil, melhor nem tocar nesse tema com ela. A fama de geniosa deve-se, provavelmente, ao jeito de enxergar a vida e as pessoas. Você não quer isso para você, certo? Leia mais: É vergonha ser solteira?

Amiga rancorosa

Aqui podemos listar qualquer figura feminina que nutra um profundo rancor pelos homens. Em geral, raiva foi causada por uma ou várias decepções amorosas. Desse tipo de pessoa você só terá uma visão distorcida e voltada para o lado negativo, pode apostar. Leia também: 7 erros na busca de um novo amor

Amiga recém-separada

Quem acabou de passar por um processo de separação não tem condições de ser um conselheiro imparcial nos assuntos do coração. A chance de projetarem frustrações e tristezas que viveram na própria história são grandes. É sempre mais prudente esperar um tempo para voltar a tocar em assuntos que envolvam parceria e amor.

Depois da separação: 9 etapas para retomar a vida

Independente de sua situação, pedir conselhos é apenas uma forma de aliviar um pouco o fardo de tomar uma decisão difícil, ou mesmo de rever uma postura exagerada. A menos que seja dado por um profissional capacitado, qualquer “opinião” sobre sua vida é superficial, uma vez que só você sabe o que está sentindo. No final, sempre há a opção de seguir ou não o conselho. Ao que parece, a velha frase “se fosse bom não se dava, se vendia” continua valendo.

Fonte: com informações do IG

Publicado Por: Ricardo Caetano

Amor e Sexo : Diferentes formas de atingir o orgasmo além da penetração
Enviado por alexandre em 25/10/2014 14:17:54

Na hora do sexo, muitas mulheres ainda têm dificuldade de atingir o orgasmo. Isso acontece por diversos fatores, que podem ser físicos ou psicológicos.

Não consigo ter orgasmo

Se o problema está no orgasmo com penetração, a dica é investir no estímulo do clitóris. É o que a educadora sexual Débora Padua chama de "ponto C". “Tanto os homens quanto as mulheres focam mais em alcançar o ponto G feminino – estimulação na região anterior da vagina – e esquecem que o clitóris também é uma arma poderosa", afirma.

Orgasmo clitoriano

Segundo ela, cerca de 94% das mulheres conseguem atingir o orgasmo com estimulação clitorial. "O clitóris possui cerca de oito mil terminações nervosas, área com mais estruturas fibrosas que qualquer outra parte do corpo humano, além de interagir com outros nervos que irrigam a pélvis, resultando em um orgasmo tão forte quanto", diz.

posicao-cadeira-erotica-casal-sensual.jpg

Formas de prazer no sexo

Há, ainda, outros pontos que podem proporcionar a sensação de prazer nas mulheres, como os seios."Ao serem tocados, eles provocam a produção e secreção de oxitocina, o mesmo hormônio que aparece durante a estimulação vaginal ou clitoriana", explica.

diferentes-formas-atingir-orgasmo-alem-penetracao.jpg

Sexo anal

Mais polêmico, o ânus, ou "ponto A", também pode ser considerado um ponto de prazer. “A maioria das mulheres ainda vivem o tabu do ponto A, mas podem atingir o orgasmo através dele”, afirma.

Ela diz que isso acontece porque as sensações de prazer no ânus, assim como as da vagina, são encaminham para o cérebro através do nervo pélvico.

 

Fonte: com informações do BOLSA DE MULHER

Publicado Por: Ricardo Caetano

Amor e Sexo : Descubra os sinais de quando ele não quer mais namorar ou estar casado
Enviado por alexandre em 25/10/2014 14:16:45

Meninas, dia desses uma amiga me veio com um desses links que grassam na rede mundial de computadores. Melhor dizendo: ela não me trouxe o link. Ela não lembrava onde tinha lido. Mas lembrava do que leu. E mo contou:

“João, esse artigo falava de como a gente pode se ligar nos sinais de que eles – quer dizer, vocês, homens – já não querem mais estar juntos da gente. Sabe? Tipo o casamento que ruiu e o cara não assume? Ou o namoro que é mais amizade ou nem isso do que namoro, mas o cara empurra com a barriga?”

Eu disse que sabia. Mas queria ouvir mais. E ela veio com mais:

“Então, sei que você não gosta muito das generalizações e coisa e tal, mas fez bastante sentido quando li. Eu – e posso te dizer que várias das minhas amigas concordam – acho que vocês são incapazes de terminar. Ou melhor, vocês até terminam, mas só de dois jeitos: quando a coisa fica insuportável ou quando arranjam outra. No geral, eu reparo que homem faz o seguinte: vocês se tornam insuportáveis, vocês tornam o relacionamento insuportável até que a gente tome a iniciativa por vocês. Como se precisassem de uma desculpa ou do conforto de não ter de assumir a decisão, sabe?”

E eu, de novo, disse que sabia. Mas ainda queria ouvir mais. Queria, acima de tudo, ouvir quais eram os sinais que o texto da internet havia listado. E ela veio com a lista:

“Ah, então. Dizia lá que em primeiro lugar o homem some…”

QUANDO O HOMEM SOME

Meninas, decidi ir ponto a ponto. E vamos, então, a primeiro. Quando o homem some. Devo dizer que, nesta altura, eu não devo ter entendido muito o texto que a minha amiga leu. Porque o namorado, o marido, não conseguem muito sumir. Segundo o relato dela, o texto dizia que os homens somem quando não querem mais nada. Pois sim, eles somem quando vocês ainda não são casal.

Agora, quando vocês são casal, o sumiço é de outro tipo. É um sumiço a olhos vistos. É o homem que definha e se encolhe. Ele some, sim, mas doutro jeito: ele não quer mais sair, ele desanima, ele é turrão e irritadiço.

Portanto, registrem: o grande e cabal sumiço do homem é aquele que se dá na sua frente.

NÃO É MAIS CARINHOSO

“Um outro ponto que lembro, João”, prosseguiu minha amiga, “é que o texto dizia que o homem, quando não aguenta mais o relacionamento deixa de fazer aquelas coisinhas que fazia no começo, tipo mandar recadinho com emoticon no celular, como se não tivesse mais nenhum motivo pra, durante o dia, te fazer lembrar dele”.

Verdade, mas mais ou menos verdade. Ah, moças. A vida é tão dura, tão difícil, tão tostines. Porque mora aí, nesse ponto do esfriamento, um nó existencial. Querem ver?

Será que o homem fica mais frio porque não quer mais ou está mais frio porque, com o tempo, qualquer relacionamento diminuiu a quentura, entrando no lugar do calor, outros tipos de energia?

Meu ponto, garotas, é este: às vezes, a gente se preocupa tanto com os sinais que esquecemos que quando prestamos atenção aos sinais, estamos prestando atenção aos sinais que queremos notar. Qualquer relacionamento, do mais fajuto ao mais feérico passeia por um turbilhão de coisas ao mesmo tempo.

Eu disse e digo de novo: você e ele, eu e ela, aquele e aquela, todo mundo é um, nenhum e cem mil coisas no decorrer de um só dia. Tenho medo dessas listas – e eu mesmo cometo algumas delas, vejam só! – que dizem que isso mais aquilo dá tal coisinha.

Tenho medo mesmo.

Porque é isto: às vezes ele não manda mais o emoticon do solzinho sorridente a cada manhã porque não manda. Sem nada além desse motivo. Porque a piada perdeu um pouco da graça. Porque doçura todo dia, toda hora, por anos, pode deixar a doçura menos doce. Porque talvez você também não esteja retribuindo – e talvez nem precisando – desse tipo de mimo. Ou, simplesmente: ele parou de mandar recadinho porque sim.

Enfim.

MAS QUAIS SÃO OS SINAIS?

Moças, minha amiga ouviu isso tudo e coçou a cabeça, enrolou uma mechinha de cabelo (enrolar uma mechinha de cabelo é uma coisa bonita que dói. Façam sempre), e me perguntou:

“Hummm, João, acho que te entendo. Mas então nunca tem sinal? Aí já não posso concordar com você. Porque eu sei que tem. Já passei por vários fins e em quase todos eles, eu tive certeza depois que aquilo tudo que eu sentia era o sinal de que o namoro já era”…

Pois foi justamente aí, meninas, que a minha amiga, sem perceber, deu toda a resposta que este dia merece e precisa.

A vida é exatamente isso. O presente é uma véspera de futuro. O presente é velocíssimo. O presente é mais rápido do que a gente. O presente é o jamaicano correndo na olimpíada. E você é só você. Eu sou só eu.

Estamos sempre atrás do presente. Atrás das coisas que acontecem neste momento.

Moças, a vida só é possível e analisável e compreensível porque ela nos dá passado.

Só aquilo que foi e já não é permite a claridade. Três minutos depois de um fim de amor, eu compreendo todo o fim de amor. Mas no momento em que o coração para de bater, eu nunca sei.

Quero dizer que, sim, há muitos sinais de que ele não quer mais estar com você.

Mas quero dizer ainda mais que esses sinais só serão sinais quando a coisa acontecer: o amor acabar, a separação vier. Antes disso, é natural a nossa confusão. E não há nenhum fórmula para predizer um rompimento a não ser esta:

No fundo, no fundo, a gente sabe quando o amor está por um barbante roído do encerramento. A gente sabe, sim, mas é num fundo tão fundo que não bate luz. Não dá certeza.

O que fazer?

Não sei. Talvez ter menos medo. Talvez conversar mais. Talvez se ouvir mais.

Acho que toda lista sobre “os sinais masculinos da falta de amor” deveria, na verdade, se chamar “os sinais humanos da falta de amor”.

Porque com vocês é igual.

E os sinais, na verdade, são um só.

Tristeza.

O SINAL NÃO ESTÁ NELE

Quando você vive triste e encolhido, você já deixou de amar. Só não conseguiu ver isso. Mas verá. E aí, nesse dia, tudo fará sentido. Tudo parecerá claro. E você dirá ao espelho, à amiga e a quem interessar: “Como é que não vi isso antes?”

E eu direi: “Não viu porque não viu. Porque a gente só vê aquilo que a nossa altura permite ver”.

Ele sumiu? Ele pode mesmo não te amar, mas pode ser também que ele esteja só ocupado. Ele só sai com você quando você implora? Ele pode estar de saco cheio do casal, mas pode também simplesmente ter afrouxado o cinto, aquela impaciência com o resto da humanidade e aquela lerdeza que a alegria de encontrar um amor concede. Ele está frio? Ele pode mesmo não te aguentar mais, mas pode ser que ele esteja chateado com alguma coisa que você fez e não consegue dizer? Ele não te procura na cama? Ele pode estar sem o menor desejo, ou pode ser aquela fase em que vocês dois estão no automático que a convivência diária, implacável convivência diária, presenteia a todo mundo que ama. Ele não faz planos pro futuro, não fala em ter filhos? Pode ser que ele não queria esse futuro, ou talvez ele queria tanto e é tão difícil falar disso contigo.

Amar é difícil, meninas.

Viver a dois é a coisa mais dura que há.

Dentro do amor, tudo pode ser tudo.

Mas há, sim, o único sinal possível.

Esqueça de buscar nele o sinal do fim de amor. A grande solução está em tirar a cuca dele.

E ouvir a afinação do próprio peito.

Quando você é triste, você já não ama. Quando você está amuada o tempo todo, você já não ama. Quando o desanimo é seu e estar com ele é 90% de sofrimento ou incomodo, vocês já não amam. Porque o amor só existe a dois. Sim, sim. O amor que vem só de um lado não é amor: é carência, é paixão, é medo, é solidão.

Moças, o único sinal de um amor esfarrapado é aquele que você já sabe:

A vida se torna um pedaço de minutos, dias e horas bastante ruim.

Você sabe.

Fonte: com informações da Marie Claire

Publicado Por: Ricardo Caetano

Regionais : 5 problemas de beleza que podem ser resolvidos com óleo de coco
Enviado por alexandre em 25/10/2014 13:56:50

Acorda Cidade

CUTÍCULA MACHUCADA
O óleo de coco é um grande aliado da beleza e pode ser usado em todo o corpo. O site "Divine Caroline" indica que quando a cutícula nasce quebrada ou é machucada e fica em escamas, uma das soluções é aplicar óleo duas vezes por dia para ajudar na recuperação da pele.

PELE IRRITADA
Para mantê-la macia, além da hidratação com cremes, é possível usar o óleo para combater a vermelhidão e a irritação. O produto também ajuda a reforçar a barreira natural da pele

PELE RESSECADA
Geralmente as regiões dos cotovelos e pés são as que mais sofrem com o ressecamento. Lance mão do óleo de coco para hidratar e ajudar na recuperação.

CASPA
Uma das medidas alternativas para combater a caspa é, acredite, o óleo. Basta esfregá-lo na raiz do cabelo que ele irá reduzir o problema, além de aliviar a coceira e a descamação.

FRIZZ
Misture um pequena porção do produto nas mãos e passe na ponta dos cabelos para evitar que o frizz estrague seu look. O óleo repele a água, que é a principal causadora do problema.

Fonte: Marie Claire

5 problemas de beleza que podem ser resolvidos com óleo de coco

A Sua Saúde : Óleo mágico: dez utilidades do azeite de oliva para a sua beleza
Enviado por alexandre em 25/10/2014 13:55:25

Acorda Cidade

O azeite de oliva tem propriedades altamente hidratantes. O ingrediente é inclusive matéria prima de muitos xampus, condicionadores, máscaras, loções corporais e mais produtos. Puro, ele pode ser um grande aliado da sua beleza, servindo para hidratar o cabelo, a pele, remover a maquiagem a mais. Veja dez truques:

1. HIDRATE AS MADEIXAS
Coloque um pouco de azeite em um pote e aqueça-o no microondas por alguns segundos até ficar morno. Aplique no cabelo e no couro cabeludo e deixe-o agir por 20 minutos. Depois, lave as madeixas com xampu para remover o óleo e finalize com o condicionador. Essa preparação pré-lavagem com o azeite pode hidratar profundamente os fios e deixá-los mais macios.

2. ELIMINE O FRIZZ DO CABELO
Aplique o azeite nos fios ao invés de um produto anti-frizz. Mas use uma quantidade extremamente pequena e passe apenas no comprimento e pontas, senão seu cabelo ficará oleoso.

3. REMOVA O MAKE
Acabou o demaquilante? Sem problemas. Passe um pouco de azeite em um algodão e remova a maquiagem. Além de limpar a pele, ele também irá hidratá-la. Mas depois do procedimento, lave o rosto para não deixá-lo muito oleoso e aparecerem espinhas.

4. AMOLEÇA AS CUTÍCULAS
O azeite é até mais eficaz do que os cremes na tarefa de amolecer as cutículas. Além disso, ele hidrata instantaneamente a pele e as unhas.

5. LIMPE OS PINCÉIS DE MAQUIAGEM
Misture o azeite com um sabão antibacteriano em um prato e passe os pincéis na solução líquida. Você começará a ver os resíduos saindo dos pincéis imediatamente. Depois de tê-los limpos, lave-os em água morna e deixe-os secar. Para conservar seus pincéis, você deve lavá-los regularmente, a cada duas ou três semanas é ideal.

6. ESFOLIE A PELE
O azeite é uma boa base para fazer um esfoliante caseiro para o rosto e para o corpo. Adicione açúcar, sal ou café ao azeite e crie uma pasta. Massageie a mistura no rosto, braços e pernas para eliminar pele morta.

7. RASPE AS PERNAS
O óleo é um ótimo substituto para o creme de barbear. Espalhe uma quantidade por toda a perna e depois use a lâmina. Por ser altamente hidratante, o produto tende a proteger a pele e deixá-la mais macia. Mas tenha cuidado para não escorrer com o óleo.

8. ALIVIE QUEIMADURAS
Tomou sol demais e esqueceu o protetor? O azeite pode ajudá-la a amenizar as dores de queimaduras. Misture o óleo com o vinagre e passe a solução ao longo das áreas queimadas para aliviar a dor.

9. REALCE OS CÍLIOS E AS SOBRANCELHAS
Assim como seu cabelo, seus cílios e sobrancelhas também merecem atenção. Esfregue um pouco de azeite neles e você perceberá na hora que eles estão mais brilhantes e com o tom acentuado.

10. CUIDE DOS CALCANHARES
Antes de dormir, passe azeite nos calcanhares rachados ou secos, ou adicione um pouco do óleo ao seu creme hidratante para os pés. Em seguida, coloque meias para não melar tudo com o azeite. Pela manhã você já sentirá diferença: seus pés mais macios e revigorados. Você pode repetir o procedimento diariamente.

Fonte: Marie Claire

Óleo mágico: dez utilidades do azeite de oliva para a sua beleza

(1) 2 3 4 ... 7263 »